Cartilha orçamento familiar 2016 v2 - .02 Orçamento Familiar Conselho Regional de Contabilidade

download Cartilha orçamento familiar 2016 v2 - .02 Orçamento Familiar Conselho Regional de Contabilidade

of 20

  • date post

    19-Nov-2018
  • Category

    Documents

  • view

    213
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Cartilha orçamento familiar 2016 v2 - .02 Orçamento Familiar Conselho Regional de Contabilidade

  • CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO PARAN

    ORAMENTO FAMILIARFinanas organizadas, sonhos realizados.

  • 02

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    rC

    onse

    lho

    Re

    gio

    nal

    de

    Co

    nta

    bili

    dad

    e d

    o P

    ara

    n

    Infelizmente, no temos no Brasil uma cultura disseminada de orientao para o equilbrio financeiro. Essa realidade, que denota imaturidade, no verificada apenas em indivduos e famlias, mas tambm na gesto pblica, com governos que gastam mais do que arrecadam e, pior, tentam lanar mo de artifcios da contabilidade criativa para dar a impresso de que as contas esto fechando.

    Finanas descontroladas, seja no caso de pessoas, famlias ou mesmo de empresas e instituies pblicas - Unio, estados, municpios -, podem trazer consequncias trgicas. Uma empresa pode simplesmente quebrar, fechar as portas. Governos no chegam a esse limite porque podem criar tributos para recuperar o caixa, entre outras medidas, mas prejudicam gravemente a populao, provocando atraso no processo de desenvolvimento social pela falta de investimento em reas essenciais, perdas e dficits que demoram muito tempo para ser recuperados. Quando um governo age irresponsavelmente na gesto das finanas pblicas, a correo de rumos sempre vem por meio de medidas socialmente amargas.

    Quando uma famlia que vive no vermelho, todos os seus membros terminam sofrendo o impacto de forma direta, privando-se de uma vida de qualidade, sem poder avanar de status. As nicas alternativas, nesse caso, so: reviso comportamental, correo dos erros, racionalizao da renda e planejamento, para se aprender a gastar dentro dos limites do oramento. S se acessa a via do crescimento e do desenvolvimento seguindo os bons princpios de educao financeira.

    o que prope a cartilha Oramento familiar.

    Vale a pena conferir as dicas!

    Marcos RigoniPresidente do CRCPR

  • 03

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    rC

    onse

    lho

    Reg

    ion

    al d

    e C

    onta

    bili

    da

    de

    do

    Par

    an

    CONTROLANDO O ORAMENTO FAMILIAR

    Na sociedade em que vivemos, cada vez mais as famlias

    comprometem o oramento familiar tendo em vista as

    facilidades de crdito e as inmeras oportunidades de

    consumo oferecidas pelo comrcio. Com isso, muitas so

    levadas ao endividamento.

    As pessoas so impulsionadas a consumir sem avaliar a real

    necessidade de compra e as taxas de juros impostas nas

    aquisies a prazo, bem como a sua real capacidade de

    pagamento.

    A principal razo para esse descontrole de finanas pessoais e

    oramento familiar o fato de as famlias gastarem mais do

    que ganham.

    Voc sabe distiguir desejo e necessidade? Pois esse o

    segredo para voc ter sucesso na administrao de suas

    finanas pessoais ou de sua famlia e gerar economia, o que

    lhe dar mais tranquilidade.

  • CAUSAS DO DESCONTROLE DO ORAMENTO PESSOAL/FAMILIAR

    Gastos desnecessrios: so aqueles feitos por impulso, ou

    seja, motivados por propagandas e no pela necessidade de

    adquirir o produto.

    Gastos impulsionados por promoes ou ofertas: anncios,

    parcelas a longo prazo, concesso de descontos atrativos,

    oferecimento de brindes.

    Indicaes de amigos: so compras efetuadas porque algum

    amigo fez a referncia de ter adquirido este ou aquele produto e

    sugere a sua aquisio. Acaba-se comprando o produto sem

    haver necessidade no momento.

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    r

    04

    Con

    selh

    o R

    eg

    ion

    al d

    e C

    on

    tab

    ilid

    ade

    do

    Pa

    ran

  • 05

    DICAS PARA ADMINISTRAR SEU ORAMENTO PESSOAL/FAMILIAR

    Listar suas receitas, ou seja, o valor lquido que voc recebe,

    lembrando que em seu contracheque existem descontos.

    Listar todas as suas despesas com habitao, alimentao,

    educao, transporte, sade e higiene, vesturio, lazer e

    demais gastos.

    Lembrar sempre que durante o ano existem despesas extras, tais

    como IPTU, IPVA, material escolar, uniformes, consultas mdicas,

    remdios, consertos e pequenos reparos. Para esse tipo de gasto

    recomendvel manter uma reserva de emergncia.

    Sempre antes de realizar uma nova compra essencial se

    perguntar se ela mesmo necessria ou apenas um desejo

    de consumo.

    Aplicar parte do seu 13 salrio uma medida recomendvel

    e poder servir para uma emergncia.C

    onse

    lho

    Reg

    ion

    al d

    e C

    onta

    bili

    da

    de

    do

    Par

    an

  • 06

    PEQUENAS ATITUDES PARA DIMINUIR SUAS DESPESAS

    Na residncia

    Abra a porta da geladeira e do freezer somente quando houver necessidade e por curto perodo de tempo, lembrando ainda de

    efetuar o descongelamento e a limpeza destes sempre que

    necessrio.

    No inverno, gradue em temperatura menor a geladeira e o

    freezer, evitando acmulo de gelo e o consumo desnecessrio de energia.

    Observe se a borracha da geladeira est em boas condies,

    substituindo-a quando estiver ressecada, evitando o aumento

    no consumo de energia.

    Acumule a maior quantidade possvel de roupas para passar de

    uma s vez e estenda a roupa em cabides, pois ficar mais fcil de

    passar.

    Evite banhos demorados e regule o chuveiro conforme a estao.

    Desligue o aparelho de televiso quando ningum estiver

    assistindo.

    Procure comprar lmpadas econmicas, pois o consumo

    inferior aos outros tipos disponveis no mercado. Realize essa

    troca aos poucos, substituindo-as conforme as outras forem

    queimando.

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    r

    $

    Con

    selh

    o R

    eg

    ion

    al d

    e C

    on

    tab

    ilid

    ade

    do

    Pa

    ran

  • 07

    Con

    selh

    o R

    egio

    na

    l de

    Con

    tab

    ilid

    ad

    e d

    o P

    ara

    n

  • 08

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    rC

    onse

    lho

    Re

    gio

    nal

    de

    Co

    nta

    bili

    dad

    e d

    o P

    ara

    n

    Antes de ir ao supermercado, verifique os produtos que voc est

    realmente precisando e faa uma lista. Procure comprar somentes os

    produtos da lista. Evite ir as compras de estmago vazio, pois assim

    voc tende a comprar coisas de que no precisa, e no se deixe levar

    pela insistncia das crianas para comprar brinquedos e guloseimas.

    Fique atento s promoes, pois estas muitas vezes so enganadoras.

    Verifique a quantidade e a qualidade do produto ofertado e faa

    comparaes com outros produtos semelhantes.

    Efetue pesquisa de preos.

    Experimente produtos de marcas diferentes, pois assim possvel

    encontrar produtos bons por preos melhores.

    Acompanhe os gastos com material de limpeza na sua residncia, se

    no for voc quem realiza a tarefa. Ensine a melhor maneira de utilizar

    os produtos.

    Substitua produtos industrializados por outros de mais baixo custo,

    como lcool, vinagre branco e bicarbonato de sdio, que alm de mais

    econmicos, agridem menos o meio ambiente.

    Bancos

    Evite manter mais de uma conta-corrente em banco, pois assim voc

    ter menos gastos com tarifas bancrias e melhor controle do seu

    dinheiro.

    Evite usar o limite do cheque especial, pois as taxas de juros cobradas

    pelos bancos so altas e com isso sua dvida poder dobrar em curto

    espao de tempo.

    No se entusiasme com as ofertas de crdito fcil oferecidas pelos

    bancos.

  • 09

    Or

    am

    en

    to F

    am

    ilia

    rC

    onse

    lho

    Reg

    ion

    al d

    e C

    onta

    bili

    da

    de

    do

    Par

    an

  • Janeiro Fevereiro Maro Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Acumulado

    Bolsa Famlia + -

    Salrios + -

    Dirias + -

    Vale-Gs + -

    Tarifa Social de Energ. Eletr. + -

    Renda Familiar + -

    Receita Total ( 1 ) = - - - - - - - - - - - - -

    Janeiro Fevereiro Maro Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Acumulado

    Moradia = - - - - - - - - - - - - -

    Prestao da casa - -

    Aluguel - -

    Conta de luz - -

    Conta de gua - -

    Carvo/Gs - -

    Consertos/Manuteno - -

    Alimentao = - - - - - - - - - - - - -

    Mercadinho/Mercaria - -

    Padaria - -

    Aougue - -

    Feira/Ambulantes - -

    Transporte = - - - - - - - - - -