Noticirio 06 02 15

download Noticirio 06 02 15

If you can't read please download the document

  • date post

    07-Apr-2016
  • Category

    Documents

  • view

    232
  • download

    0

Embed Size (px)

description

 

Transcript of Noticirio 06 02 15

  • O DEBATEDIRIO DE MACA

    Dcits de gua e na segurana ainda elevam custos para a indstria offshore

    Criana aparece aps mobilizao

    Mobilidade tambm integra demandas que influenciam na capacidade de operao das empresas que atuam na regio da Bacia de Campos. Intervenes j foram mapeadas por prefeitos atravs de discurso regional PG. 3

    Concentrao de leo identificada no Poo de Basilisco fortalece previso de aumento da produo baseada em novo plano estratgico

    www.odebateon.com.br

    Maca (RJ), sexta-feira6 de fevereiro de 2015Ano XXXIX, N 8625Fundador/Diretor: Oscar Pires

    ANDR MOTTA/SECOM

    WANDERLEY GIL

    KAN MANHES

    KAN MANHESSistema de produo j baseado na Bacia de Campos pode garantir a recuperao do mercado do petrleo nos prximos dois anos

    Novo caso teve desfecho na 123 Delegacia

    facebook/odebate

    twiter/odebate

    issuu/odebateon

    Um suposto desaparecimento de uma menina de sete anos, na Barra de Maca, durante a tarde da ltima quarta-feira (4), foi solucionado na 123 Delegacia de Polcia, na manh de ontem (5). A criana foi encontrada por um casal na noi-te do mesmo dia em que teria sumido, na Rodovi-ria de Maca. Ainda na delegacia, ela encontrou a me e familiares. Este foi o segundo caso que ganhou repercusso nas redes sociais.J o caso de Ana Gabriela, tambm de sete anos,

    ainda segue sem desfecho. A menina sumiu en-quanto brincava na Praa Mirante dos Navegan-tes, tambm na Barra de Maca, no fim da tarde do ltimo domingo (1). Ontem, a equipe da Polcia Civil de Maca afirmou que as investigaes pros-seguem, porm, sem dar detalhes do trabalho. A famlia segue campanha nas redes sociais para buscar informaes sobre o paradeiro da menor. PG. 3

    Em meio s expectativas sobre a reviso do plano estratgico de investi-mentos para o setor de leo e gs no pas, o anncio feito on-tem pela Petrobras sobre a des-coberta de petrleo no Poo de Basilisco fortalece o potencial

    da Bacia de Campos em garantir o crescimento do setor oshore, diante da crise enfrentada pelo mercado internacional.Ao concentrar toda a estru-

    tura necessria para o proces-so de extrao de leo bruto e gs natural nas camadas do

    ps-sal, a Bacia de Campos apontada por especialistas do setor como rea capaz de gerar a reestruturao da Petrobras, diante dos efeitos da crise ins-titucional gerada pelas denn-cias de corrupo. Ao realizar, ao longo dos ltimos dois anos, a manuteno de plata-formas, alm da substituio de unidades mais antigas em operao na Bacia de Campos, a Petrobras manteve o nvel de produo de leo bruto e gs

    CMARA DE QUISSAM PRESTA HOMENAGENS

    CARNAVAL CRIA EXPECTATIVA DE VENDAS NO COMRCIO

    EQUIPE REFERNCIA EM PROTEO AMBIENTAL

    Menina de 7 anos fugiu de escola e foi encontrada por famlia na Rodoviria de Maca

    R$ 1,00

    natural, mesmo com a queda do preo do barril no mercado internacional, posio que foi encarada como positiva pelas grandes empresas.Ontem, a companhia informou a desco-berta de novas acumulaes de leo em bloco exploratrio do ps-sal da Bacia de Campos. Segundo a companhia, o poo

    est localizado a aproximada-mente 143 km da cidade de Ar-mao dos Bzios, na costa do Estado do Rio de Janeiro. PG. 3

    Descoberta de petrleo refora potencial da Bacia de Campos

    REGIO, PG.8 ECONOMIA, PG.6 CIDADE, PG.2

    POLTICA POLCIA

    Ceperj prorroga prazo de inscrio

    PM estoura ponto de venda de drogas

    NDICETEMPO

    COTAO DO DLAR

    ECONOMIA POLCIA CIDADE

    Instituio realiza concurso e oferece vagas para diversas reas PG. 2

    No local foram encontrados materiais para endolao de entorpecentes PG. 5

    WANDERLEY GIL REGISTRO POLCIA

    Lucy Caldas apresentou sistema de captao de gua de chuva Balana foi apreendida

    Iniciativa garante uso sustentvel da guaMtodo auxilia tambm na garantia de consumo em poca de seca PG. 6

    EDITORIAL 4

    PAINEL 4

    GUIA DO LEITOR 4

    ESPAO ABERTO 4

    CRUZADINHA C2

    HORSCOPO C2

    CINEMA C2

    AGENDA C2

    Mxima 30 CMnima 21 C

    Compra R$ 2,7400Venda R$ 2,7415 Anuncie: (22) 2106-6060 (215)

    POLCIA GERAL POLTICA CADERNO DOIS

    Homem suspeito de trfico detido

    Prefeitura amplia recapeamento de ruas

    PT orienta bancada contra veto Lei

    Sentrinho abre carnaval macaense

    Polcia encontrou drogas e dinheiro fruto de trfico PG. 5

    Projeto garante melhorias no trfego de veculos PG. 7

    Diretrio garante apoio iniciativa de Igor Sardinha PG. 3

    Gourmet Musical do Sentrinho acontece nesta sexta (6) CAPA

  • O DEBATE DIRIO DE MACA2 Maca, sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

    Cidade NOTAEspecialistas alertam sobre atividade fsica. Praticar corrida sem orientao pode causar leses.

    DEDICAO

    Guarda Ambiental de Maca referncia na regio Equipe de 45 profissionais tem como misso atuar na preservao do meio ambiente

    Marianna Fontesmarifontes@odebateon.com.br

    Com a misso de preservar o meio ambiente, a Guarda Ambiental de Maca vem realizando um trabalho impor-tante em todo o municpio. E hoje, 6 de fevereiro, comemo-rado o Dia do Agente de Defesa Ambiental, data que visa home-nagear esses profissionais que atuam na proteo das nossas matas, recursos hdricos e fauna.Vinculada secretaria de Or-

    dem Pblica, ela responsvel por proteger e fiscalizar as reas de preservao ambiental, apu-rar denncias e fazer rondas peridicas em diversos locais do municpio. Essas medidas visam coibir o desmatamento, inva-ses, a caa e a pesca predatria, derramamento de resduos em recursos hdricos, entre outras. Atualmente o setor conta com

    uma equipe de 45 homens, que trabalham em regime de plan-to, atendendo populao 24 horas (todos os dias da semana). So trs equipes divididas da se-guinte maneira: duas na serra e uma na rea urbana. Eles tambm prestam apoio

    a outros rgos, entre eles, a se-cretaria de Ambiente, a Defesa Civil, as polcias Militar, Civil e Federal e o Instituto Chico Men-des de Conservao da Biodiver-sidade (ICMBio). De acordo com o coordenador

    do setor, Madson Nazareno, para se tornar um agente ambiental necessrio ser um servidor da Guarda Municipal. Para isso, ele passa por uma triagem e, lo-go em seguida, por um processo experimental, onde a primeira atividade de incurso dentro da mata. Os agentes ambientais tm treinamento intensivo para aes em matas, com tcnicas de sobrevivncia, atendimento de primeiros socorros e resgate. Esse profissional precisa

    passar por um processo de qua-lificao especfica na rea am-biental. Durante esse perodo de adaptao, conseguimos ter um cenrio daquele agente para saber se vale a pena e se h est-mulo da parte dele. Depois disso, ns comeamos a prepar-lo por meio de cursos diversos: sobre animais peonhentos, comba-te a incndio florestal, resgate de animais silvestres, conheci-mentos sobre a fauna e a flora

    KAN MANHES

    O Dia do Agente de Defesa Ambiental comemorado em todo o pas nessa sexta-feira

    do municpio, entre outros. bom ressaltar que no so ape-nas os novos, mas que todos os guardas ambientais passam por reciclagens e aprimoramento, explica Madson.

    AES ACABAM VIRANDOINDICADORES Alm de contribuir com a pre-

    servao, o trabalho da Guarda Ambiental acaba, indireta-mente, tendo um grande papel

    informativo. De acordo com Madson, eles tm percebido ao longo dos ltimos trs anos mudanas no que diz respeito ao meio ambiente.Devido a diversos fatores, co-

    mo queimadas e o crescimento do municpio, tem acontecido um aumento de animais silves-tres no permetro urbano. E es-tamos sentindo que a populao est mais consciente e j deposi-ta uma credibilidade e confiana

    no nosso trabalho. De um tempo para c, o nmero de denncias tem aumentado. E isso funda-mental, pois o muncipe acaba ajudando o nosso trabalho. importante relembrar que o ci-dado no deve tentar capturar esses animais por conta prpria. Nessa situao, basta entrar em contato com a gente que iremos ao local. Estamos dia e noite de prontido para atender a popu-lao, pontua.Madson tambm enfatiza que

    em Maca existe uma cultura de caar pres, espcie de roedor encontrado nas matas da regio, o que acaba criando outro pro-blema: os incndios florestais. Essas pessoas colocam fogo na vegetao para espantar esses animais, visando captur-los. Vale ressaltar que essa uma prtica ilegal e o infrator pode responder por crime ambiental. E no s isso, alm dos danos ambientais, essas queimadas poluem o ar e geram muitos transtornos, principalmente em locais prximos s rodovias. Isso acaba prejudicando a visibi-lidade dos motoristas, podendo causar acidentes ou o fechamen-to da via, alerta.

    Denncias podem ser feitas Guarda Ambiental atravs do telefone (22) 99701-9770. Esse nmero funciona em tempo in-tegral.

    EDUCAO AMBIENTAL FOCO EM 2015Para construir uma cidade

    consciente, preciso fazer um trabalho educativo junto so-ciedade. E atravs da educao ambiental que os agentes vm mudando o perfil do cidado macaense. Isso j vem sendo fei-to com crianas e adolescentes nas escolas. De acordo com Madson, a

    meta focar boa parte das aes nessa rea. Temos a ideia de investir mais nessa parte. Ns estamos qualificando os nossos profissionais para isso. Quere-mos ter uma cidade com uma sociedade mais consciente so-bre a proteo ambiental e a conservao da fauna e da flora. Essa cultura j est mudando em Maca, mas um trabalho que precisa ser contnuo. No adianta apenas ter um rgo preparado para solucionar o problema. essencial atuar na preveno, destaca.

    BARRA DE MACA

    Pedestres pedem soluo para falta de travessia na RJ-106

    Todos os dias, milhares de moradores da Barra de Maca, Nova Braslia, Fronteira e de-mais comunidades do entorno, arriscam suas vidas ao atraves-sar a Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106). Isso ocorre porque os locais de travessia no ofere-cem condies e segurana para a pop