Apresentação Cultura Organizacional

Click here to load reader

Embed Size (px)

description

Cultura Organizacional

Transcript of Apresentação Cultura Organizacional

  • 1. Csar Perusso Fabrcio Schelin Lucas Agostini Tiago Longhi (coordenador) Vnius Debiasi Cultura Organizacional: Introduo, Modos de compreenso e relevncia do conceito de cultura Universidade de Caxias do Sul Psicologia Organizacional (PSI0281A)

2. Histrico No incio a palavra cultura era relacionada ao cultivo de terras. Com a necessidade de compreender as diferenas comportamentais e entre naes foi progressivamente conferindo um outro sentido a palavra cultura. No final do sculo XVIII ao incio do sculo XIX com Tylor o estudo da cultura como campo de conhecimento cientfico comeou a se firmar. 3. Conceitos Para Tylor, a palavra cultura significava os conhecimentos, crenas, arte, moral, leis, costumes ou outras capacidades ou hbitos adquiridos pelo homem como ser social. Atualmente, o conceito de cultura utilizado para explicar o fato de que diferentes grupos de pessoas tem formas distintas de aprender os eventos da realidade e reagir a ela, apartir de significados que so gradativamente aprendidos e compartilhados. 4. Modos de Compreenso (Tylor/Boas) Tylor Foi o pioneiro, na sua compreenso a cultura se trata de um fenmeno natural, que possui causas e regularidades evidentes capazes de viabilizar a formao de leis sobre o processo cultural e sua evoluo, suas ideias so baseadas na teoria evolucionista de Charles Darwin. Boas Construiu o particularismo histrico. Nessa abordagem o entendimento de que cada cultura apresenta particularidades muito prprias em funo dos distintos incidentes histricos com que se deparou. 5. Modos de Compreenso (Kroeber) A cultura se sobrepe a herana gentica. A cultura diminui a fora de seus instintos. A cultura se constitui em um instrumento de adaptao aos diferentes ambientes ecolgicos. A cultura um processo acumulativo que resulta do apreendizado da experincia histrica das geraes antecedentes. 6. Modos de Compreenso (Keesing) Defendeu duas teorias. Teoria de cultura como um sistema Adaptativo Se baseiam em padres comportamentais socialmente estabelecidos e transmitidos, cuja finalidade de adaptar as comunidades humanas e garantir a sobrevivncia do sistema. 7. Modos de Compreenso (Keesing) Teoria Idealistas de cultura (subdividido em trs abordagens) Sistema cognitivo - Habilidade de se observar e se adaptar ao meio em que est inserido. Sistema Estrutural - o resultado da criao acumulativa da mente humana. Sistema Simblico um sistema baseado em regras, cujo objetivo orientar o comportamento das pessoas. 8. Relevncia Tem como objetivo conceituar o que uma organizao, definir cultura a partir da escolha de uma abordagem terica especfica e estabelecer um conceito de ser humano. Essa combinao se faz compreender a organizao como um fenmeno natural. 9. Relevncia (Tpicos) Administrao Comparativa Cultura um Instrumento a servio das necessidades biolgicas e psicolgicas do homem. Organizaes so instrumentos sociais para a realizao de tarefas. Cultura Corporativa Cultura funciona como um mecanismo adaptativo-regulador. Ela unifica o indivduo nas estruturas sociais. Organizaes so organismos adaptativos existentes nos processos de troca de ambiente. Cognio Organizacional Cultura um sistema de cognies compartilhadas. A mente humana gera a cultura pelo significado de um nmero finito de regras Organizaes so sistemas de conhecimentos. A organizao repousa na rede de significados subjetivos que os membros organizacionais compartilham 10. Relevncia (Tpicos) Simbolismo Organizacional Cultura um sistema de smbolos e significados compartilhados. A ao simblica necessita ser interpretada, lida e decifrada para ser entendida. Organizaes so modelos de discurso simblico. A organizao mantida por meio de formas simblicas, tais como a linguagem que facilita compartilhar os significados e as realidades. Processos inconscientes e organizao Cultura uma projeo da infra- estrutura universal da mente. Formas e prticas organizacionais so manifestaes de processos inconscientes.