Vilém Flusser A filosofia da fotografia e o universo das imagens técnicas

Click here to load reader

  • date post

    07-Apr-2016
  • Category

    Documents

  • view

    221
  • download

    4

Embed Size (px)

Transcript of Vilém Flusser A filosofia da fotografia e o universo das imagens técnicas

Vilm Flusser

Vilm FlusserA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasVilm Flusser nasce em 1920 em Praga. Comea a estudar filosofia em 1939, mas obrigado a deixar seu pas por causa da perseguio nazista.Muda-se inicialmente para a Inglaterra e em seguida vem ao Brasil, onde trabalha com comrcio at 1959A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasA partir do comeo dos anos 60 inicia e ensinar filosofia, em especial filosofia da linguagem e da cincia. Escreve para jornais como Folha de S. Paulo e Estado de S. Paulo.Em 1972 deixa o Brasil por questes polticas e vai morar na Frana, onde continua com suas atividades culturaisA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasTorna-se conhecido como filsofo da mdia.Morre em 1991 em decorrncia de um acidente de trnsito perto de Praga, cidade para a qual estava voltando depois de 52 anos para proferir palestra sobre o neonazismo.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasVamos aqui tentar analisar dois livros. O primeiro famoso no mundo todo Filosofia da Caixa Preta , foi escrito em 1983. um resumo de conferncias feitas na Frana e na Alemanha a pedido da European Photography o segundo, publicado dois anos mais tarde, O Universo das imagens tcnicas elogio da superficialidade, uma continuao e aprimoramento do primeiroA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasSo dois textos bastante difceis e complexos pela prpria maneira que Vilm Flusser tem de filosofar. Ele afirma e se contradiz o tempo todo, num exerccio complexo de raciocinar e pensar.A impresso que tenho que ele leva para seus textos no um pensamento j organizado, mas todo o processo e trabalho intelectual.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasNo primeiro livro ele parte de da hiptese de que seria possvel observar duas revolues fundamentais na estrutura cultural:1. quando o homem inventa a escrita linear e portanto, segundo Flusser, a histria propriamente dita2. quando o homem inventa as imagens tcnicas e inaugura um modo de ser ainda indefinvel.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasNa reviso deste primeiro livro, ele se coloca com um ser inseguro, sem cho, num mundo utpico ( utopia, significa sem cho) frente ao que ao futuro que est imergindo. Lembro que este texto foi escrito em 1985.Segundo ele nos agarramos as imagens tcnicas e portanto ele as critica.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasVamos comear pelo Filosofia da Caixa Preta.So nove textos que definem a linha mestra de seu pensamento: a imagem, a imagem tcnica, o aparelho, o gesto de fotografar, a fotografia, a distribuio da fotografia, a recepo da fotografia, o universo fotogrfico e por fim a necessidade de uma filosofia da fotografia.9A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasFilsofos j escreveram sobre fotografia. No podemos esquecer que um dos primeiros textos que se disps a compreender o fenmeno fotogrfico, foi justamente escrito por um filsofo, Walter Benjamin: Pequena Histria da Fotografia.Alis alguns estudiosos chegam a comparar os dois filsofos, afirmando que Flusser seria o Walter Benjamin da ps-histria. A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasEm cada captulo ele aponta para conceitos-chaves que vo se somando a medida que adiantamos na leitura. Palavras como: imagem, aparelho,programa e informao. Conceitos que como ele mesmo escreve do origem a novos conceitosA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasImagem implica em magia; aparelho em automao, jogo; programa em acaso, necessidade; informao implica em smbolo.So com estes conceitos que ele brinca o tempo todo.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasAo definir imagem ele diz que uma superfcie que pretende representar algo.Que por sua capacidade de abstrao nos apresentam a possibilidade imaginativa do homem.Traz a questo da decodificao da imagem que aparentemente pode ter sei significado captado por um golpe de vista.

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasMas, alerta ele. Esta uma decifrao superficial, j que para entender realmente uma imagem preciso vagar por ela, ou como ele mesmo diz escanear uma imagem.O tempo projetado pelo olhar na imagem do eterno retorno.Nesse processo os olhos acabam voltando e se fixando nos aspectos que mais lhe agradam, relaes significativas que ele define como tempo de magia. A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasPor que magia? Porque um tempo que no linear, existe uma troca entre os elementos.O carter mgico das imagens essencial para a compreenso das suas mensagens. Imagens so cdigos que traduzem eventos em cenasCena-representao-cenrio-fico. A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasImagens tem o propsito de representar o mundoSegundo Flusser o homem, ento passa a viver em funo das imagens e confunde o mundo como um conjunto de cenas.Da nasce a idolatria: adorao pela imagens.Ateno: at aqui ele est falando de imagens em geral.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasO homem se esquece da funo da imagem, a imaginao se torna alucinao e perdemos a possibilidade de decifrar imagens.Ainda segundo o autor no segundo milnio A.C. esta alucinao teria atingido seu apogeu.Pessoas passaram a rasgar imagens a fim de recoloc-las em seu lugar de origem, dando incio, ou inventando a escrita linear e a partir da criar a conscincia histrica.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasOu seja sair do tempo circular para um tempo linear: a escrita contra a imagem.Em decorrncia disso vamos entrar na sociedade que adora textos, da mesma forma que adorava imagens.O texto como portador da histria. Lembro vocs de quo pouco as cincias humanas ainda fazem parte da imagem como fonte primria.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasSeguindo nesta linha de raciocnio, em seguidas vem as imagens tcnicas: imagens produzidas por aparelhos.Imagens tcnicas so produto indireto dos textos o que lhe confere posio histrica e ontolgica diferente das imagens tradicionaisImagens tradicionais so pr-histria e as tcnicas ps-histria.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasEnquanto as imagens tradicionais estavam ligadas a uma necessidade de decifrao por sua caracterstica mgica, as tcnicas aparentemente no precisam ser decifradas, j que seu significado se imprime de forma automtica sobre a superfcie como uma impresso digital. o dedo o significado e a imagem o efeito

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasSeu carter aparentemente no simblico e objetivo faz com que o observador as olhe como janelas e no como imagens.O que o Vilm Flusser quer nos dizer da transformao da percepo: ou seja a partir da imagem tcnica, portanto fotografia, tenho transformaes scio-culturais.As imagens tcnicas no so percebidas como imagens, mas como vises de mundo.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasPortanto magia x realidade.Ao compreendermos uma imagem tcnica seremos ento capazes de compreender seu significado que o de transformar textos em imagens. Portanto no idias, mas conceitos. O conceito passa a ser o significado de uma imagem.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasMas ele tambm nos lembra de um paradoxo.Como no so janelas, mas imagens, as imagens tcnicas tambm so cenas, tambm so magia e portanto projetam magia sobre o mundo.O que ele entende por magia?Simblico!A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasMagias diferentes porm.O fascnio pela fotografia, televiso e cinema no o mesmo da imagem impressa nas cavernas. Isso porque existe na nossa cultura um nvel de historicidade.Partindo destas premissas da transformao da cultura com a criao da escrita e em seguida da imagem tcnica que ele desenvolve a necessidade de uma filosofia da fotografia.

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasIsso porque necessrio de uma nova forma de abordar e entender esta imagem que ate determinado ponto, est merc de um aparelho que obviamente tem suas limitaes e que conseqentemente limita a produo livre de uma imagem. Ao mesmo tempo o aparelho por ser programado atua casualmente.

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasO instrumento passa a ser modelo de pensamento.A partir do momento que a fotografia passa a ser modelo de pensamento, muda a prpria estrutura da existncia, do mundo e da sociedade.

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasAo comprar uma cmara fotogrfica no estou s comprando plstico ou ao, mas a possibilidade de realizar fotografias.Por isso os aparelhos baixam de preo tornando-se muitas vezes at gratuitos. O que vale a possibilidade virtual de criar uma imagem tcnica.A informao e no o objeto que tem valor. Segundo ele.A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasAs fotografias significam conceitos programados visando programar magicamente o comportamento do de seus receptoresNa verdade no isso que acontece, visto que ingenuamente so percebidas como cenas que se imprimem automaticamente sobre superfciesA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicas preciso pois decifr-las para entender o que os conceitos significam.Para esta operao preciso levar em conta a ambigidade do cdigo fotogrfico: a inteno do aparelho prevalece sobre a inteno humana.O que ele que dizer com isso? Que limitaes tecnolgicas tambm fazem parte da fotografia.

A filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasOutra questo que ele aborda o contexto onde estas imagens so vistas. Por onde elas circulam e como elas so decifradas a partir deste contexto. Mas ele ainda nos relembra de que a fotografia, como objeto, no tem nenhum valor: so folhas!O valor est na informao que transmiteA filosofia da fotografia e o universo das imagens tcnicasQuadro x fotografia (objetos)Esta