Powerpoint Palestra 2014-Atendimento Ao Turista

download Powerpoint Palestra 2014-Atendimento Ao Turista

of 40

  • date post

    20-Dec-2015
  • Category

    Documents

  • view

    36
  • download

    3

Embed Size (px)

description

Palestra de atendimento a turistas

Transcript of Powerpoint Palestra 2014-Atendimento Ao Turista

O sorriso que rende bons negcios

Atendimento ao turista

O sorriso que rende bons negcios;O que qualidade no atendimento ao turista?O que fazer na prtica?De onde so os visitantes?O importante papel dos taxistas e motoristas de nibus;Atendimento na hospedagem;Nos bares e restaurantes;Valorize a cultura da sua cidade;Conhea algumas caractersticas das regies brasileiras;Regio Centro-Oeste;Regio Nordeste;Regio Norte;Regio Sudeste;Regio Sul;Turismo sustentvel;Cuidado com os preos praticados;Alerte os visitantes;Explorao sexual de crianas e adolescentes crime;Capacitao profissional;Como lidar com reclamaes dos clientes?O setor de transporte e o turista;Pequeno dicionrio.

O sorriso que rende bons negcios Temos a tendncia de associar a palavra turismo com frias, descanso, passeios e viagens, mas, no caso de nossa cartilha, vamos ver de outra forma. Vamos encarar o turismo por detrs do balco, como um negcio em ascenso e altamente rentvel. No Brasil temos caractersticas, como belezas naturais, culturais e arquitetnicas, que tornam inmeras cidades altamente atrativas para o turismo. S para citar alguns exemplos de sua diversidade: so 7.408 km de litoral, com praias maravilhosas; temos a Amaznia com suas florestas admiradas por todo o mundo; na regio Sul, serras com cidades charmosas; o interior de Minas Gerais e de Gois com suas cidades histricas; o encanto que o Pantanal; a modernidade de Braslia; os eventos e negcios de So Paulo; o Rio de Janeiro, a cidade maravilhosa, que dispensa comentrios sobre seu potencial turstico.

O sorriso que rende bons negcios Segmentos como hotelaria, entretenimento, alimentao e transporte so beneficiados diretamente, logo funcionrios de empresas e prestadores de servios desses setores devem estar preparados para desempenharem bem o seu papel.

Comea por uma atitude bastante simples e ao alcance de todos: um sorriso.

Essa expresso, com o mesmo significado em todo o mundo, dever ser base de todas as demais atitudes ao longo do contato com os turistas, afinal, esses, sim, esto em clima de frias, passeios, descanso e estaro bastante receptivos aos sorrisos, proporcionando as condies ideais para um atendimento tranquilo e com qualidade.

O sorriso que rende bons negcios

Pode parecer um detalhe sem muita importncia, mas as boas maneiras ao lidar com os turistas fazem toda a diferena.

Palavras como: bom dia; boa tarde; por favor; muito obrigado; com licena, demonstram nossa civilidade e nosso desejo de sermos atenciosos e gentis.

So boas prticas que devemos adotar, no s para nossos compromissos profissionais, mas tambm em convvio social e domstico.

O sorriso que rende bons negcios

O sorriso apenas o comeo. Para sermos avaliados como um pas ou uma cidade que recebe bem o turista, temos que ir bem alm.

importante um atendimento de qualidade, fazendo com que as expectativas do cliente sejam superadas.

Precisamos ser hospitaleiros com nossos visitantes e, por mais subjetivo que isso possa parecer, suas consequncias so bem concretas, positiva ou negativamente.

O que qualidade no atendimento ao turista?

O conceito de hospitalidade parte do entendimento de que o visitante bem- vindo, logo, acolhido e o seu bem-estar torna-se uma preocupao do seu anfitrio.

Sob o ponto de vista comercial : A prestao de servios com qualidade, atenta s particularidades de um pblico culturalmente distinto.

Um cliente bem recebido pode significar um possvel retorno ou fidelizao.

O que qualidade no atendimento ao turista? Exemplo de Atendimento de Qualidade

Imagine um grande restaurante, muito bem avaliado por seus clientes que moram na cidade. Esse mesmo estabelecimento ao oferecer o mesmo servio a um turista de outra regio ou de outro pas no bem avaliado.Provavelmente no foram feitas as adaptaes necessrias para atendimento focado nas necessidades dos turistas.

Outra situao: se oferecer churrasco para um argentino ou uruguaio, ele pode achar muito bom, pois um prato muito apreciado em seus pases. Para um indiano pode ser um desrespeito, j que no come carne bovina por considerar a vaca um animal sagrado.

O que qualidade no atendimento ao turista? Qualidade no atendimento ao turista diferente de atendimento de qualidade em geral. H a necessidade de incluir alguns cuidados pensando nesse pblico to especial. Empresas e prestadores de servios tm de pensar estrategicamente.O cuidado deve ir alm da execuo correta do servio.

No caso, por exemplo, de um taxista, este deve se preocupar com sua aparncia e higiene pessoal, veculo limpo e conservado, troco sempre mo, revistas ou outras formas de entretenimento a bordo, conhecimento sobre as taxas cambiais, alm de cortesia e simpatia sempre.

O que qualidade no atendimento ao turista?

O que fazer na prtica? Vamos elencar uma srie de sugestes prticas a ser adotada ou adaptada realidade de cada regio ou ao tipo de prestao de servio realizada.

O importante que cada profissional, funcionrio de empresa ou prestador de servio autnomo compreenda que:Receber bem o turista trabalhar para a manuteno de sua empregabilidade

Alm de trazer mais recursos para sua cidade e ajudar a colocar o Brasil em uma posio de destaque no rol de melhores destinos do mundo.

De onde so os visitantes? Devem-se buscar informaes (sugere-se Secretaria de Turismo do Municpio) para saber a procedncia dos visitantes de sua cidade. Se forem basicamente hspedes brasileiros, identificar de qual regio. Se estrangeiros, qual a nacionalidade mais frequente. Vamos imaginar que 40% dos visitantes de determinada cidade so argentinos, ento algumas sugestes:

De onde so os visitantes? Pesquise na internet as caractersticas de sua cultura e seus hbitos rotineiros, como o que costumam comer no caf da manh, pratos preferidos, horrios das refeies etc. (Isso vale para clientes brasileiros de outras regies);Em seus informes escritos como: cardpios, placas, material publicitrio coloque a traduo em espanhol e tambm em ingls; Procure aprender, ao menos, as palavras bsicas do idioma, como: cumprimentar, agradecer, saber entender quando perguntarem o preo, ou quando pedirem uma informao etc.

Os motoristas de nibus urbano e de nibus de turismo, assim como os taxistas, tambm configuram entre os primeiros contatos do turista, logo, devem ter os mesmos cuidados para causar uma boa impresso.

natural que alguns visitantes tenham dvidas e inseguranas, principalmente se visitam a cidade pela primeira vez, assim, os condutores, cobradores e agentes de bordo devem procurar passar tranquilidade e informaes bem precisas de forma cordial e atenciosa.

O importante papel dos taxistas e motoristas de nibus

Atendimento na hospedagem O turista uma pessoa que deixou seu lar para conhecer ou visitar um outro lugar. Isso pode gerar certa ansiedade, principalmente com relao a sua hospedagem, pois ser sua casa durante a estada. Um servio de hospedagem de qualidade, que atenda s necessidades do hspede, j meio caminho andado para uma avaliao positiva de toda a viagem.

A hospedagem escolhida de acordo com uma srie de critrios, como localizao, preos, estrutura, etc. Mais alguns pontos independem disso e podem e devem ser oferecidos em qualquer tipo de hospedagem, das mais simples s mais sofisticadas, pois so bsicos:Higiene;Organizao; e Cordialidade.

Atendimento na Hospedagem

O servio de recepo ponto central.

Determinante em qualquer tipo de estabelecimento de hospedagem (hotis, pousadas, resorts etc), pois ser responsvel por todo apoio dado ao hspede, desde o momento da reserva, ao deixar claras todas as informaes a respeito dos quartos, at no ato do fechamento da conta, para que ocorra de forma tranquila e sem imprevistos desagradveis aos visitantes.

Atendimento na hospedagem

Atendimento na hospedagem Veja Mais Algumas Dicas Importantes: Na recepo, o hspede deve ser sempre atendido de forma corts, com informaes precisas. Evite desviar o olhar enquanto conversa com o cliente. Caso o telefone toque ou outra interrupo ocorra, pea licena e volte conversa, o mais rpido possvel; Sorria sempre; Esforce-se para memorizar o nome do hspede, ele vai ficar satisfeito ao ser chamado pelo nome; Seja discreto e no arrisque tentar adivinhar o parentesco ou relao entre os hspedes, para no criar nenhum tipo de constrangimento; Tome cuidado com os recados deixados aos hspedes. Se no entender o nome, pea para soletrar e anote com cuidado o telefone de contato. Entregue o recado anotado com letra de forma ou impresso; Esteja preparado para fornecer informaes sobre hospitais, farmcias e principais atraes tursticas; Na sada do hspede, atenda-o com o mesmo calor humano com que o recebeu; Mantenha uma lista atualizada com contatos de taxistas, empresas e guias de turismo para oferecer uma informao de qualidade.

Os turistas buscam determinado bar ou restaurante provavelmente por indicao de um guia de turismo, um taxista ou de um recepcionista de hotel. H, ainda, aqueles que pesquisam antes na internet os locais mais indicados.

Independente do meio utilizado, a indicao a principal propaganda desse tipo de estabelecimento para atender os turistas. Oferea sempre bons produtos e servios de qualidade. A propaganda boca a boca vai ocorrer naturalmente.

Nos bares e restaurantes

Outras dicas: Conhea e pratique o cdigo de conduta das empresas de alimentao fora do lar (documento produzido pelo ministrio do turismo, disponvel em seu site www.turismo.gov.br na seo de publicaes) Zele pela segurana dos alimentos, desde a escolha dos fornecedores, o processo de manipulao, at o momento de servir mesa;Cuide da apresentao pessoal dos garons (limpeza do uniforme, barba bem feita ou aparada, unhas limpas e curtas, odor da tran