1 Coríntios 1:17-31 - .1 Coríntios 1:17-31 17 Pois Cristo não me enviou para batizar, mas para

download 1 Coríntios 1:17-31 - .1 Coríntios 1:17-31 17 Pois Cristo não me enviou para batizar, mas para

of 15

  • date post

    19-Jan-2019
  • Category

    Documents

  • view

    215
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of 1 Coríntios 1:17-31 - .1 Coríntios 1:17-31 17 Pois Cristo não me enviou para batizar, mas para

  • 1 Corntios 1:17-3117 Pois Cristo no me enviou para batizar, mas para pregar

    o evangelho, no porm com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo no seja esvaziada.

    18 Pois a mensagem da cruz loucura para os que esto perecendo, mas para ns, que estamos sendo salvos, o poder de Deus.

    19 Pois est escrito: Destruirei a sabedoria dos sbios e rejeitarei a inteligncia dos inteligentes.

    20 Onde est o sbio? Onde est o erudito? Onde est o questionador desta era? Acaso no tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?

    21 Visto que, na sabedoria de Deus, o mundo no o conheceu por meio da sabedoria humana, agradou a Deus salvar aqueles que crem por meio da loucura da pregao.

  • 1 Corntios 1:17-3122 Os judeus pedem sinais miraculosos, e os gregos

    procuram sabedoria; 23 ns, porm, pregamos a Cristo crucificado, o qual, de

    fato, escndalo para os judeus e loucura para os gentios, 24 mas para os que foram chamados, tanto judeus como

    gregos, Cristo o poder de Deus e a sabedoria de Deus. 25 Porque a loucura de Deus mais sbia que a sabedoria

    humana, e a fraqueza de Deus mais forte que a fora do homem.

    26 Irmos, pensem no que vocs eram quando foram chamados. Poucos eram sbios segundo os padres humanos; poucos eram poderosos; poucos eram de nobre nascimento.

  • 1 Corntios 1:17-3127 Mas Deus escolheu o que para o mundo loucura para

    envergonhar os sbios, e escolheu o que para o mundo fraqueza para envergonhar o que forte.

    28 Ele escolheu o que para o mundo insignificante, desprezado e o que nada , para reduzir a nada o que ,

    29 a fim de que ningum se vanglorie diante dele. 30 , porm, por iniciativa dele que vocs esto em Cristo

    Jesus, o qual se tornou sabedoria de Deus para ns, isto , justia, santidade e redeno,

    31 para que, como est escrito: Quem se gloriar, glorie-se no Senhor.

  • Eu sou de Paulo

    Eu sou de Apolo

    Eu sou de Pedro

    O problema da igreja de Corinto: h divises entre vocs (v.11)

    Eu sou de Cristo

    Acaso Cristo est dividido? Foi Paulo crucificado em favor de vocs? Foram vocs batizados em nome de Paulo? (v.13)

  • Cristo no me enviou para batizar, mas para pregar o evangelho, no porm com palavras de sabedoria humana, para que a cruz de Cristo no seja esvaziada. (v.17)

    fraqueza

    uma mensagem

    um mtodo

  • Deus trabalha na fraqueza humana

    Moiss Gideo Davi Jesus

    Pois est escrito: Destruirei a sabedoria dos sbios e rejeitarei a inteligncia dos inteligentes. (v.19)

  • AgostinhoQueres saber como forte oFilho de Deus? Tudo o que foi criado, foi criado por meio dele (Jo 1,3), e tudo sem esforo.O que pode ser

    mais forte do que ele que tudo criou sem esforo? Queres conhecer a sua fraqueza? O Verbo se

    fez carne e habitou entre ns (Jo 1,14).A fora de Cristo te criou e a fragilidade de Cristo te recriou. A fora de Cristofez com que existisse o que no existia, a fraqueza de Cristo fez com que

    no se perdesse o que j existia. Fomos criados na fora efomos procurados em sua fraqueza.

  • os judeus pedem sinais

    os gregos buscam

    sabedoria

    ns, porm, pregamos a Cristo crucificado

    escndalo para os judeus

    loucura para os gentios

  • A mensagem da cruz

    loucura para os que

    esto perecendo

    poder de Deus para os que esto sendo

    salvos

    onde est o poder da cruz?

  • O dilema do perdo

    Como ser justo, sem deixar de amar? Como amar, sem deixar de ser justo?

    Deus justia o pecado

    precisa ser punido

    Deus amor deseja salvar o pecador

  • John StottA pergunta crucial que devemos fazer, portanto, diferente. No por que Deus acha difcil perdoar, mas como que ele acha possvel, de algum modo,

    faz-lo. Como disse Emil Brunner: O perdo o oposto de tudo aquilo que podemos ter como certo.

    Nada menos bvio do que o perdo. Ou, nas palavras de Carnegie Simpson: O perdo, para o homem, o mais claro dos deveres; para Deus o

    mais profundo dos problemas.

  • John StottA essncia do pecado ns humanos nos pondo no lugar de Deus, enquanto a essncia da salvao Deus pondo

    a si prprio em nosso lugar. Ns... nos pomos onde s Deus merece estar; Deus... se pe onde merecemos estar.

    Morte Expiatria

    por causa do meu pecado, ele precisou morrer por mimpor causa do seu amor, ele quis morrer por mim

    nos humilha

    nos d segurana

  • O que fazemos de bom no suficiente para

    ganhar a graa

    O que fazemos de mau no suficiente para

    perder a graahumildade segurana