Slides de apoio à aula - Elaborar o orçamento familiar

download Slides de apoio à aula - Elaborar o orçamento familiar

of 25

  • date post

    07-Jan-2017
  • Category

    Documents

  • view

    214
  • download

    1

Embed Size (px)

Transcript of Slides de apoio à aula - Elaborar o orçamento familiar

  • COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    REA DE FORMAO: PLANEAR O ORAMENTO FAMILIAR

  • 2

    COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR ndice

    A importncia do oramento familiar

    Etapas da elaborao do oramento familiar

    1 etapa: identificao do rendimento lquido

    2 etapa: identificao das despesas

    3 etapa: clculo do saldo do oramento familiar

    4 etapa: gesto do oramento familiar

    Dicas sobre o planeamento das despesas

    Caso prtico

  • 3

    A importncia do oramento familiar COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    O oramento familiar um instrumento fundamental para a gesto do dinheiro.

    Permite identificar os rendimentos e as despesas e decidir antecipadamente o que fazer com o dinheiro.

    Permite controlar se o que recebemos e o que vamos gastando corresponde ao planeado.

    A elaborao do oramento ajuda a conhecer e organizar a vida financeira, identificar hbitos de consumo, definir objetivos e prioridades e enfrentar eventuais imprevistos financeiros.

  • 4

    COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR A importncia do oramento familiar

    O oramento familiar pode ser elaborado numa base mensal ou numa base anual.

    Na elaborao do oramento mensal no devem ser esquecidas as despesas que no tm periocidade mensal.

    importante prever mensalmente os valores necessrios para pagar essas despesas no momento em que ocorrerem (por exemplo, o pagamento anual de um prmio de seguro).

    O portal Todos Contam (www.todoscontam.pt) disponibiliza um simulador do oramento familiar.

    http://www.todoscontam.pt/

  • 5

    COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Para elaborar o oramento familiar devem ser consideradas quatro etapas:

    1 etapa: identificao do rendimento lquido do agregado familiar

    2etapa: identificao das despesas do agregado familiar

    3etapa: clculo do saldo do oramento familiar

    4 etapa: gesto do oramento familiar

    1. etapa: identificao do rendimento lquido

  • 6

    Rendimento lquido = Rendimento bruto Impostos Contribuies segurana social

    1. etapa: identificao do rendimento lquido COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Na primeira etapa da elaborao do oramento familiar identificam-se e somam-se todos os rendimentos lquidos do agregado familiar.

    O rendimento lquido corresponde ao dinheiro recebido, depois de pagos impostos e contribuies para a segurana social.

  • 7

    2. etapa: identificao das despesas COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Na segunda etapa da elaborao do oramento familiar, identificam-se e somam-se todas as despesas do agregado familiar.

    As despesas devem ser classificadas em necessrias ou suprfluas, fixas ou variveis:

    As despesas necessrias fixas so as relacionadas com necessidades bsicas e que no podem ser facilmente alteradas (por exemplo, a prestao do crdito habitao).

    As despesas necessrias variveis so as que correspondem ao pagamento de bens indispensveis, mas cujo valor pode ser reduzido por deciso da famlia (por exemplo, a compra de alimentos, a gua, o gs ou a luz).

    As despesas suprfluas so as relacionadas com compras que no satisfazem necessidades, mas sim desejos. As despesas suprfluas tambm podem ser fixas (por exemplo, prestao de um crdito contratado para compra de uma viagem de lazer) ou variveis (por exemplo, compra de ltimos modelos de vesturio ou calado).

  • 8

    2. etapa: identificao das despesas COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Na identificao das despesas do agregado familiar no devem ser esquecidas as pequenas despesas dirias (por exemplo, com caf ou jornais) que podem ao fim do ms ser significativas.

    Aps a identificao e classificao de todas as despesas, como necessrias ou suprfluas, fixas ou variveis, devem somar-se os valores de cada uma das categorias de despesa.

    De seguida, h que somar os valores apurados nas vrias categorias de despesa para obter o total das despesas do agregado familiar.

    Despesas = despesas necessrias fixas + despesas necessrias variveis + despesas suprfluas fixas + despesas suprfluas variveis

  • 9

    3. etapa: clculo do saldo do oramento familiar COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Saldo do oramento familiar = Rendimento lquido Despesas

    Na terceira etapa da elaborao do oramento familiar calcula-se o saldo do oramento familiar, ou seja, a diferena entre o rendimento lquido e as despesas.

    O saldo permite avaliar a situao financeira do agregado familiar:

    Um saldo positivo significa que as despesas so inferiores aos rendimentos, sendo possvel realizar poupana.

    Um saldo negativo significa que se gasta mais do que se recebe, sendo necessrio reavaliar as despesas.

  • 10

    4. etapa: gesto do oramento familiar COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Depois de elaborado o oramento, com o apuramento do saldo entre o rendimento lquido e as despesas, h que gerir o oramento familiar.

    importante assegurar um acompanhamento regular para garantir que as despesas, o rendimento e a acumulao de poupana esto a evoluir de acordo com o planeado.

    Se o saldo do oramento for positivo possvel colocar algum dinheiro de lado:

    Deve ponderar-se a constituio ou reforo das aplicaes de poupana.

    Pode enfrentar-se melhor um aumento inesperado das despesas ou uma quebra no prevista nos rendimentos.

  • 11

    4. etapa: gesto do oramento familiar COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Se o saldo do oramento for negativo, h que procurar diminuir as despesas para um valor inferior ao do rendimento que recebido.

    Para avaliar a reduo das despesas til a sua classificao em necessrias ou suprfluas, fixas ou variveis, pois ajuda a identificar as despesas a manter e as que podem ser reduzidas significativamente ou at eliminadas.

    Se o saldo do oramento for negativo ou, sendo positivo, existir o objetivo de aumentar a poupana:

    As primeiras despesas a reduzir ou at a eliminar so as despesas suprfluas variveis.

    Se ainda for preciso, pode tambm ser ponderada a reduo das despesas necessrias variveis.

  • 12

    4. etapa: gesto do oramento familiar COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    A estrutura de despesas influencia a maior ou menor facilidade de ajustamento do oramento familiar:

    Se o oramento tiver um elevado peso de despesas fixas, tem uma estrutura mais rgida e, por isso, mais difcil de ajustar. Caso surja uma situao imprevista (por exemplo, uma quebra de rendimentos resultante de uma situao de desemprego) mais difcil reduzir as despesas pois existe uma elevada proporo de despesas que so fixas.

    Se o oramento tiver um reduzido peso de despesas fixas tem uma estrutura mais flexvel, pois existe uma elevada proporo de despesas que so variveis e, por isso, mais fceis de ajustar.

  • 13

    Dicas sobre o planeamento das despesas COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

    Para tornar mais fcil o planeamento e controlo das despesas h vrios aspetos a consider.

    As datas de pagamento das despesas devem ser anotadas, principalmente das despesas mais irregulares ao longo do ano ou de valor mais elevado. Ao registar estas datas, mais fcil identificar as despesas que ocorrem apenas uma ou duas vezes ao ano, por exemplo, e que podem ter impacto significativo no ms em que so pagas.

    Ajuda a identificar o valor que se deve deixar de lado todos os meses para reduzir o impacto de despesas elevadas no ms em que so pagas.

    Evitam-se esquecimentos, surpresas e faltas de pagamento, o que especialmente importante porque, muitas vezes, existem penalizaes por atraso de pagamento que implicam um aumento desnecessrio das despesas.

  • 14

    COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR Dicas sobre o planeamento das despesas

    Nos seguros com pagamento anual do prmio pode ser possvel solicitar seguradora que o pagamento passe a ser mensal, evitando a concentrao de uma despesa elevada num nico momento. Importa, contudo, avaliar se esta repartio tem encargos adicionais.

    Sempre que possvel, deve ponderar-se o pagamento antecipado de emprstimos:

    Permite reduzir a despesa fixa com prestaes.

    Torna a estrutura das despesas mais flexvel, sendo mais fcil de ajustar o oramento caso surjam imprevistos financeiros.

    Os comprovativos das despesas devem ser guardados (por exemplo, faturas, recibos ou extratos bancrios) pois ajudam a controlar se o oramento est a ser executado como previsto e a planear o valor das despesas do agregado familiar nos meses seguintes.

  • 15

    1 etapa: Identificao dos rendimentos lquidos

    Rendimentos

    Ordenado lquido 1500/ms

    Devoluo de imposto 300/ano

    Despesas

    Caso prtico: o oramento do Senhor Antnio COMO ELABORAR O ORAMENTO FAMILIAR

  • 16

    2 etapa: Identificao e classificao das despesas

    Despesa suprflua fixa

    Rendimentos

    Ordenado lquido 1500/ms

    Devoluo de imposto 300/ano

    Despesas

    Prestao crdito habitao 375/ms

    Prestao crdito automvel 120/ms

    Condomnio 40/ms

    Supermercado 250/ms

    Gs 30/ms

    gua 20/ms

    Telemvel 20/ms

    Restaurante 90/ms

    Cinema 20/trimestre

    Livros, msica e jogos 150/trimestre

    Prestao viagem de lazer 50/ms

    Despesas suprfluas variveis

    Despesas necessrias fixas

    Despesas necessri