UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE...

of 79 /79
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE ACADÊMICA DE GARANHUNS RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2015 GARANHUNS, DEZEMBRO/2015

Embed Size (px)

Transcript of UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE...

Page 1: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO

UNIDADE ACADÊMICA DE GARANHUNS

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2015

GARANHUNS, DEZEMBRO/2015

Page 2: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

2

APRESENTAÇÃO

A Universidade Federal Rural de Pernambuco- UFRPE, desde sua origem, tem levado

desenvolvimento para as regiões mais afastadas das capitais. Apesar de sua Sede se localizar

em Recife, no Bairro de Dois Irmãos, a UFRPE se expandiu, também, para o Agreste, Sertão e

Litoral de Pernambuco, com a criação das Unidades Acadêmicas de Garanhuns, Serra Talhada

e Cabo de Santo Agostinho, bem como, pela implantação de seus cursos à distância com polos

distribuídos nas regiões Norte e Nordeste.

Neste relatório, elencamos as atividades que contribuíram efetivamente para o

fortalecimento das políticas de Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão da UFRPE, desenvolvidas

pela Unidade Acadêmica de Garanhuns-UAG, realizadas no exercício 2015, com vistas a dar

transparência e manter a eficiência e eficácia das ações realizadas pela nossa gestão.

São notórios os avanços ao longo dos dez anos desde a criação da Unidade. Começamos

as atividades em instalações provisórias e com reduzido contingente humano, mas, desde o

início, contamos com discentes, servidores técnico-administrativos e professores que

souberam abraçar esta nova Instituição e por ela trabalhar incansavelmente. Já podemos ver os

primeiros frutos trazidos pelo reconhecimento da qualidade do nosso ensino de graduação e de

pós-graduação e da nossa pesquisa, bem como do compromisso com a extensão e com a

inclusão social. Já vislumbramos um futuro bastante promissor, pois ao longo dos dez anos de

existência, a UAG vem demonstrando uma grande capacidade de contribuir para o

desenvolvimento da Região.

Os frutos que hoje colhemos, em apenas uma década de existência, são uma conquista

de todos, dos pioneiros da UAG e de um quadro qualificado e comprometido de professores,

servidores técnico-administrativos e dos nossos valorosos discentes. Portanto, não poderia

deixar de registrar os nossos agradecimentos a todos que contribuíram para o êxito de nossas

ações: à Administração Superior da UFRPE, às Pró-Reitorias e demais setores da UFRPE, à

Coordenação Geral dos Cursos e Coordenações de Cursos de Graduação e de Pós-Graduação, à

toda a comunidade acadêmica.

Page 3: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

3

Da mesma forma,deferência especial fazemos aos membros do Conselho Técnico

Administrativo-CTApela atuação profissional no desempenho das funções de conselheiro, bem

como à equipe daDiretoria Administrativa sempre presente, composta pelo Diretor

Administrativoe chefes de setores e a todos os que compõem o quadro de terceirizados.

Entretanto, em meio às conquistas, ainda enfrentamos algumas dificuldades.Todavia,

enquanto Gestores da UAG, temos envidados todos os esforços no sentido de buscar dotar a

Unidade de melhores condições para que ela possa contribuirfielmente para o alcance dos

objetivos estratégicos institucionais traçados no Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI

da UFRPE, transformando-se num importante instrumento para o desenvolvimento social,

econômico, científico, tecnológico, educacional e cultural para toda a Região.

Nesse sentido, mais do que números, este relatório mostra o quanto a nossa equipe tem se

empenhado, ao mesmo tempo em que revela o que ainda precisa ser melhorado. Por tudo isso,

desejamos que este relatório possa subsidiar o planejamento de ações futuras e estimular a

busca conjunta de soluções para os problemas que enfrentamos cotidianamente. Seguiremos

adiante comprometidos com os valores institucionais (cf PDI: UFRPE, 2013-2020): Excelência

Acadêmica; Ética; Transparência; Equidade; Inclusão; Respeito aos Saberes Populares;

Respeito à Diversidade; Eficiência; Preservação da Memória Institucional; Responsabilidade

Socioambiental; Sustentabilidade e Inovação. Desta forma estamos inteiramenteempenhados na

construçãouma grande Unidade no agreste pernambucano.

Cientes do dever cumprido neste exercício, mantemos o compromisso de trabalhar

continuamente para o alcance pleno da visão institucional da UFRPE para 2016 (cf PDI:

UFRPE, 2013-2020), que é “ser reconhecida pelas melhores práticas universitárias, pautadas na

gestão participativa”.

Prof. Dr. Airon Aparecido Silva de Melo

Diretor Geral e Acadêmico

Page 4: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

4

UNIDADE ACADÊMICA DE GARANHUNS

Criada pela Resolução nº 44/2005-CONSU, a Unidade Acadêmica de Garanhuns -

UAG, primeira expansão da Universidade Federal Rural de Pernambuco e primeira extensão

universitária a ser instalada no país, teve as suas atividades iniciadas em setembro de 2005,

com quatro cursos de graduação: Medicina Veterinária, Agronomia, Zootecnia e Normal

Superior.

A UAG, portanto, faz parte do processo de interiorização do ensino superior, política

pública do governo federal, que pretende oferecer educação gratuita e de qualidade àquela

parcela da população que vive nas regiões afastadas das metrópoles.

A Universidade Federal Rural de Pernambuco foi uma das primeiras instituições

federais de ensino superior a criar o curso de Licenciatura Plena Normal Superior, no ano de

2005, criando a primeira turma na sede e a segunda na UAG. No ENADE de 2006, o curso

Normal Superior da UAG foi o 3º colocado no Brasil, dentre outros 462 cursos, comprovando a

qualidade do curso ofertado por esta instituição. Em fevereiro de 2007, este curso foi

convertido para Licenciatura em Pedagogia, o que implicou numa reorientação ideológica e

curricular, com base nas diretrizes da Pedagogia.

Em 2009, com o REUNI, foram abertos mais três cursos de graduação: Ciência da

Computação, Engenharia de Alimentos e Licenciatura em Letras. Em 2010, a Unidade

Acadêmica abriu suas portas para três cursos de pós-graduação stricto sensu, em nível de

mestrado: Ciência Animal e Pastagens, Produção Agrícola e Sanidade e Reprodução de

Ruminantes. Em agosto de 2013, passou a ofertar o Mestrado Profissional em Ensino de Física.

Em dezembro do mesmo ano, passou a ofertar o Mestrado Profissional em Letras. –

PROFLETRAS.

O quadro de servidores conta com 179 (cento e setenta e nove) docentes efetivos para os

cursos de graduação e totaliza 84 (oitenta e quatro) técnicos-administrativos, lotados nos mais

diversos setores da Unidade.

Desse modo, considerando a trajetória da criação da Unidade Acadêmica, hoje, tem-se

uma impressionante imagem do seu crescimento: das 120 vagas então existentes na graduação,

houve a expansão para 560 vagas anuais. A área construída dobrou, com adequação de toda

Page 5: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

5

infraestrutura física. A prática da inclusão revelou-se de modo expressivo com criação do

Núcleo de Acessibilidade, em 2013 e com o acesso aos cursos através do ENEM, que

possibilitou o aumento de matrícula/entrada de alunos carentes, oriundos, em sua maioria, de

escolas públicas da região. A UAG participa, também, de programas estratégicos como o

Ciência sem Fronteiras e o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Ciêntífica - PIBIC,

entre outros, colocando-a na fronteira do conhecimento. Surgem novos espaços destinados à

Cultura, Educação e Arte, através do Programa de Educação Tutorial (PET)/Conexão, assim

como a discussão de relações de gênero, dentre outros.

Há que se considerar além da evolução de vagas, da ampliação do quadro de pessoal

docente e administrativo e do crescimento da instituição na infraestrutura, também a gestão de

pessoas, por meio da qual se evidenciam as capacitações proporcionadas aos servidores

técnico-administrativos, com a oferta dos cursos de Redação Oficial, de Segurança no Trabalho

e Qualidade de Vida e de Fundamentos Jurídicos Aplicados aos TAES.

No ano 2015, a UAG foi sede de grandes eventos como: o VI Encontro das Ciências da

Linguagem Aplicadas ao Ensino (ECLAE), realizado pelo Grupo de Estudos Linguísticos do

Nordeste (GELNE), em parceria com a Universidade Federal Rural de Pernambuco e o XXIII

Encontro de Médicos Veterinários e Zootecnistas do Agreste Meridional de Pernambuco,

realizado pelo Conselho Regional de Medicina Veterinária de Pernambuco (CRMV/PE).

Com sua potencialidade física e organizacional atual para enfrentar os desafios

colocados, para cumprir, com excelência, sua missão e seus objetivos institucionais, a UAG

conta também com um hospital veterinário para aulas práticas, com a fazenda experimental da

UFRPE (sob sua administração), e, contará, num futuro próximo, com um prédio para o curso

da Engenharia de Alimentos (em construção), além da Casa de Extensão e Artes, localizada no

bairro de Heliópolis.

Apesar da Unidade Acadêmica ter apenas uma década de existência, vem avançando no

aspecto da maturidade institucional e se redesenhando sempre que necessário, com a

consciência tranquila e convicta da crença no seu modelo colegiado de gestão como alternativa

que melhor representa os anseios da comunidade. Dessa forma, buscou a presença efetiva e

participação qualitativa dos servidores, a fim de que juntos possam transformar a UAG na

instituição que todos sonham e que as comunidades merecem.

Page 6: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

6

O resultado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE) foi

divulgado no dia 18/12/2015. Três cursos da UFRPE obtiveram a nota máxima

da avaliação. Na unidade Recife/Sede, Bacharelado em Ciência da Computação e

Licenciatura em Educação Física se destacaram, obtendo o conceito 5. Na

Unidade Acadêmica de Garanhuns (UAG), Bacharelado em Ciências da

Computação também foi conceituado com a nota máxima.

O Conceito ENADE é um indicador de qualidade que avalia o desempenho dos

estudantes a partir dos resultados obtidos no Exame. Ele é divulgado anualmente

pelo Ministério da Educação para os cursos que tiveram estudantes concluintes

participantes do ENADE.

1. DESTAQUES

O CURSO DE

LICENCIATURA EM

PEDAGOGIA DA UAG FOI

CONTEMPLADO COM

MENÇÕES HONROSAS

DURANTE A XV JEPEX

CURSO DE CIÊNCIA DA

COMPUTAÇÃO DA UAG

CONSEGUE NOTA MÁXIMA

NO ENADE

Na categoria de Iniciação à docência, o trabalho intitulado O ensino da

diversidade étnico racial e de gênero através da literatura infantil na

construção da cidadania, do discente Jadiel Djone Alves da Silva, orientado

pelo Prof. José Bezerra de Brito Neto.

Na categoria CIC foram três trabalhos premiados: ´´Reflexões sobre como a

literatura dos cordeis pode tornar-se objeto de conhecimento para o estudo

da história local´´, dos discentes Aiane Lopes da Fonseca, Ivaldo Eliziário dos

Santos, Jamille Oliveira de Melo, Joyce Myrelle da Conceição Januário,

Wellington Antônio dos Santos Silva, sob orientação da Prof.ª Dr.ª Marta

Margarida de Andrade Lima; ´´Trabalho com a linguagem cinematográfica

como construção de documentário pelos estudantes do 5º ano do ensino

fundamental´´ das discentes Renata Alves Pereira e Fernandina Andrade Alves,

com a orientação do Prof. Dr. Fernando Antônio Gonçalves de Azevedo; e o

trabalho “A escola como espaço de cidadania: leituras e discursos sobre a

cidade nos saberes e práticas pedagógicas”, apresentado pela discente Aline

Micaela Duque da Costa, com orientação da Prof.ª Dr.ª Alzenir Severina da

Silva.

Page 7: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

7

O periódico Educação e (Trans) formação é uma revista do curso de

Licenciatura em Pedagogia da Unidade Acadêmica de Garanhuns / Universidade

Federal Rural de Pernambuco (UAG/UFRPE), com periodicidade semestral,

disponibilizada nacionalmente e internacionalmente por meio da internet, que

tem por objetivo contribuir para divulgar a produção acadêmica e dos

movimentos sociais, além de contribuir para o avanço do estado da arte das

reflexões relacionadas a área da Educação.

A revista Educação e (Trans) formação, é indexada no portal de periódicos da

Universidade Federal Rural de Pernambuco, e tem como editores o Prof. Dr.

Anderson Fernandes de Alencar e a Profa. Ma. Taynah de Brito Barra Nova. O

periódico, bem como a Política Editorial da Revista e as normas de submissão de

artigos encontram-se no endereço:

http://www.journals.ufrpe.br/index.php/educacaoetransformacao

O Curso de Licenciatura em Pedagogia UAG/ UFRPE tem um novo canal de

comunicação. Em novembro de 2015 foi criado o site

http://ww2.uag.ufrpe.br/pedagogia, que propõe contribuir para o cumprimento do

papel social da universidade como uma instituição pública, gratuita e que visa à

produção e difusão do conhecimento. Através da criação deste espaço virtual de

interlocução, convida alunos de graduação, professores, gestores da educação e

instituições voltadas às questões educacionais a conhecerem, se apropriarem e se

posicionarem com relação aos saberes, os fundamentos, os conhecimentos

específicos, as teorias e práticas que dão sentido à construção do conhecimento e

da cultura que se materializam nos espaços escolares e não escolares.

O objetivo é proporcionar um espaço de diálogo entre a universidade e a

sociedade, no qual a universidade difunde e divulga a formação dos discentes do

Curso, mas também ouve as demandas sociais que a comunidade a qual a

UAG/UFRPE deve servir, é convidada a se posicionar. Visa também estimular a

discussão sobre os desafios da formação de professores dos anos iniciais da

Educação Básica e debater as possibilidades de sua atuação nas diferentes áreas e

projetos de intervenção nas escolas, durante as atividades de estágio.

O CURSO DE

LICENCIATURA EM

PEDAGOGIA LANÇA

REVISTA EDUCAÇÃO E

(TRANS) FORMAÇÃO

CRIAÇÃO DO SITE DO

CURSO DE LICENCIATURA

EM PEDAGOGIA UAG/

UFRPE

Page 8: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

8

2. ALGUNS EVENTOS

A JEPEX é considerada

o maior evento da

Universidade Federal

Rural de Pernambuco (UFRPE)

e neste ano, a UAG contou com

6 palestras, 5 oficinas, 3 apresentações orais de trabalhos premiados e exposições de 279 pôsteres.

Todas estas atividades foram distribuídas no período da manhã, tarde e noite do dia 09 de dezembro;

manhã e tarde do dia 10 de dezembro. O evento teve a coordenação da Profª. Drª. Maria Betania de

Queiroz Rolim.

Educação em Saúde no bairro

Cohab II

Nos dias 18, 19 e 20 de

novembro de 2015, os alunos do

8º semestre do curso de Medicina Veterinária da UAG/UFRPE realizaram ações de educação em saúde

na Escola Estadual Simôa Gomes de Ensino Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos,

localizada no bairro COHAB II. A ação, coordenada pela docente Tania Coutinho, procedeu-se por

meio de palestras associadas a “quizzes” e folders educativos elaborados pelos alunos, cujos temas

abordados foram RAIV.

Page 9: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

9

Em alusão à campanha

preventiva “Outubro Rosa”,

a Unidade Acadêmica de

Garanhuns (UAG), promoveu

palestra voltada para a

comunidade acadêmica da UAG, com o tema câncer de mama.

O evento aconteceu no dia 28/10, às 19h, no auditório II (prédio II). Na oportunidade, Fagna Leôncio

(aluna da UAG) e Magna Letícia (ex-aluna da UAG) falaram sobre suas experiências na luta contra o

câncer.

A I Jornada do

Empreendedor Rural, que

teve como temática central

“Universidade Frente aos

Desafios do Desenvolvimento

Rural” foi um sucesso. O evento foi organizado pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas em

Agronegócios (NEPAGRO), em parceria com o projeto Territórios Rurais da UFRPE/UAG. A

Jornada do Empreendedor Rural contou com a participação de lideranças locais e internacionais

criando um ambiente de discussão e interação entre a comunidade acadêmica, empresarial e rural.

Cerca de 200 pessoas participaram do evento, representando a UPE, UFRPE, FETAPE, PRONATEC,

IFET´s, SEBRAE, Associações, Sindicatos etc.

Essa atividade de extensão, organizada pelo Prof. Matheus Dill oportunizou a formação de parcerias

institucionais entre UFRPE/UAG, EMBRAPA, SENAR, SEBRAE, SESC e C.E.S.A.R, assim como

possibilitou difundir o conhecimento científico e tecnológico para a sociedade. Além disso, os

estudantes tiveram a oportunidade de trocar informações com os palestrantes e planejar estágios na

Embrapa do Mato Grosso do Sul.

Page 10: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

10

As coordenações de área do

Programa Institucionais de

Bolsas de Iniciação à Docência

- PIBID UAG, realizaram o IV

Simpósio de iniciação à

docência, no dia 16 de novembro de 2015. O IV Simpósio de iniciação à docência teve como

propósito a discussão crítica dos desafios e perspectivas das ações desenvolvidas pelo programa

institucional de Bolsa de Iniciação à Docência da UFRPE, destacando seus nexos com os

fundamentos e diretrizes atuais acerca das políticas de formação de Professores, concepções de

docência e de Prática Pedagógica, destacando como temas específicos questões pertinentes à

Educação Ambiental, às estratégias de Ensino-Aprendizagem, às Tecnologias Educacionais, às

Concepções de Currículo e Interdisciplinaridade e aos espaços diversificados de aprendizagem. Em

anexo, segue a norma para submissão de trabalhos.

O Setor de Acessibilidade da

Unidade Acadêmica de

Garanhuns – UAG/UFRPE

realizou o I Seminário sobre

Inclusão e Acessibilidade –

Rompendo Barreiras e Respeitando as Diferenças, no dia 22 de outubro de 2015, no Auditório do

Prédio III.

O Seminário teve como objetivo construir um espaço de discussão na Unidade Acadêmica de

Garanhuns sobre a questão da inclusão e acessibilidade. O evento destinou-se à comunidade interna

da UAG/UFRPE (docentes, discentes e técnicos).

Page 11: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

11

A IV Semana de Pedagogia

na UAG, coordenada pelo

Curso de Licenciatura em

Pedagogia para celebrar os dez

anos de aniversário da Unidade

e do curso de Licenciatura em Pedagogia, foi realizada no período de 23 a 27 de novembro de 2015,

na Unidade Acadêmica de Garanhuns-UFRPE. A IV Semana de Pedagogia na UAG teve como

objetivo de proporcionar um espaço de diálogo entre a universidade e a sociedade, contribuindo para

melhorar a articulação discente, docente e instituições parceiras na relação teoria-prática. A UAG

recebeu representantes da Secretaria de Educação do município de Garanhuns, da Universidade

Federal de Pernambuco, Universidade Federal de Campina Grande, Universidade Estadual de

Alagoas, IFPE, Universidade de Pernambuco e das instituições da Rede Privada de Ensino.

Nos dias 01, 02 e 03 de

outubro foi realizado o I

Congresso de EducaçãoFísica

de Garanhuns.

Este evento buscou oferecer um espaço para socialização da produção acadêmica de pesquisadores na

área circunscrita à Educação Física, através de apresentação de trabalho e publicação em Anais, mesas

redondas, palestras e minicursos. O I Congresso de Educação Física de Garanhuns foi uma realização

da UFRPE/UAG em parceria com a AAAUFRPE e SESC Garanhuns.

Page 12: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

12

O Laboratório de Educação

Ambiental Técnica da UAG,

por meio do Prof. Dr. Paulo

Roberto Dill, em parceria com

a Secretaria de Educação do

Município de Capoeiras e com o apoio da Direção Geral da UAG, realizou no final do primeiro

semestre o plantio de 50 mudas na Escola Municipal Cônego João Rodrigues de Melo, no povoado de

Maniçoba. Estiveram presentes os Professores Airon Melo (Diretor da UAG) e Paulo Roberto Dill

(Coordenador do Laboratório de Educação Ambiental Técnica da UAG e Docente da mesma

instituição), a Secretária de Educação do município de Capoeiras e a equipe gestora da escola. Esta é

uma das atividades que fazem parte de um projeto de recuperação da vegetação nativa.

No Campus da UAG também foi realizado o plantio de diversas mudas nativas da região.

MOBILIZAÇÃO SOLIDÁRIA

- HEMOPE

No dia 17 de junho, a

mobilização de Greve

dos Técnicos da UAG ocorreu

na sede do HEMOPE Garanhuns. Como ato de greve solidário, a Comunidade Acadêmica de

Garanhuns veio endossar a campanha e compareceu ao este ato.

Page 13: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

13

XXIII Encontro de Médicos

Veterinários e Zootecnistas

do Agreste Meridional de

Pernambuco

O Conselho Regional de

Medicina Veterinária de

Pernambuco (CRMV/PE) promoveu na UAG, no período de 22 e 23/05/2015, o XXIII Encontro de

Médicos Veterinários e Zootecnistas do Agreste Meridional de Pernambuco.

O Projeto “Dia da Escola no

Campus” é uma proposta de

atividade que acontece na

Unidade Acadêmica de

Garanhuns desde 2013 e tem

como objetivo ampliar os canais de comunicação entre a Universidade Federal Rural de Pernambuco-

Unidade Acadêmica de Garanhuns-UAG e a comunidade escolar, a saber, estudantes da rede pública

e privada que cursam o Ensino Fundamental II e o Ensino Médio. Considerando o cenário de ingresso

dos estudantes nas universidades federais, através do aproveitamento da nota do Exame Nacional do

Ensino Médio-ENEM, o projeto “Dia da Escola no Campus” visa minimizar as lacunas existentes no

campo da orientação profissional dos jovens, diante da difícil tarefa de escolha de um curso

universitário e dos desafios do mundo do trabalho. Durante a visita à Unidade Acadêmica, os

estudantes têm a oportunidade de conhecer com mais propriedade os diversos cursos superiores e os

serviços oferecidos pela UFRPE, vislumbrando possibilidades de prosseguimento nos estudos. Assim,

o projeto “Dia da Escola no Campus” vem se configurando como uma ação relevante para a

comunidade escolar e universitária, cuja importância tem se refletido na crescente participação das

escolas e no crescente envolvimento do corpo docente e funcionários da UFRPE-UAG nessa ação de

extensão. O Projeto conta com a parceria dos técnicos da Instituição, professores e alunos dos cursos

de graduação. Neste ano de 2015, o Projeto atendeu mais de 500 estudantes oriundos de escolas

públicas e privadas de Garanhuns e municípios circunvizinhos.

Page 14: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

14

NOVAS REGRAS DO

PROGRAMA NACIONAL

DE CRÉDITO FUNDIÁRIO

PROJETO TERRITÓRIOS RURAIS - A UAG foi sede do evento “PROGRAMA DO CRÉDITO

FUNDIÁRIO”, organizado pela FETAPE, no dia 06/05, no auditório do Prédio da Anatomia e

Patologia Animal.

O Grupo de Estudos

Linguísticos do Nordeste

(GELNE) e a Universidade

Federal Rural de Pernambuco

realizaram o VI Encontro das

Ciências da Linguagem Aplicadas ao Ensino (ECLAE) na Unidade Acadêmica de Garanhuns

(UAG), Garanhuns, PE, nos dias 17, 18 e 19 de setembro de 2015.

O ECLAE foi instituído pela diretoria do GELNE no biênio 2000-2002 e, desde então, foram

realizadas cinco edições do encontro: UFC (2001), UFPB (2003), UFAL (2007), UFPI (2009) e

UFRN (2011). Em setembro 2015, a atual diretoria do GELNE, com sede na Universidade Federal

Rural de Pernambuco, realizou o VI ECLAE, na Unidade Acadêmica de Garanhuns, na cidade de

Garanhuns, agreste pernambucano.

A continuidade do evento visou a articulação entre as pesquisas desenvolvidas nas Instituições de

Ensino Superior (IES) e as práticas de ensino nas escolas; a necessidade de se desenvolver e se

consolidar um espaço para discussão das questões ligadas ao ensino de línguas e literatura na região

Nordeste; a necessidade de abrir um espaço para discussão do ensino e da formação docente nas IES;

a necessidade de descentralizar os eventos acadêmicos, para possibilitar o acesso de estudantes e

profissionais a eventos acadêmicos realizados fora das capitais.

O VI ECLAE contou com a parceria de várias instituições, entre elas, a Secretaria Municipal de

Garanhuns. O evento teve mais de 600 participantes, 350 trabalhos apresentados, divididos em 19

áreas temáticas, 16 mesas redondas e pôsteres acadêmicos.

.

Page 15: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

15

3. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA UNIDADE

3.1 DIRIGENTES DA UNIDADE ACADÊMICA

Diretor Geral e Acadêmico:

Prof. Airon Aparecido Silva de Melo

Eventual Substituto:

Prof. Mácio Farias de Moura

Diretor Administrativo:

José Renato Correia Ferro

Eventual Substituta:

Valdeline Adriany Cardoso de Oliveira Mélo

Coordenador Geral dos Cursos de Graduação:

Prof. Cláudio Galvão de Souza Júnior

Eventual Substituto:

Prof. Rafael Bezerra de Lima

Diretor do Hospital Veterinário Universitário

Prof. Almir Chalegre de Freitas

Secretário Executivo:

Wagner Marques Cordeiro

3.2 COORDENAÇÕES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO

Coordenador do curso de Agronomia:

Prof. César Auguste Badji

Eventual Substituta:

Profª. Gilmara Mabel Santos

Page 16: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

16

Coordenador do curso de Bacharelado em Ciência da Computação:

Prof. Rodrigo Gusmão de Carvalho Rocha

Eventual Substituto:

Prof. Jean Carlos Teixeira de Araújo

Coordenadora do curso de Engenharia de Alimentos:

Profª. Andréa Galindo Carneiro Rosal

Eventual Substituto:

Prof. Mirko Salomon Cháves Gutiérrez

Coordenadora do curso de Licenciatura em Letras:

Profª. Emanuelle Camila Moraes de Mélo Albuquerque Lima

Eventual Substituta:

Profª. Márcia Felix da Silva Cortez

Coordenadora do curso de Licenciatura em Pedagogia:

Profª. Thaynah de Brito Barra Nova

Eventual Substituta:

Profª. Catarina da Silva Souza

Coordenador do curso de Medicina Veterinária:

Prof. Daniel Friguglietti Brandespim

Eventual Substituta:

Profª. Flávia Ferreira de Menezes

Coordenador do curso de Zootecnia:

Prof. Jorge Eduardo Cavalcante Lucena

Eventual Substituta:

Profª. Denise Fontana Figueiredo

Page 17: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

17

3.3 COORDENAÇÕES DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal e Pastagens:

Prof. Kleber Régis Santoro

Prof. José Romualdo S. Lima

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Produção Agrícola:

Profª. Keila Aparecida Moreira

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Sanidade e Reprodução de

Ruminantes:

Prof. Cláudio Coutinho

Coordenador do Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – Pólo

UFRPE/UAG:

Prof. Alberto Einstein Pereira de Araujo

Coordenador do Mestrado Profissional em Letras

Prof. Nilson Pereira de Carvalho

3.4 CHEFIA DE SETORES

Administração de Pessoal: Patrimônio:

Danillo Nobre Santiago Susineide Silva de Almeida

Biblioteca: Núcleo de Tecnologia da Informação:

Gracineide Santos da Silva Alexandre Williams Torres Borba

Compras: Transportes:

Nadja Macedo de Araujo Amadeu Bezerra da Silva

Page 18: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

18

3.5 CONSELHO TÉCNICO ADMINISTRATIVO – CTA

Membros Natos

Airon Aparecido Silva de Melo (Presidente) / Mácio Farias de Moura

José Renato Correia Ferro / Valdeline Adriany Cardoso

Cláudio Galvão de Souza Júnior / Rafael Bezerra de Lima

Representação Docentes

Emanuelle Camila Moraes de Melo Albuquerque Lima / Marcelo de Oliveira Milfont

Kádna Maria Alves Camboim / Priscilla Kelly Machado Vieira

Francisco Resende de Albuquerque / Everson Fernando Santos Feitosa

Glória Mª Duarte Cavalcanti / Taynah de Brito Barra Nova

Jeandson Silva Viana / Luciana Maia Moser

Cibele Cardoso de Castro /

Dulciene Karla de A. Silva / Marcelo Machado Martins

Lucas da Silva Castro / Márcia Félix da Silva Cortez

Heloisa Flora B. Nóbrega Bastos /

Ricardo Normando Baptista do Nascimento Neto / Luciano Souza

Representação Técnicos-Administrativos

Amadeu Bezerra da Silva / Vanilson Pedro da Silva

Gracineide Santos da Silva / Susineide Silva de A. Paes

Page 19: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

19

Representação Discentes

Maria Goretti Prohmann / Paula Cavalcante de Melo

Valdeci Antônio A. Filho / Ana Paula da Silva Medeiros

3.6 COMISSÕES

Comissão de Pesquisa:

Robson Santos de Oliveira (presidente)

Rodrigo Gomes Pereira

Gilcia Aparecida de Carvalho

Matheus Dhein Dill

Anthony Wellington Almeida Gomes

Bruno Costa e Silva Nogueira

Gerla Castello Branco Chinelate

Dennys Dikson Marcelino da Silva

Bruno Benetti Junta Torres

Comissão de Extensão:

Marcos Pinheiro Franque (presidente),

Glória Maria Duarte Cavalcanti

Luiza Cristina Pereira de Araújo

Page 20: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

20

Maria Betânia de Queiroz Rolim

Marcelo de Oliveira Milfont

Tania Alen Coutinho

Luciano Souza

Luciano Cavalcanti do Nascimento

Taciana Rabelo Ramalho Ramos

Oseas Bezerra Viana Junior

Comissão de Ensino:

Catarina da Silva Souza (presidente)

Viviane Nunes Sarmento

Aliete Gomes Carneiro Rosa

Neuza de Barros Marques

Oseas Bezerra Viana Júnior

Fabiano Barbosa Mendes da Silva

Murilo Chavedar de Souza Araújo

Tania Alen Coutinho

Wellington Romero Serafim Freire

Sílvia Elaine Rodolfo de Sá Lorena

Anderson Fernandes de Alencar

Page 21: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

21

Comissão de Avaliação de Progressão Docente (CAPD)

Cláudio Galvão de Souza Junior (presidente)

Paulo Roberto Jaques Dill

Orison Marden Bandeira de Melo Júnior

Mácio Farias de Moura (suplente)

Matheus Dhein Dill (suplente)

Comissão de Avaliação de Desempenho Docente em Estágio Probatório e em Estabilidade

Airon Aparecido Silva de Melo (presidente)

Cláudio Galvão de Souza Junior

Francisco Resende de Albuquerque

Paulo Roberto Jaques Dill

Page 22: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

22

4. INDICADORES UAG/UFRPE

DISCENTES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO

CURSOS DE GRADUAÇÃO

2015.1

2015.2

Agronomia 251 247

Bacharelado em Ciência da Computação 176 186

Engenharia de Alimentos 152 155

Licenciatura em Letras 231 236

Licenciatura em Pedagogia 218 220

Medicina Veterinária 360 365

Bacharelado em Zootecnia 184 195

Total 1.572 1.604

Fonte: Núcleo de Escolaridade

DADOS DO SEMESTRE 2015.1

CURSO AGRONOMIA – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 2 1 2 1 2 1 2 1 2 1 2 1 3

DESLIGAMENTO 0 0 0 0 0 2 0 1 0 1 1 2 3

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 21 9 21 9 20 8 28

FORMADO 0 0 0 0 9 2 9 2 9 2 9 2 11

INTEGRALIZADO 4 1 9 2 9 2 9 2 9 2 20 7 27

INTERCÂMBIO 0 0 1 2 1 2 1 2 1 2 1 2 3

MATRICULADO 3 0 158 93 158 93 158 94 158 94 147 89 236

TRANCAMENTO 0 0 5 1 6 1 6 1 6 1 6 1 7

TOTAL DO CURSO 9 2 175 99 185 103 206 112 206 112 206 112 318

Page 23: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

23

CURSO BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 2 0 2 0 5 0 5 0 5 0 5 0 5

DESLIGAMENTO 0 0 0 0 0 0 1 0 1 0 1 1 2

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 55 8 54 8 53 8 61

FORMADO 1 0 1

0 4 0 4

0 4 0 4

0 4

INTEGRALIZADO 2 0 3

0 3 0 3

0 3 0 3

0 3

INTERCÂMBIO 0 0 3 1 4 1 4 1 5 1 5 1 6

MATRICULA VINCULO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0 1

MATRICULADO 9 0 160 16 160 17 160 17 160 17 159 16 175

TRANCAMENTO 0 0 4 1 6 2 6 2 6 2 6 2 8

TOTAL DO CURSO 14 0 173 18 182 20 238 28 238 28 237 28 265

CURSO ENGENHARIA DE ALIMENTOS – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 3 2 4 2 12 9 12 9 12 9 12 9 21

DESLIGAMENTO 0 0 1 0 2

0 2 0 2

0 2 0 2

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 22 25 22 25 22 25 47

FORMADO 0 1 0 1 1 9 1 9 1 9 1 9 10

INTEGRALIZADO 1 9 1 9 1 9 1 9 1 9 1 9 10

MATRICULADO 1 1 58 95 58 94 57 94 57 94 57 94 151

TRANCAMENTO 2 0 3 1 4 1 4 1 4 1 4 1 5

TOTAL DO CURSO 7 13 67 108 78 122 99 147 99 147 99 147 246

CURSO LICENCIATURA EM LETRAS - PORTUGUES E INGLÊS-UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 0 3 1 3 2 6 2 6 2 6 2 6 8

DESLIGAMENTO 0 0 0 0 0 1 1 1 1 1 1 1 2

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 17 22 17 22 17 22 39

FORMADO 1 0 1 0 4 12 4 12 4 12 4 12 16

INTEGRALIZADO 4 11 4 12 4 12 4 12 4 12 8 15 23

MATRICULADO 8 12 99 133 101 131 101 130 101 130 97 127 224

TRANCAMENTO 0 0 3 5 4 8 4 8 4 8 4 8 12

TOTAL DO CURSO 13 26 108 153 115 170 133 191 133 191 133 191 324

CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA - UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 0 1 0 1 0 2 0 1 0 1 0 1 1

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 9 30 9 30 9 30 39

FORMADO 0 0 0 0 3 19 3 19 3 19 3 19 22

INTEGRALIZADO 3 19 3 19 3 19 3 19 3 19 3 19 22

MATRICULADO 0 10 28 192 28 190 28 190 28 189 28 189 217

TRANCAMENTO 0 0 0 5 0 7

0 7 0 8

0 8 8

TOTAL DO CURSO 3 30 31 217 34 237 43 266 43 266 43 266 309

Page 24: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

24

CURSO MEDICINA VETERINÁRIA - UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 0 1 0 1 2 2 2 2 2 2 2 2 4

DESLIGAMENTO 0 0 0 1 2 1 2 0 2 0 2 0 2

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 18 11 18 11 18 11 29

FORMADO 0 2 2 4 6 12 6 12 6 12 8 12 20

INTEGRALIZADO 1 0 1

0 1 0 1

0 1 0 11 9 20

INTERCÂMBIO 0 0 1 2 1 2 1 2 1 2 1 2 3

MATRICULADO 11 13 179 182 179 182 179 182 179 181 169 172 341

TRANCAMENTO 1 0 5 5 5 5 5 5 5 6 5 6 11

TOTAL DO CURSO 13 16 188 195 196 204 214 214 214 214 216 214 430

CURSO ZOOTECNIA - UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 2 0 3

0 7 6 7 6 7 6 7 6 13

DESLIGAMENTO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 1

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 24 21 24 21 24 20 44

FORMADO 0 0 0 1 2 5 2 5 2 5 2 5 7

INTEGRALIZADO 2 5 2 5 2 5 2 5 2 5 6 6 12

MATRICULADO 9 8 98 90 97 90 97 91 97 91 93 90 183

TRANCAMENTO 1 1 1 5 2 5 2 5 2 5 2 5 7

TOTAL DO CURSO 14 14 104 101 110 111 134 133 134 133 134 133 267

TOTAL GERAL - UNIDADE ACADEMICA DE GARANHUNS

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

02/2015 M F

MM/AAAA 03/2015

M F

MM/AAAA 04/2015

M F

MM/AAAA 05/2015

M F

MM/AAAA 06/2015

M F

MM/AAAA 07/2015

M F

TOTAL

DESISTENCIA 9 8 12 8 30 26 30 25 30 25 30 25 55

DESLIGAMENTO 0 0 1 1 4 4 6 2 6 2 7 5 12

DESVINCULADO 0 0 0 0 0 0 166 126 165 126 163 124 287

FORMADO 2 3 4 6 29 59 29 59 29 59 31 59 90

INTEGRALIZADO 17 45 23 47 23 47 23 47 23 47 52 65 117

INTERCÂMBIO 0 0 5 5 6 5 6 5 7 5 7 5 12

MATRICULADO 41 44 780 801 781 797 780 798 780 796 750 777 1527

TRANCAMENTO 4 1 21 23 27 29 27 29 27 31 27 31 58

MATRICULA VINCULO 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0 1

TOTAL GERAL 73 101 846 891 900 967 1067 1091 1067 1091 1068 1091 2159

Fonte: Relatório Sig@ emitido dia 02 de dezembro de 2015.

Page 25: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

25

DADOS DO SEMESTRE 2015.2

CURSO AGRONOMIA – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 2 0 4

0 4 0 4

0 4 0 0 0 4

DESLIGAMENTO 0 0 1 1 1 1 0 1

0 1 0 0 1

FORMADO 11 5 11 5 11 5 11 5 11 5 0 0 16

INTERCÂMBIO 1 0 1 0 2 0 2 0 2 0 0 0 2

MATRICULA VINCULO 0 0 14 9 13 9 13 9 13 9 0 0 22

MATRICULADO 152 95 149 95 149 95 150 95 150 95 0 0 245

TRANCAMENTO 5 1 9 1 9 1 9 1 9 1 0 0 10

TOTAL DO CURSO 171 101 189 111 189 111 189 111 189 111 0 0 300

CURSO BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO - UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 1 1 0 1 0 1 0 1 0 1 0 0 1

DESLIGAMENTO 0 0 3 1 3 1 3 1 3 1 0 0 4

INTERCÂMBIO 4 0 4 0 4 0 4 0 4 0 0 0 4

MATRICULA VINCULO 0 1 28 2 24 2 24 2 24 2 0 0 26

MATRICULADO 159 19 159 20 163 20 163 20 163 20 0 0 183

TRANCAMENTO 9 2 10 2 10 2 10 2 10 2 0 0 12

TOTAL DO CURSO 173 23 204 26 204 26 204 26 204 26 0 0 230

CURSO ENGENHARIA DE ALIMENTOS – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 1 0 2 0 2 0 2 0 2 0 0 0 2

DESLIGAMENTO 0 0 0 1 0 1 0 1 0 1 0 0 1

FORMADO 3 2 3 2 3 2 3 2 3 2 0 0 5

INTEGRALIZADO 3 2 3 2 3 2 3 2 3 2 0 0 5

MATRICULA VINCULO 0 0 12 15 12 15 12 15 12 15 0 0 27

MATRICULADO 63 92 63 92 63 92 63 92 63 92 0 0 155

TRANCAMENTO 3 2 3 2 3 2 3 2 3 2 0 0 5

TOTAL DO CURSO 73 98 86 114 86 114 86 114 86 114 0 0 200

CURSO LICENCIATURA EM LETRAS - PORTUGUES E INGLÊS-UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESLIGAMENTO 0 0 1 1 1 0 1

0 1 0 0 0 1

FORMADO 6 5 6 5 6 5 6 5 6 5 0 0 11

INTEGRALIZADO 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 0 0 4

MATRICULA VINCULO 0 0 17 17 17 18 17 17 17 17 0 0 34

MATRICULADO 96 138 97 137 97 137 97 138 97 138 0 0 235

TRANCAMENTO 3 3 3 3 3 3 3 3 3 3 0 0 6

TOTAL DO CURSO 107 148 126 165 126 165 126 165 126 165 0 0 291

Page 26: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

26

CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESLIGAMENTO 0 0 0 1 0 1 0 1 0 1 0 0 1

FORMADO 3 19 3 19 3 19 3 19 3 19 0 0 22

INTEGRALIZADO 3 19 3 19 3 19 3 19 3 19 0 0 22

MATRICULA VINCULO 0 0 5 17 4 17 4 16 4 16 0 0 20

MATRICULADO 29 192 28 191 29 191 29 192 29 192 0 0 221

TRANCAMENTO 0 1 0 2

0 3 0 3

0 3 0 0 3

TOTAL DO CURSO 35 231 39 249 39 250 39 250 39 250 0 0 289

CURSO MEDICINA VETERINÁRIA - UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 1 0 1 0 1 0 1 0 1 0 0 0 1

DESLIGAMENTO 0 0 4 3 2 3 2 3 2 3 0 0 5

FORMADO 8 9 8 9 8 9 8 9 8 9 0 0 17

MATRICULA VINCULO 0 0 7 7 7 7 7 7 7 7 0 0 14

MATRICULADO 182 188 181 187 180 186 180 186 180 186 0 0 366

TRANCAMENTO 3 5 4 8 7 9 7 9 7 9 0 0 16

TOTAL DO CURSO 194 202 205 214 205 214 205 214 205 214 0 0 419

CURSO ZOOTECNIA – UAG

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 0 0 0 2 0 2 0 2 0 2 0 0 2

DESLIGAMENTO 0 0 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0 2

FORMADO 5 1 5 1 5 1 5 1 5 1 0 0 6

INTEGRALIZADO 1 0 1

0 1 0 1

0 1 0 0 0 1

MATRICULA VINCULO 0 0 10 15 10 14 10 14 10 14 0 0 24

MATRICULADO 102 94 100 94 100 95 100 94 100 94 0 0 194

TRANCAMENTO 2 1 4 1 4 1 4 2 4 2 0 0 6

TOTAL DO CURSO 110 96 121 114 121 114 121 114 121 114 0 0 235

TOTAL GERAL - UNIDADE ACADEMICA DE GARANHUNS

SITUAÇÃO ACADÊMICA MM/AAAA

08/2015 M F

MM/AAAA 09/2015

M F

MM/AAAA 10/2015

M F

MM/AAAA 11/2015

M F

MM/AAAA 12/2015

M F

MM/AAAA 01/2016

M F

TOTAL

DESISTENCIA 5 1 7 3 7 3 7 3 7 3 0 0 10

DESLIGAMENTO 0 0 10 9 8 8 7 8 7 8 0 0 15

FORMADO 36 41 36 41 36 41 36 41 36 41 0 0 77

INTERCÂMBIO 5 0 5

0 6 0 6

0 6 0 0 0 6

MATRICULA VINCULO 0 1 93 82 87 82 87 80 87 80 0 0 167

MATRICULADO 783 818 777 816 781 816 782 817 782 817 0 0 1599

TRANCAMENTO 25 15 33 19 36 21 36 22 36 22 0 0 58

INTEGRALIZADO 9 23 9 23 9 23 9 23 9 23 0 0 32

TOTAL GERAL 863 899 970 993 970 994 970 994 970 994 0 0 1964

Fonte: Relatório Sig@ emitido dia 02 de dezembro de 2015.

Page 27: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

27

ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO

Fonte: Setor de Estágio

ESTÁGIO SUPERVISIONADO NÃO OBRIGATÓRIO

CURSO DE GRADUAÇÃO QUANTIDADE DE ESTÁGIO POR

CURSO

Bacharelado em Zootecnia 01

Medicina Veterinária 09

CURSO DE GRADUAÇÃO QUANTIDADE DE ESO POR CURSO

Agronomia 17

Bacharelado em Zootecnia 24

Medicina Veterinária 53

Bacharelado em Ciência da

Computação

03

Licenciatura em Pedagogia 159

Licenciatura em Letras 141

Engenharia de Alimentos 08

TOTAL 405

Page 28: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

28

Licenciatura em Pedagogia 11

Engenharia de Alimentos 05

Licenciatura em Letras 01

Agronomia 01

TOTAL 28

Fonte: Setor de Estágio

MONITORIA/ BOLSISTAS

CURSOS DE

GRADUAÇÃO N° DE ALUNOS QUANT. BOLSAS

POR CURSO JAN. À DEZ.

Agronomia 19 129

Bacharelado em Ciência da

Computação 14 80

Engenharia de Alimentos 17 110

Licenciatura em Letras 14 84

Licenciatura em Pedagogia 25 157

Medicina Veterinária 25 139

Bacharelado em Zootecnia 16 109

TOTAL 130 808 Fonte: Setor de Monitoria

Page 29: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

29

ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL

ASSISTÊNCIA E APOIO ESTUDANTIL NÚMERO DE ESTUDANTES

Programa de Apoio ao Discente/ Apoio

Acadêmico 150

Programa de Apoio ao Discente/

Auxílio Alimentação 171

Programa de Apoio ao Discente/

Auxílio Transporte 153

Programa de Apoio ao Ingresssante - Pai 94

Programa de Apoio à Gestante 07

Residência Universitária 24

Atendimento Social 1.667

Programa Volta ao Lar 127

TOTAL 2.393

Fonte: COGEST

Page 30: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

30

5. AÇÕES DESENVOLVIDAS PELOS SETORES INTERNOS

5.1 NÚCLEO DE ESCOLARIDADE

A Escolaridade é um núcleo administrativo da Unidade Acadêmica de Garanhuns

(UAG), vinculado ao Departamento de Registro e Controle Acadêmico (DRCA), e tem por

finalidade acompanhar a vida acadêmica dos alunos de Graduação da UAG, orientando e

auxiliando os discentes desde a admissão, com a matrícula; durante o curso, através da emissão

de diversos tipos de declarações e orientações a respeito de requerimentos; até a conclusão do

curso, com a emissão de Certificados de Conclusão de Curso. Oferece também, suporte

acadêmido, a direção geral, a coordenação geral, as coordenações dos cursos, aos docentes e

técnicos administrativos.

Em 2015 trabalhamos na organização do acervo de provas do arquivo do Núcleo de

Escolaridade-UAG. Assim as provas com mais de 1 ano de guarda começaram a ser

encaminhadas à Recife para reciclagem, o que culminou na liberação de espaço físico do

Arquivo do Núcleo de Escolaridade.

Ações no que diz respeito ao corpo discente:

1- Matrícula de alunos ingressantes;

2- Emissão de documentos acadêmicos: Declarações diversas; Histórico Escolar;

Comprovante de Matrícula; Programas de disciplinas, entre outros;

3- Desbloqueio de SIG@;

4- Alteração cadastral;

5- Receber requerimento de desistência de curso;

Page 31: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

31

6- Orientar sobre os procedimentos necessários a solicitação de revisão de provas,

solicitação de diploma;

7- Anotação de dispensa e aproveitamento de disciplina;

8- Protocolar certificados; e

9- Anotação no SIG@ de matrícula administrativa, cancelamento de disciplinas (fora do

prazo estipulado no calendário acadêmico), atividades curriculares complementares

(ACC), trancamento administrativo de período e dispensa e aproveitamento de

disciplinas.

Ações no que diz respeito ao corpo docente:

1- Emissão de Atas e Diários de classe;

2- Fornecimento de Capas de diários de classe;

3- Recebimento de Atas e diários de classe preenchidos para arquivamento;

4- Recebimento de provas para arquivamento;

5- Desbloqueio de SIG@;

6- Alteração de notas e faltas no SIG@ de semestres anteriores; e

7- Prestar informações referentes à matrícula de alunos.

Ações no que diz respeito ao corpo técnico:

1- Desbloqueio de SIG@; e

2- Prestar informações referentes à matrícula e contato de alunos.

Page 32: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

32

5.2 NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PRINCIPAIS PROJETOS

Abaixo são apresentados os principais projetos estratégicos idealizados pela alta direção de TI

da UFRPE, ao qual o grupo de TI da UAG está de forma direta ou indiretamente envolvido.

SIGA

O Sistema de Informações e Gestão Acadêmica - SIG@ - é o sistema institucional que

fornece suporte ao controle de processos acadêmicos e administrativos da UFRPE. O SIG@

mantém o cadastro unificado de discentes, docentes e técnicos-administrativos.

Política de Segurança da Informação e Comunicações – Posic

A Posic fornece diretrizes para a definição de Normas e Procedimentos específicos ou

gerais de segurança da informação e comunicações, assim como a sua execução e implantação

de controles e processos para o seu cumprimento.

CAFe

A UFRPE integra a Comunidade Acadêmica Federada - CAFe da Rede Nacional de

Ensino e Pesquisa - RNP e pode acessar serviços federalizados como o Portal de Periódicos da

CAPES através de login/senha.

E-mail Institucional

A Universidade Federal Rural de Pernambuco - UFRPE - conta com um sistema de E-

mail Institucional para todos os docentes, discentes e técnicos administrativos. Desta forma, o

e-mail é a principal ferramenta de comunicação da comunidade acadêmica.

Page 33: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

33

MACRO ATIVIDADES - NTI/UAG

Desenvolver e implantar sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidades

do sistema, especificando programas, codificando aplicativos. Administração de ambientes

informatizados. Realização de treinamentos e suporte técnico ao usuário, desenvolver e

elaborar documentação técnica alinhada ao estabelecimento de padrões. Coordenar projetos e

oferecer soluções para ambientes informatizados através de pesquisas de novas tecnologias em

informática.

MICRO ATIVIDADES – NTI/UAG

1. Alexandre Torres

Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação - TIC.

2. Thiago Barbosa

Gestão de Redes de Computadores e ativos de rede;

Gestão de Datacenter e da virtualização dos sistemas de software que compõe o

DataCenter;

Gestão de sistema de segurança Firewall;

Gestão de sistema Proxy;

Gestão de sistema VPN/DHCP;

Projeto Capes WebTV;

Gestão de VLANs;

Suporte na administração do sistema de Telefonia UAG que são interligados e

dependentes da rede de dados;

3. Calhiandro Mendes

Suporte de Redes;

Suporte em informática à comunidade UAG em geral – manutenção de

computadores (Helpdesk);

Suporte na administração da do sistema de Telefonia UAG que são interligados

e dependentes da rede de dados.

4. Daniel Leite

Desenvolvimento de software e aplicações web.

Page 34: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

34

5.3 COODENADORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL - COGEST

PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE-PAI (Resolução nº 288/2013)

Vagas disponibilizadas para o PAI em 2015.1: 80

Quantidade de inscritos 2015.1: 36

Vagas disponibilizadas para o PAI em 2015.2: 100

Quantidade de inscritos 2015.2: 58

PROGRAMA DE APOIO AO DISCENTE (Resolução nº 237/2015)

Modalidades: Bolsa de Apoio Acadêmico, e auxílios Alimentação e Transporte

Quantidade de vagas ocupadas atualmente (por modalidade):

Apoio Acadêmico: 150

Alimentação: 171

Transporte: 153

Total: 474

Vagas disponibilizadas ao Programa em 2015.2: 100

Vagas disponibilizadas ao Programa em 2015.1: 00

Page 35: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

35

CONCESSÃO DE AJUDA DE CUSTO PARA DISCENTES PARA PARTICIPAÇÃO

EM EVENTOS CIENTÍFICOS E ACADÊMICOS (Resolução nº 188/2012 )

Os interessados podem formar o processo de solicitação diretamente pelo setor de Protocolo da

Unidade.

Solicitações encaminhadas à PROGEST via COGEST/UAG: 42

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA (Resolução nº 327/2008 )

Total de vagas disponibilizadas na Residência Universitária da UAG em 2015.

2015.1

Residência Masculina: 02

Residência Feminina: 03

Total de vagas disponibilizadas no programa em 2015.1: 05

2015.2

Residência Masculina: 05

Residência Feminina: 08

Total de vagas disponibilizadas no programa em 2015.2: 13

Quantitativos de inscritos para o Programa de Residência Universitária UAG em 2015:

37 discentes

Residência Masculina

2015.1: 08

2015.2: 15

Total: 23

Page 36: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

36

Residência Feminina

2015.1: 07

2015.2: 07

Total: 14

Quantitativo de discentes que foram contemplados pelo Programa de Residência

Universitária da UAG durante o ano de 2015.1: 05 discentes

PROGRAMA DE APOIO À GESTANTE (Resolução nº 112/2014)

Vagas: 07

Inscritas: 07

PROGRAMA VOLTA AO LAR (Resolução nº 228/2013)

No ano de 2015 foram concedidas pela PROGEST um total 127 Ajudas de Custo aos alunos

do Programa de Residência Estudantil da UAG no âmbito deste Programa.

ATENDIMENTOS PSICOSSOCIAIS REALIZADOS NA COGEST/UAG EM 2015

- Atendimentos sociais: 1.667

- Atendimentos psicológicos: - ***

***No momento, não dispomos de Psicólogo, sendo inviável a obtenção desses números.

Page 37: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

37

OUTRAS ATIVIDADES:

- Participação das servidoras Fabiana Maria da Costa e Emanuelle Chaves Pinto (Assistentes

Sociais) no Fórum de Pró-Reitores de Assuntos Estudantis - FONAPRACE, realizado na

UFPE, Recife, de 16 – 18 de setembro de 2015.

- Participação das servidoras Fabiana Maria da Costa, Joselya Claudino de Araujo Vieira e

Emanuelle Chaves Pinto (Assistentes Sociais) no I SEMINÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE

DA POPULAÇÃO NEGRA DE GARANHUNS, na cidade de Garanhuns, no dia 16 de outubro

de 2015.

ATENDIMENTOS DE ORDEM ADMINISTRATIVA:

Atendimento permanente aos bolsistas da PROGEST, aos residentes e à comunidade acadêmica

em geral. Elaboração e envio mensal à PROGEST de planilhas de pagamento dos programas de

Assistência Estudantil; Assessoria permanente à PROGEST na elaboração de relatórios e

prestação de informações diversas; verificação semestral de desempenho acadêmico dos

bolsistas da PROGEST, do MEC e alunos residentes; Recepção e envio à PROGEST de

documentação para inscrição de estudantes no Programa Bolsa Permanência do MEC para

estudantes indígenas ou quilombolas; Confecção de declarações e solicitação de emissão de

certificados para bolsistas e para docentes orientadores; Organização de reuniões para

assinatura de Termos/Contratos de bolsas; Elaboração de empenhos, protocolização e

acompanhamento das solicitações de Ajudas de Custo para Participação em Eventos e do

Programa “De Volta ao Lar”.

Page 38: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

38

5.4 SETOR DE TRANSPORTES

Demostrativo de atendimento a solicitação de veículos

Fonte: Setor de Transporte

Demonstrativo de frota de veículos

FROTA DE VEÍCULOS QUANTIDADE

Automóvel 04

Caminhonete 04

Motocicleta 0

Microonibus 03

Ônibus 01

Fonte: Setor de Transporte

Demonstrativo das despesas com combustíveis e lubrificantes

COMBUSTÍVEL/LUBRIFICANTE VALOR/ANO

Gasolina 36.426,56

Diesel 71.009,10

Alcool -

Lubrificante 8.064,00

Consumo de combustíveis e lubrificante 115.499,66

Fonte: Setor de Transporte

ÁREA QUANTIDADE

Aula de Campo 280

Eventos Científicos 485

Atividades de Extensão 96

Atividades Administrativas 505

Total de Solicitações 1366

Page 39: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

39

5.5 ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL

QUADRO DE PESSOAL

EFETIVO/SUBSTITUTO

QUANTITATIVO

Docentes efetivos 179

Docentes substitutos 10

Técnico-administrativos 84

Total 273

TITULAÇÃO DOCENTES QUANTITATIVO

Mestrado 58

Doutorado 131

TITULAÇÃO TÉCNICO-

ADMINISTRATIVOS

QUANTITATIVO

Ensino Médio 14

Graduação 12

Especialização 43

Mestrado 13

Doutorado 2

QUADRO DE PESSOAL

TERCEIRIZADO

QUANTITATIVO

Serviços Gerais 38

Serviços de Vigilância 33

Serviços de Manutenção 8

Page 40: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

40

5.6 BIBLIOTECA SETORIAL

A Biblioteca Setorial da Unidade Acadêmica de Garanhuns /UFRPE teve suas

atividades iniciadas no segundo semestre de 2005 como “depósito de livros” da Unidade

Acadêmica de Garanhuns, primeira extensão universitária a ser instalada no país, com os

cursos de Agronomia, Licenciatura em Pedagogia, Medicina Veterinária e Zootecnia. O

primeiro passo para se tornar Biblioteca, foi dado em outubro de 2006, com a nomeação de

dois profissionais em Biblioteconomia. Em fevereiro de 2007, o acervo foi transferido para o

novo espaço da Unidade onde permanece até hoje.

5.6.1 Missão

Promover à Unidade Acadêmica de Garanhuns o acesso, a recuperação e a transferência

da informação nas funções de ensino, pesquisa e extensão, através de serviços e produtos

ofertados à comunidade na qual está inserida, absorvendo para si a responsabilidade de

Serviços de Portaria 8

Motoristas, outros 36

Total 123

FORÇA DE TRABALHO QUANTITATIVO

Pessoal Efetivo 263

Pessoal Substituto 10

Pessoal Terceirizado 123

Page 41: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

41

proporcionar a disseminação de conhecimentos que acompanhem a evolução tecnológica e

social e que sejam capazes de provocar mudanças individuais, sociais, políticas e econômicas.

5.6.2.Visão

Ser reconhecida como biblioteca de excelência na gestão da informação e na prestação

de serviços para a comunidade universitária e sociedade em geral, tornando-se referência entre

os seus pares obtendo reconhecimento regional e nacional.

5.6.3 Valores

Assegurar um modelo de tratamento da informação flexível e moderno que possibilite

atualização face às mudanças e exigências do processo de ensino-aprendizagem, torna-se

competitiva nas diversas áreas em que disponibiliza informações, independentemente do

suporte informacional utilizado; desenvolver e manter um quadro de pessoal altamente

qualificado, evolvido em funções bem definidas nas áreas administrativas, prestação de

serviços e atendimento ao público de forma plena e compatível com a legislação.

5.6.4 Equipe

a) 3 Bibliotecárias especialistas;

b) 2 Assistentes Administrativo:

c) 2 Terceirizados;

d) 2 Estagiários.

Page 42: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

42

5.6.5 Estrutura física

a) 3 salas para o acervo geral;

b) 1 sala para Literatura Cinzenta, Obras de Referência e Consulta Local;

c) 1 sala para processamento técnico;

d) 1 sala para Administração e Serviço de referência

e) 1 corredor para circulação de materiais com 2 guichês de atendimento;

f) 2 totens de Consulta ao Acervo

g) 1 sala de estudos com 25 assentos;

5.6.6 Horário de atendimento

A Biblioteca funciona de 2ª a 6ª feira, no horário das 8:00 às 21:00.

5.6.7 Serviços

a) Empréstimo Domiciliar - Permite o empréstimo de livros por prazo determinado, de

acordo com o tipo de usuário a usar o serviço;

b) Renovação e Reservas on-line- permite que o usuário efetue s renovações e reservas

on-line;

c) Catalogação na Fonte - Elaboração da ficha catalográfica de trabalhos científicos.

d) Normalização - Normaliza os trabalhos acadêmicos de acordo com as normas da

ABNT;

e) Comut - Programa de comutação bibliográfica (busca de documentos não existentes na

biblioteca);

f) Portal Periódicos - Busca on-line de textos completos de artigos de periódicos.

Page 43: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

43

g) Visitas Orientadas - Orientação quanto ao uso da biblioteca, oferecida aos novos

alunos;

h) Aulas, palestras e cursos – Participação das bibliotecárias em programas de pós-

graduação e projetos internos da instituição, ministrando aulas, palestras e cursos;

i) Terminais de Consulta ao Acervo - Disponibiliza ao usuário terminais de Consulta ao

acervo, bem como reserva e renovação on-line.

j) Consulta local – Disponibiliza para consulta no interior da biblioteca, o acervo geral,

bem como as obras de referência, DVDs, CDs, literatura cinzenta e normas técnicas

para toda comunidade acadêmica e visitantes.

5.6.8 Acervo Geral

A Biblioteca Setorial possui quatro tipos de Acervos, dispostos nos respectivos Setores

específicos:

Acervo Geral e de Referência: Compreende a coleção de Livros-Texto e Obras de

Referência (Dicionário, Enciclopédias) mais de 4.194 títulos, total de 18.295,

exemplares;

Acervo de Dissertações e Teses: é integrado por exemplares de textos monográficos

(trabalhos de conclusão dos Cursos de Graduação), de dissertações de Mestrado e teses

de Doutorado, defendidas nos programas de Pós-graduação desta Universidade e de

outras Universidades (geralmente elaboradas por Docentes da instituição);

Acervo de DVDs e CD e material adicional: compreendendo 928 títulos;

Acervo Online. A Ebrary Academic Complete™ é uma biblioteca virtual que

disponibiliza um acervo com cerca de 120.000 livros, em formato digital, com acesso

ilimitado. Cobrindo todas as áreas de conhecimento, a base oferece acesso

Page 44: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

44

(http://site.ebrary.com/lib/ufrpe/home.action) prático e rápido a livros de mais de 400

das grandes editoras reconhecidas no âmbito acadêmico

5.6.9 Principais resultados do ano

Escolha do Patrono que dará nome a Biblioteca Setorial. A consulta para escolha foi

através de Edital e voto manual dos nomes suugeridos pela comunidade. Após consulta

o nome escolhido foi o do Dramaturgo e Escritor, Ariano Suassuna.

5.7 SETOR DE ACESSIBILIDADE

O NACES – Núcleo de Acessibilidade, composto por uma Coordenação do Núcleo de

Acessiblidade na sede e por setores de Acessibilidades nas Unidades Acadêmicas, foi criado

pela Resolução Nº 090./2013.

As atividades específicas do NACES foram publicadas na resolução Nº 172/2013 em

03 de setembro de 2013, que no Art. 1º do REGIMENTO INTERNO DE ACESSIBILIDADE

DA UFRPE detalha a natureza e finalidade do núcleo quando diz:

Art. 1º - O núcleo de Acessibilidade (NACES) da Universidade Federal Rural de

Pernambuco é um órgão executivo da Administração Superior, diretamente

subordinado à Reitoria e tem por finalidade atender aos discentes, docentes, técnicos-

administrativos e terceirizados com deficiência ou com mobilidade reduzida, quanto

ao seu acesso e permanência na Universidade Federal de Pernambuco (UFRPE),

promovendo e desenvolvendo ações que visem eliminar ou minimizar barreiras

físicas, atitudinais, pedagógicas e na comunicação e informação que restringem a

participação, a autonomia pessoal e do desenvolvimento, social e profissional.

A Unidade Acadêmica de Garanhuns implantou o seu setor de Acessibilidade em

outubro de 2013.

Page 45: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

45

ATIVIDADES DO SETOR DE ACESSIBILIDADE – UAG/ 2015

DATA ATIVIDADE

- Interpretação da Aula Magna e Colação de Grau pelo servidor Geyson Carvalho.

21/04 Chegada de Pedagoga ao Setor de Acessibilidade.

28, 29/04 Organização física/estrutural do setor para acomodação dos servidores.

30/04 Assessoria para discentes do 3º período de pedagogia sobre autismo.

04-06/05 Atuação como Tradutor Intérprete no “Curso de Atualização Didático-

Pedagógica” para docentes – UFRPE/SEDE (Geyson Carvalho).

22/05 Chegada da nova servidora Núbia Teixeira na Unidade. Apresentação das

demandas e dos espaços.

18-27/05 Levantamento de mobiliário acessível (canhoto e obeso).

09/07 Reunião com o a Coord. do NACES e Coordenação Geral dos Cursos de

Graduação, representantes da Comissão de Acessibilidade – membro da UAG e

funcionários do setor.

22/07 Reunião com a Coordenação Geral dos Cursos de Graduação para discussão dos

temas abrangidos na reunião com o NACES – formatando metas de ação.

20/08 Viagem a sede UFRPE para acompanhar discente de Pedagogia ao DQV.

- 02 (duas) viagens a Tacaratu – PE para aplicação de avaliação para aluna

gestante- da graduação em veterinária.

17-19/09 Interpretação no VI ECLAE – Encontro de Ciência da Linguagem Aplicada à

Educação e interpretação na Aula Magna.

28/09 Interpretação da colação de grau dos cursos de graduação da UAG.

09/10 Participação dos servidores do setor no I Simpósio de Inclusão e Acessibilidade:

rompendo barreiras e respeitando as diferenças, na Sede- UFRPE.

Page 46: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

46

20/10 Interpretação na sabatina com a candidata à Reitora, Profª. Maria José de Sena, na

UAST.

22/10 I Simpósio de Inclusão e Acessibilidade: rompendo barreiras e respeitando as

diferenças da UAG.

27,28/10 Interpretação do ENTEDUC, Sede- UFRPE.

07-18/12 Mapeamento dos banheiros acessíveis e estacionamento.

5.8 SETOR DE ESTÁGIO

Atividades desenvolvidas

Como compete ao Setor de Estágio orientar os discentes sobre os encaminhamentos

relacionados ao Estágio Supervisionado Obrigatório e ao Estágio Supervisionado Não

Obrigatório, atuamos como mediadores entre a UFRPE, alunos e as instituições concedentes,

para tanto, as atividades referentes à comunicação, orientação, confecção e organização da

documentação concernente a esta demanda são rotineiras e necessárias para a realização dos

estágios e desenvolvimento do setor.

Page 47: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

47

5.9 SETOR DE COMPRAS

O Setor de Compras da Unidade Acadêmica tem como atribuição as seguintes atividades:

1. Planejar, coordenar, supervisionar, monitorar, executar e acompanhar os processos de

compras da Unidade Acadêmica de Garanhuns;

2. Executar outras atividades relacionadas à área de compras que venham ser atribuidas

pelas Direções desta Unidade Acadêmica;

As atividades rotineiras estão relacionadas à elaboração de Termos de Referências,

cotações, negociação com fornecedores quanto a pesquisa de mercado e levantamento das

necessidades dos materiais permanentes, consumo e serviço para o bom andamento das

atividades rotineiras da Unidade Acadêmica de Garanhuns.

QUANTITATIVO DE PROCESSOS DE PEDIDO DE COMPRAS DA UAG

2014 2015

Processo para aquisição de

Material de Consumo 7 7

Processo para aquisição de

Material Permanente 7 4

Cessão de Uso de Espaço Físico - 1

Dispensa de Licitação 2 2

Page 48: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

48

VALORES INVESTIDOS NOS PROCESSOS DE COMPRAS DA UAG*

2014 2015**

Processo para aquisição de

Material de Consumo R$ 1.152.201,73 R$ 214.314,31

Processo para aquisição de

Material Permanente R$ 370.883,36 134.560,00

Cessão de Uso de Espaço

Físico - -

Dispensa de Licitação R$ 6.830,00 -

* Os valores foram coletados do site: http://www.comprasgovernamentais.gov.br/ através das

atas de Resultado de Fornecedores dos Pregões Eletrônicos da Unidade Acdêmica de

Garanhuns.

** Os valores de 2015 estão incompletos devido a existência de seis (06) processos em

andamento.

Resumo das atividades do Setor de Compras através em planilha que dará uma visão global do

que ocorreu no ano de 2015.

PREGÃO Nº PROCESSO ASSUNTO

VALOR

INVESTIDO OBSERVAÇÃO

06/2015 24343/2014-14 Material de Consumo

Laboratório de Física R$ 8.595,23 Realizado

09/2015 17815/2014-74 Permanente Hospital R$ 19.823,77 Realizado

1079/2015-13

Dispensa para

Abastecimento de Gás

Oxigênio

Pedido do Hospital

Veterinário da UAG –

Em andamento

1066/2015-44 Dispensa para

Abastecimento de Gás Cancelado!

Pedido da Residência

Universitária da UAG

Page 49: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

49

GLP 13 KG

6357/2014-48 Arquivo Deslizante para o

LABZOO

R$

134.560,00

Realizado! Adquirido

por uma carona .

03/2015 4674/2015-19 Cessão de uso da Cantina

da UAG -

Tomada de Preço –

REALIZADO

010314/2015-

48

Material de consumo de

Engenharia, manutenção e

Fazenda.

Enviado para Sede –

Em tramitação

30/2015 10184/2015-43

Material de Consumo de

expediente, informática e

informática.

R$ 75.411,08 Realizado por Carlos

Willian

10329/2015-14 Material de elétrica e

Refrigeração R$ 27.066,11

Realizado por Marlon

Esdras

10362/2015-36 Material de consumo

laboratorial e EPI

Será Realizado por

Carlos no dia

07/12/2015

33/2015 4996/2015-50 Consumo do hospital R$

103.241,89

Realizado por Marlon

Esdras

56/2015 10840/2015-16 Reagentes

Será Realizado por

Carlos no dia

15/12/2015

10851/2015-98

Aquisição de Estantes

metálicas para o

Almoxarifado

Enviado para Sede –

Em tramitação

18982/2015-13 Equipamento Permanente

para os Laboratórios

Envaido para Sede –

Em tramitação

19221/2015-89 Persianas Envaido para Sede –

Em tramitação

Page 50: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

50

5.10 SETOR DE MONITORIA

IDENTIFICAÇÃO

Cláudio Galvão de Souza Júnior - Coordenador do Programa da Monitoria na UAG

Kézia Costa Barros - Responsável pelo setor de Monitoria da UAG

FINALIDADE

A monitoria visa à melhoria do ensino de graduação fortalecendo a articulação entre a teoria e a

prática, despertando no aluno o gosto pela carreira docente, promovendo a interação e

cooperação entre discentes e docentes além de estimular o desenvolvimento de habilidades que

favoreçam o estudante na iniciação à docência.

MONITORIA NA UAG

No programa existem duas categorias de monitores, o bolsista e o voluntário, ambos regidos

pela Resolução 262/2001. São disponibilizadas anualmente para UAG 65 bolsas. A distribuição

dessas bolsas contempla os cursos de graduação de maneira equitativa, conforme critérios

orientados pela Resolução.

Para atender ao programa, está disponível no site da UAG um link em forma de banner, com as

orientações e documentos necessários para cada processo de seleção.

Em 2015, foram ofertadas 162 monitorias, sendo 97 voluntárias e 65 com bolsas, distribuídas

nas diferentes áreas de conhecimento, atendendo aos cursos de Agronomia, Bacharelado em

Ciência da Computação, Engenharia de Alimentos, Licenciatura em Letras, Licenciatura em

Pedagogia, Medicina Veterinária e Bacharelado em Zootecnia.

Page 51: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

51

CURSOS GRADUAÇÃO

N° DE

ALUNOS

QUANT.

BOLSAS VALOR TOTAL

UAG POR CURSO

JAN. À

DEZEMB. POR CURSO

AGRONOMIA 19 129 R$ 37.410,00

BCC 14 80 R$ 23.200,00

ENGENHARIA ALIMENTOS 17 110 R$ 31.900,00

LETRAS 14 84 R$ 24.360,00

PEDAGOGIA 25 157 R$ 45.530,00

VETERINÁRIA 25 139 R$ 40.310,00

ZOOTECNIA 16 109 R$ 31.610,00

TOTAL 130 808 R$ 234.320,00

Page 52: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

52

5.11 SETOR DE ENGENHARIA

ÁREA FÍSICA – RELAÇÃO DE PRÉDIOS E ESPAÇOS

5.12.1.ÁREA CONSTRUÍDA

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

BLOCO

ADMINISTRATIVO 1.048,0

Servidores Técnicos

Administrativos e

Direções

CANTINA 260,35

Docentes, Discentes,

Técnicos

Administrativos e

Público Geral

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 53: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

53

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

CENLAG 688,00

Docentes e discentes da

graduação e pós-

graduação

GALPÃO DE

ALMOXARIFADO 300,00 Servidores da UAG

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

GALPÃO DE

HIDRÁULICA 581,74

Discentes em aulas

práticas e pesquisas na

área de Hidráulica

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 54: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

54

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

HOSPITAL

VETERINÁRIO 1.139,00

Docentes, discentes e

público geral

LABORATÓRIO

DE ANATOMIA E

PATOLOGIA

ANIMAL

(NECROPSIA)

699,00

Discentes dos cursos de

Medicina Veterinária e

Zootecnia

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

LABORATÓRIO

DE ENSINO 903,00

Docentes, discentes e

técnicos administrativos

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 55: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

55

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

PRÉDIO DOS

PROFESSORES 01 1.048,00 Docentes

PRÉDIO DOS

PROFESSORES 02 1.053,00 Docentes

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

PRÉDIO DE

AULAS 01 1238,00

Docentes e discentes da

gradução

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 56: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

56

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

PRÉDIO DE

AULAS 02 1238,00

Docentes e discentes da

gradução

PRÉDIO DE

AULAS 03 1238,90

Docentes e discentes da

gradução

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 57: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

57

5.12.2 ÁREA EM CONSTRUÇÃO / REFORMA

Designação do

ambiente

Área

(m²) Público-alvo

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

PRÉDIO DE

LABORATÓRIOS

DO CURSO DE

ENGENHARIA DE

ALIMENTOS

(CONSTRUÇÃO)

1.958,86

Técnicos

administrativos,

Docentes e discentes do

curso de Engenharia de

Alimentos

REFORMA NO

HOSPITAL

VETERINÁRIO

150,00 Docentes, discentes e

público geral

Reg

istr

o F

oto

grá

fico

Page 58: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

58

5.12 NÚCLEO DE APOIO ÀS COORDENAÇÕES DOS CURSOS DE

GRADUAÇÃO - NACCG

O Núcleo de Apoio às Coordenações dos Cursos de Graduação – NACCG é um núcleo

administrativo da Unidade Acadêmica de Garanhuns (UAG), vinculado a Coordenação Geral

dos Cursos de Graduação (CGCD), que tem por finalidade dar apoio as Coordenações dos

Cursos de Graduação da UAG (Agronomia, Bacharelado em Ciência da Computação,

Engenharia de Alimentos, Licenciatura em Letras, Licenciatura em Pedagogia, Medicina

Veterinária e Zootecnia). O Núcleo auxilia os Coordenadores dos Cursos na organização de

arquivos, documentos internos, recebimentos e encaminhamento de processos a docentes e

membros de colegiados, protocola documentos nos recebimentos e encaminhamentos, recebe e

encaminha processos no Sig@, secretaria nas reuniões do CCD- Colegiado da Coordenação

Didática, NDE- Núcleo Docente Estruturante e COAA- Comissão de Orientação de

Acompanhamento Acadêmico nas digitações de Atas e decisões para as reuniões, participa da

organização de eventos, atendimento aos docentes e discentes que procuram as Coordenações

de Curso.

O Núcleo de Apoio às Coordenações dos Cursos de Graduação – NACCG iniciou suas

atividades em 21 de maio de 2015, se estruturando de acordo com as demandas surgidas. Neste

período, verificou-se uma maior agilidade na tramitação dos processos, descentralização das

atividades dos coordenadores de curso, contribuindo para melhorar o atendimento aos docentes

e discentes.

Ações no que diz respeito as Coordenações dos Cursos de Graduação:

Secretariar as reuniões do CCD, NDE e COAA com as pautas e Atas de registro e de

freqüência.

Page 59: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

59

Agendamento de reuniões.

Digitar decisões de processos e documentos para ser homologados e aprovados no

CCD: Dispensa de Disciplinas, Histórico Escolar; Atividades Curriculares

Complementares (ACC); Inclusão de Disciplinas; Pré-projeto de Monografia, Planos de

Ensino entre outros documentos referente as atribuições da Coordenação;

Receber e encaminhar processos no SIG@;

Receber e encaminhar processos no setor do protocolo;

Encaminhar documentos e processos para o setor da Escolaridade;

Receber documentos, comunicações oficiais e encaminhamento às instâncias

administrativas;

Auxiliar as demandas internas da Coordenação de Curso;

Organizar arquivos;

Auxiliar na organização de eventos.

Ações no que diz respeito ao corpo docente:

Atendimento para ciência e parecer em processos;

Recebimento e encaminhamento de documentos e memorandos;

Recebimento dos Planos de Ensino.

Ações no que diz respeito aos discentes:

Atendimento para ciência em processos;

Receber Monografias.

Page 60: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

60

6. RESULTADOS INSTITUCIONAIS

6.1 EVENTOS PROMOVIDOS PELO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA

Nome do evento Natureza Objetivo Público-

Alvo

Quantidade

de

participantes

I Encontro prático das

Agrárias Encontro

Realizar minicursos, com conteúdo

teórico e prático, visando à

atualização de conhecimento em

algumas áreas voltadas a Medicina

Veterinária e ao desenvolvimento

agrário, promovendo a integração e a

aproximação entre diversas áreas de

conhecimento do curso e de outros

cursos, como Agronomia e Zootecnia.

200

180

Condicionamento e

Nutrição de Animais

Silvestres Minicurso

Realizar minicursos, com conteúdo

teórico e prático, visando à

atualização do conhecimento na área

de animais selvagens.

30 30

VI Encontro de Medicina

Veterinária do Agreste

Pernambucano Encontro

O evento propôs aprimorar e atualizar

os conhecimentos de discentes,

docentes e profissionais na área afim,

além de difundir conhecimentos e

técnicas que promovam o

desenvolvimento sustentável da

região através de realização de

palestras e minicursos em áreas

distintas da Medicina Veterinária.

400

450

III Jornada de

Especialidades em

Medicina Veterinária – I

Simpósio de Ciências

Agrárias e Saúde Pública

(III JEMEV – I

SIMCASP)

Jornada e

Simpósio

Realizar palestras, minicursos e

aceitação de trabalhos em forma de

resumo simples, com conteúdo

teórico e prático, visando à

atualização de conhecimento em

algumas áreas voltadas a Medicina

Veterinária e ao desenvolvimento

agrário, promovendo a integração e a

aproximação entre diversas áreas de

conhecimento do curso e de outros

cursos, como a Zootecnia,

Agronomia, Engenharia de alimentos

e demais áreas de saúde.

250

340

Page 61: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

61

6.2 EVENTOS PROMOVIDOS PELO CURSO DE LICENCIATURA EM

PEDAGOGIA

Nome do evento Natureza Objetivo Público-

Alvo

Quantidade de

participantes

IV Semana de Pedagogia na

UAG

Semana

Celebrando os dez anos de aniversário

da Unidade Acadêmica de Garanhuns

e do curso de Licenciatura em

Pedagogia, a Coordenação do Curso

organizou em conjunto com o Corpo

docente e discente a IV Semana de

Pedagogia na UAG. O evento foi

realizado no período de 23 a 27 de

novembro de 2015 e teve como

objetivo proporcionar um espaço de

diálogo entre a universidade e a

sociedade, contribuindo para melhorar

a articulação discente, docente e

instituições parceiras na relação

teoria-prática.

O evento, que a partir deste ano passa

a ser anual, trouxe novas propostas em

sua programação. Além de Palestras e

Mesas Redondas, contou com

Conferências, Minicursos, Oficinas e

Grupos de Trabalho (GT’s) que

coordenaram, entre outras atividades,

apresentações de resultados de

pesquisas na modalidade de

Comunicação Oral.

3º Fórum Pernambucano de

Ensino de Arte na Pedagogia –

O ensino de arte na

Pedagogia: polivalência ou

interdisciplinaridade?

Mesas

redondas e

Palestras.

A terceira edição do FÓRUM

PERNAMBUCANO DE ENSINO DA

ARTE NA PEDAGOGIA ocorreu nos

dias 29 e 30 de outubro de 2015, em

Garanhuns-PE, com o apoio da

Coordenação do Curso de

Licenciatura em Pedagogia UAG/

UFRPE e SESC.

O fórum, convocado pelo Grupo de

Pesquisa em Formação de Professores,

Arte e Inclusão

Page 62: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

62

(GEFAI/UFPE/Campus Recife),

Grupo de Estudos em Artes e

Educação

(GESTARTES/UFPE/Campus

Caruaru), Curso de Licenciatura em

Pedagogia da Universidade Federal

Rural de Pernambuco (UAG/UFRPE),

conjuntamente com a Associação

Nordestina de Arte/Educadores

(ANARTE) e a Escolinha de Arte do

Recife (EAR), pretende fomentar o

debate sobre os desafios da formação

do pedagogo na contemporaneidade,

do ponto de vista da Arte e suas

linguagens, a partir do tema –

O Ensino de Arte na

Pedagogia: Polivalência ou

Interdisciplinaridade?".

O Fórum teve como protagonista

principal o estudante de Pedagogia

que apresentou suas vivências e

pesquisas no campo da Arte, e

também contou com duas palestras, a

proferida pela Profa. Dra. Ana Mae

Barbosa (ECA/USP; Universidade

Anhembi Morumbi) que abordou o

tema principal do evento; e a segunda

sobre Os Desafios da Formação do

Pedagogo em Arte, proferida pela

Profa. Dra. Analice Dutra Pillar

(UFRGS).

I Colóquio de Educação

Matemática – Contribuições

da Psicologia Cognitiva.

Palestra

Organizado pelo Prof. Dr. Luciano

Cavalcanti, com o apoio da

Coordenação do Curso de

Licenciatura em Pedagogia da UAG e

do SESC Pernambuco, o evento que

ocorreu no dia 09 de outubro de 2015

reuniu professores do Ensino

Fundamental e estudantes de

Licenciatura para debater as

contribuições da Psicologia Cognitiva

no Ensino da Matemática, e contou

com palestra da Prof.ª Dr.ª Alina

Galvão Spinillo (UFPE).

Page 63: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

63

6.3 CURSOS OFERECIDOS PELO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA

(NOS EVENTOS)

Título Objetivo Coordenador Projeto/Pro

grama

vinculado

Período Carga

Horária

Quantidade

de

participante

s Colheita da Palhada da

Cana-de-Açúcar

Realizar

minicursos, com

conteúdo teórico e

prático, visando à

atualização de

conhecimento em

algumas áreas

voltadas a Medicina

Veterinária e ao

desenvolvimento

agrário,

promovendo a

integração e a

aproximação entre

diversas áreas de

conhecimento do

curso e de outros

cursos, como

Agronomia e

Zootecnia.

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 32

Manejo Nutricional e

Reprodutivo de Equinos

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 30

Práticas Odontológicas em

Animais de Companhia

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 13

Aspectos Clínicos, Exames

Laboratoriais e Tratamento

das Principais Enfermidades

dos Pré - Estômagos.

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 18

Avaliação Técnica para a

Indústria de Laticínios do

Agreste Pernambucano

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 16

Conduta Emergencial para

o Tratamento das Principais

Afecções do Sistema

Locomotor em Equinos

Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 37

Inserção do Médico

Veterinário no Zoológico Flávia Ferreira /

Antônio Brito

I EPA 2014.2 8 Horas 34

Avaliação Neurológica de

Cães e Gatos

Abordar principais

condutas clínicas

diante de pacientes

com sinais

neurológicos assim

como relatar

principais doenças

que cursam com

distúrbio

neurológico.

Prof. Dr. Bruno

Benetti Junta

Torres/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 32

Métodos de Identificação de

Equinos

Teve como objetivo

abordar

teoricamente e por

exposição prática

Prof. Dr. Jorge

Eduardo Cavalcanti

Lucena/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

EMVAPE 12/04/15 8 horas 32

Page 64: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

64

métodos de

identificação de

equinos, como por

exemplo através da

confecção de

resenhas.

Freitas

Cirurgias de Tecidos Moles

e Anestesiologia Básica em

Animais de Companhia

Abordagem teórica

sobre as principais

cirurgias de tecidos

moles na clínica

médica cirúrgica de

pequenos animais

associadas aos

principais

protocolos

anestésicos

utilizados.

Dr. Rodrigo Vital

Gouveia de Sousa -

HVU/UAG e Dr.

Rômulo Nunes

Rocha -

HVU/UAG/ Prof.

Dr. Almir Chalegre

de Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 30

Coleta e Manipulação do

Sêmen Equino

Abordagem teórica

e prática quanto a

coleta e

manipulação do

sêmen equino com

o objetivo de

estabelecer

melhores índices

reprodutivos.

Prof. MSc. Luis

Eduardo P. A.

Ferreira/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 40

Procedimentos para

Transfusão de Sangue em

Pequenos Animais

Demonstrar os

princípios básicos

da transfusão

veterinária através

de abordagem

teórica e prática

sobre etapas como

teste de

compatibilidade

sanguínea, coleta de

sangue do doador e

transfusão ao

receptor.

Profa. Dra. Márcia

Kikuyo Notomi -

UFAL/Viçosa/

Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 37

Aspectos Clínicos da

Infertilidade na Espécie

Canina

Demonstrar

principais aspectos

clínicos sobre a

Profa. Dra. Rita de

Cássia Soares

Cardoso - UAG/

EMVAPE 12/04/15 8 horas 21

Page 65: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

65

infertilidade em

cães, além de

abordar na prática

coleta sêmen e

realização de

espermograma.

Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

Manejo do Potro: Do

Nascimento a Doma

Demostra por meio

de exposição

teórica e prática

conduta do médico

veterinário desde o

nascimento até a

doma do equino

expondo principais

complicações

existentes logo após

o nascimento do

potro.

Prof. Dr. Antônio

Eurico Vieira

Travassos -

UNEAL/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 41

Odontologia de Equinos:

Princípios, Prática e

Procedimentos de Rotina

Expor de maneira

prática os principais

procedimentos

realizados na

odontologia

veterinária de

equinos.

Dra. Fernanda

Mafra Cajú -

CITEQUIN/Paudal

ho/ Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 22

Macroscópico dos

Principais Achados de

Necropsia do Sistema

Respiratório em

Ruminantes

Descrever através

de abordagem

teórica principais

alterações micro e

macroscópicas das

doenças que afetam

sistemas

respiratório de

ruminantes, assim

como etiopatogenia,

epidemiologia e

sinais clínicos.

Prof. Dr. José

Cláudio de

Almeida Souza -

UAG/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 33

Mapa de Risco Ambiental

no Controle de Endemias

Favorecer a

construção de

Prof. Dr. João

Alves do N. Júnior

EMVAPE 12/04/15 8 horas 31

Page 66: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

66

mapas em

territórios

ambientais a partir

de questionários de

fatores de risco

-

UNIVASF/Petrolin

a/ Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

A Técnica de Necrópsia em

Aves para Verificar Lesões

dos Sistemas Locomotores

e Digestivos

Descrição e

demonstração das

técnicas de

necropsia utilizadas

para verificar lesões

dos sistemas

locomotores e

digestivos em aves

de granjas da

região.

Dr. Paulo Ricardo

Magnata da Fonte

Júnior/ Prof. Dr.

Almir Chalegre de

Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 11

Rotina na Emergência

Clínica de Ruminantes

Abordar através em

de exposição

teórica e prática

principais doenças

relacionadas a

rotina clínica de

ruminantes,

abordando

epidemiologia,

sinais clínicos e

conduta terapêutica.

Dr. Nivaldo de

Azêvedo Costa e

Profa. Dra.

Taciana Rabelo

Ramalho Ramos/

Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 39

Cirurgias Oncológicas em

Pequenos Animais

Demonstrar

principais técnicas

cirúrgicas

realizadas em

pacientes com

neoplasias

diagnosticadas.

Prof. Dra. Júlia

Maria Matera -

USP/São Paulo/

Prof. Dr. Almir

Chalegre de Freitas

EMVAPE 12/04/15 8 horas 40

Principais Doenças

Dermatológicas De Cães e

Gatos e Colheita De

Material

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 30 vagas

Inseminação Artificial em

Caprinos e Ovinos

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 20 vagas

Page 67: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

67

Manejo Clínico do Paciente

Equino com Síndrome

Cólica

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 30 vagas

Produção e Etapas de

Manejo de Frango de Corte

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 20 vagas

Vigilância Sanitária: Como

Elaborar um Manual de

Boas Práticas Alimentares

em Estabelecimentos

Alimentares?

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 30 vagas

Identificação e Manejo do

Paciente Nefropata

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

12/09/15 8 horas 25 vagas

Princípios da Odontologia

Equina: Procedimentos de

Rotina

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 30 vagas

Diagnóstico Laboratorial na

Clínica de Caninos e

Felinos

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 20 vagas

Técnicas de Anestesia

Local em Grandes Animais

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 20 vagas

Cardiologia Aplicada à

Medicina de Pequenos

Animais

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 20 vagas

Afecções Locomotoras em

Equinos: Da Identificação a

Cura

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 20 vagas

Manejo Nutricional de

Equinos

Atualização de

conhecimento na

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 25 vagas

Page 68: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

68

área de ciências

agrárias

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

Casqueamento Equino

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 20 vagas

Boas Práticas de Fabricação

x Responsabilidade Técnica

Atualização de

conhecimento na

área de ciências

agrárias

Flávia Ferreira de

Menezes, Ivyson

da Silva Epifânio,

Karla Adrielen do

Nascimento.

III JEMEV –

I SIMCASP

13/09/15 8 horas 30 vagas

7. PROJETOS DE PESQUISA

TÍTULO DO PROJETO DECISÃO/CTA COORDENADOR

PERÍODO DE

VIGÊNCIA

“Literatura e discurso na tensão entre

gênero, sexualidade e religião.”

DECISÃO

CTA-UAG Nº.

029/2015

Orison Marden

Bandeira de Melo

Júnior

Fevereiro de 2015 a

fevereiro de 2016.

“Manutenção do Núcleo de Estudos,

Pesquisa e Extensão em Agroecologia e

Agricultura Familiar e Camponesa (NEA

AGROFAMILIAR) atuando na Produção

Orgânica e Agroecológica.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 030/2015

Luciano Pires de

Andrade

Janeiro de 2014 a

dezembro de 2015.

“Formação e institucionalização de uma

incubadora tecnológica de Economia

Solidária na extensão universitária de

Garanhuns – UAG/UFRPE.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 039/2015

Horasa Maria Lima

da Silva Andrade

Janeiro de 2014 a

dezembro de 2015.

“Centro Vocacional Tecnológico em

Agroecologia e Produção Orgânica – CVT

(Centro Vocacional Tecnológico

AGROFAMILIAR).”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 040/2015

Horasa Maria Lima

da Silva Andrade

Janeiro de 2014 a

dezembro de 2015.

Page 69: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

69

“Produção de hortaliças em ambiente

protegido no Agreste Meridional.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 157/2015

Gilmara Mabel

Santos

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Produção de milho em função de adubos

orgânicos e mineral.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 156/2015

Mácio Farias de

Moura

Agosto de 2015 a julho de

2018.

“Caracterização de sementes de variedades

de feijão crioulo em municípios do Agreste

Meridional de Pernambuco”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 158/2015

Rodrigo Gomes

Pereira

Abril de 2015 a dezembro

de 2016.

“Construindo Cidadania: articulação entre

proposta curricular e práticas pedagógicas

na leitura da cidade.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 159/2015

Alzenir Severina da

Silva

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Avaliação da qualidade espermática de

garanhões utilizando extensores a base de

leite desnatado liofilizados, não liofilizados

acrescidos ou não de plasma seminal bovino

liofilizado (PSBL).”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 160/2015

Gustavo Ferrer

Carneiro

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Avaliação de taxa de concepção em vacas

aneloradas submetidas a protocolo de IATF

com sêmen congelado versus sêmen

refrigerado.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 161/2015

Gustavo Ferrer

Carneiro

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Desenvolvimento e caracterização do

iogurte tipo grego potencialmente probiótico

adicionado de mel.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 162/2015

Gerla Castello

Branco Chinelate

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Utilização de um secador de alimentos solar

de baixo custo na desidratação de

condimentos.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 163/2015

Ricardo Brauer

Vigoderis

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Análise do perfil de formação dos médicos

veterinários da área de vigilância em saúde.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 164/2015

Daniel Friguglietti

Brandespim

Agosto de 2015 a julho de

2017

Page 70: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

70

“Síntese e caracterização de materiais

nanoestruturados para controle e remoção de

poluentes de efluentes industriais e

mananciais no Agreste de Pernambuco.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 165/2015

Ana Cláudia Vaz de

Araújo

Agosto de 2015 a julho de

2017.

“Etiologia e epidemiologia da mancha parda,

queima das folhas e mancha branca na

cultura da mandioca.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 166/2015

Ueder Pedro Lopes

Abril de 2015 a maio de

2017.

“Utilização de reator fotoquímico no

tratamento de efluente da indústria de

laticínios aplicando processos oxidativos

avançados (POA).”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 168/2015

Fernando Ferreira da

Silva Dias

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Frequência de carrapatos em cães e

importância destes como vetores de agentes

patogênicos no município de Garanhuns,

Pernambuco, Brasil.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 169/2015

Gílcia Aparecida de

Carvalho Silva

Agosto de 2015 a julho de

2017.

“PUPO: Uma ferramenta de Autoria

Inteligente para Construção de Ontologias a

partir de Linguagem Natural.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 170/2015

Ryan Ribeiro de

Azevedo

Agosto de 2015 a julho de

2016

“Moçambique no feminino: a narrativa de

Paulina Chiziane.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 171/2015

Sávio Roberto

Fonseca de Freitas

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Relações de Gênero na Literatura Afro-

brasileira de autoria feminina.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 172/2015

Sávio Roberto

Fonseca de Freitas

Agosto de 2015 a junho de

2016.

“Produção escritural em sala de aula: a

Retextualização como recurso de

apropriação de gêneros textuais.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 173/2015

Dennys Dikson

Marcelino da Silva

Abril de 2015 a dezembro

de 2015.

“Análise e monitoramento de

atropelamentos de animais silvestres em

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 174/2015

Rachel Maria de

Lyra Neves

Agosto de 2015 a julho de

2017.

Page 71: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

71

rodovias da região da Caatinga.”

“Testes rápidos para avaliação do vigor de

sementes de três espécies florestais.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 175/2015

Edilma Pereira

Gonçalves

Maio de 2015 a julho de

2016.

“Qualidade sanitária de sementes de feijão

utilizadas no Agreste Meridional de

Pernambuco.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 176/2015

Janaína Cortêz de

Oliveira

Abril de 2015 a dezembro

de 2016.

“Fertilidade e qualidade do solo de áreas

antropizadas em ecorregiões da Caatinga em

Pernambuco.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 177/2015

Alexandre Tavares

da Rocha

Agosto de 2015 a julho de

2017.

“Metaliteratura: teorias e obras.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 178/2015

Nilson Pereira de

Carvalho

Julho de 2015 a dezembro

de 2017.

“Fatores ambientais relacionados à

dominância e capacidade competitiva de

Cylindrospermopsis raciborskii.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 179/2015

Renato José Reis

Molica

Agosto de 2015 a julho de

2017.

“Determinação da perda localizada de carga

em tubos de polietileno de pequenos

diâmetros com inserção de microtubos.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 180/2015

Anthony Wellington

Almeida Gomes

Julho de 2015 a julho de

2016.

“Percepção dos consumidores da carne suína

em Garanhuns-PE.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 181/2015

Matheus Dhein

Dill

Maio de 2015 a maio de

2016

“Dantrolene e células-tronco mesenquimais

no trauma espinhal de ratos wistar.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 184/2015

Bruno Benetti Junta

Torres

Agosto de 2015 a julho de

2017

“Elaboração de games educacionais para

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 185/2015

Robson Santos de

Oliveira

Agosto de 2015 a julho de

Page 72: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

72

alunos do curso de Ciência da Computação.” 2016

“ANÁLISE RESPONSIVA DO YOUTUBE:

As estratégias de atenção nos pré-comerciais

de 5 segundos (Fase II: O YouTube como

Rede Social Virtual na Educação).”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 186/2015

Robson Santos de

Oliveira

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Sistemas Computacionais para as Ciências

Rurais.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 187/2015

Tiago Buarque

Assunção de

Carvalho

Maio de 2015 a setembro

de 2016.

“Métodos computacionais para tarefas de

reconhecimento de padrões, aprendizagem de

máquina e visão computacional.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 188/2015

Tiago Buarque

Assunção de

Carvalho

Maio de 2015 a abril de

2019.

“Detecção de corpos metálicos no estômago

de bovinos da região do Agreste Meridional

Pernambucano.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 189/2015

Daniela Oliveira

Agosto de 2015 a julho de

2016

“Conservação de material genético de cães

(Canis lupus familiaris): criopreservação de

tecido testicular.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 190/2015

Rita de Cássia Soares

Cardoso

Junho de 2015 a julho de

2017.

“Estudo e modelagem da cinética de

desidratação de queijos de coalho e queijo

provolone.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 191/2015

Gerla Castello

Branco Chinelate

Agosto de 2015 a julho

de 2016.

“Influência do agente coagulante na

composição, rendimento, índice de protelióse

do queijo coalho durante shelf-life.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 192/2015

Gerla Castello

Branco Chinelate

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Produção de ácido cítrico utilizando

resíduo de manipueira”,

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 193/2015

Marilene da Silva

Lima

Agosto de 2015 a julho de

2016.

Page 73: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

73

“Malformações Congênitas e Abortos em

Ovinos Induzidas Experimentalmente por

Caesalpinia pyramidalis (Catingueira).”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 194/2015

Márcia Bersane

Araújo de Medeiros

Torres

Abril de 2015 a Março de

2017.

“Tratamento de Águas Residuárias de

Abatedouros Avícolas Pelo Uso dos Processos

Oxidativos Avançados.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 195/2015

Jorge Vinícius

Fernandes L.

Cavalcanti

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Uso de Biodigestor Rural para Produção de

Energia Elétrica.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 196/2015

André Felipe de

Melo Sales Santos

Agosto de 2015 a julho de

2016.

“Detecção do Papilomavírus Bovino (BPV)

em amostras de DNA de Bovinos de corte

abatidos no Agreste Meridional do Estado de

Pernambuco.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 215/2015

Cláudio Galvão de

Souza Júnior

Julho de 2015 a julho de

2017.

“Parâmetros cinéticos da fermentação

ruminal e digestibilidade in vitro dos resíduos

da agroindústria da mandiocultura na região

do Agreste Meridional.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 224/2015

Willian Gonçalves

do Nascimento

Agosto de 2015 a julho de

2017.

“L’Épee; Uma ferramenta computacional

para aquisição de Libras de pessoas surdas.”

DECISÃO CTA-

UAG Nº. 513/2015

Viviane Nunes

Sarmento

Page 74: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

74

8. PROJETOS DE EXTENSÃO

24274/14-31 AVALIAÇÃO DO POTENCIAL

ENERGÉTICO DO BIOGÁS

ORIUNDO DA MANIPUEIRA

PROVENIENTE DE CASAS DE

FARINHA

JORGE VINICIUS FERNANDES LIMA

CAVALCANTI

24303/14-64 BIBLIOTCA VIRTUAL DE LIVROS

INFANTO JUVENIS

ANGELA VALÉRIA ALVES DE LIMA

24283/14-21 INCLUSÃO SOCIAL DE JOVENS EM

SITUAÇÃO DE RISCO SOCIAL

(FUNASE) NO CULTIVO E

PROCESSAMENTO DE ALIMENTOS

(MANDIOCA) NO MUNICIPIO DE

GARANHUNS

SERGIO FRANCISCO TAVARES DE OLIVEIRA

MENDONÇA

24249/14-57 ACOMPANHAMENTO DA GESTÃO

DE PROPIEDADES LEITEIRAS NO

AGRESTE PERNAMBUCANO

DANIELA MOREIRA DE CARVALHO

24126/14-16 CONSCIENTIZAÇÃO DOS

PROFISSIONAIS DA ATENÇÃO

BÁSICA SOBRE A ATUAÇÃO DO

MÉDICO VETERINÁRIO NA SAÚDE

COLETIVA NO MUNICÍPIO DE

GARANHUNS-PE

DANIEL FRIGUGLIETTI BRANDESPIM

24235/14-33 CONHECENDO OS ANIMAIS:

PRIMEIROS PASSOS PARA A

CONSERVAÇÃO DA FAUNA

SILVESTRE

WALLACE RODRIGUES TELINO JUNIOR

24261/14-61 AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO

E CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE A

TOXOPLASMOSE EM ESCOLAS DE

GARANHUNS – PE

GÍLCIA APARECIDA DE CARVALHO SILVA

24317/14-88 EMBALAGEM: VER, CONHECER E GLÊCE MILENE SANTANA GOMES

Page 75: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

75

INFLUENCIAR NA ESCOLHA E

DECISÃO DE COMPRA DO

CONSUMIDOR DE GARANHUNS-PE

24244/14-24 CONSCIENTIZAÇÃO DA

IMPORTÂNCIA DO VERDE.

PROPOSTA PARA

CONSCIENTIZAÇÃO E

PRESERVAÇÃO DO VERDE NA

CIDADE DAS FLORES –

GARANHUNS/PE

MARIA DO CARMO DE ALBUQUERQUE

BRAGA

24262/14-14 EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA

PREVENÇÃO CONTRA PARASITOS

INTESTINAIS ZOONÓTICOS DE

CÃES EM SÃO JOÃO - PE

GÍLCIA APARECIDA DE CARVALHO SILVA

24269/14-28 MAPEAMENTO E AVALIAÇÃO DE

BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO

EM CASAS DE FARINHA DE

GARANHUNS-PE E

MICRORREGIÃO

DANIELE SILVA RIBEIRO

24276/14-20 LER E COMER: ORIENTANDO O

CONSUMIDOR ATRAVÉS DA

ROTULAGEM DOS ALIMENTOS

IRIS BARBOSA DE SOUZA

24289/14-07 CAPACITAÇÃO DA COMUNIDADE

REMANESCENTE DO QUILOMBO

TIMBÓ NO MUNICIPIO DE

GARANHUNS PARA O MANEJO DA

BIODIVERSIDADE E PROMOÇÃO

DA AGRICULTURA FAMILIAR

SUSTENTÁVEL

EDILMA PEREIRA GONÇALVES

24287/14-18 SISTEMAS DE CULTIVO DE

GERGELIM (Sesamum Indicum L.)

PARA ATENDER PRODUTORES

RURAIS E ATIVIDADES

ALIMENTICIAS

JEADSON SILVA VIANA

Page 76: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

76

24305/14-53 DIREITOS HUMANOS EM DEBATE TAYNAH DE BRITO BARRA NOVA

24248/14-11 IMPLANTAÇÃO DE AÇÕES DE

DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DE

SAÚDE DE IDOSOS EM

GARANHUNS

ANAMÉLIA SALES DE ASSIS

24258/14-48 EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA

PREVENÇÃO DA BRUCELOSE

HUMANA NOS MATADOUROS DE

BOM CONSELHO, BREJÃO,

CAPOEIRAS, GARANHUNS E

LAGOA DO OURO

CLÁUDIO GALVÃO DE SOUZA JÚNIOR

24265/14-40 DIA DO LEITE EM GARANHUNS -

PE

DANIELE SILVA RIBEIRO

24263/14-51 PROGRAMA DE ORIENTAÇÃO

SOBRE SEGURANÇA ALIMENTAR

EM RELAÇÃO AO CONSUMO DO

LEITE NAS ESCOLAS DO ENSINO

FUNDAMENTAL DA CIDADE DE

GARANHUNS-PE

MARCOS PINHEIRO FRANQUE

24246/14-13 ATUAÇÃO DO MÉDICO

VETERINÁRIO COMO

RESPONSÁVEL TÉCNICO DOS

ESTABELECIMENTOS DE

ALIMENTOS

ANAMÉLIA SALES DE ASSIS

24260/14-17 ORIENTAÇÕES SOBRE OS RISCOS

DA “AUTOMEDICAÇÃO” EM CÃES

E GATOS NO MUNICIPIO DE

GARANHUNS-PE

FLÁVIA FERREIRA DE MENEZES

24295/14-56 ENSINO DE PROGRAMAÇÃO

BÁSICA PARA ALUNOS DO NÍVEL

MÉDIO

JEAN CARLOS TEIXEIRA DE ARAUJO

24277/14-74 CAPACITAÇÃO TÉCNICA DE

CRIADORES DE ASSENTAMENTOS

RURAIS, DO AGRESTE

TACIANA RABELO RAMALHO RAMOS

Page 77: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

77

MERIDIONAL DE PERNAMBUCO,

PARA O RECONHECIMENTO DE

PLANTAS TÓXICAS DE

IMPORTÂNCIA PARA

RUMINANTES.

24293/14-67 UTILIZAÇÃO DE TÉCNICAS DE

JARDINAGEM PARA PAISAGISMO

REGIONAL

GILMARA MABEL SANTOS

24273/14-96 PROJETO CARROCEIRO NO

AGRESTE MERIDIONAL DE

PERNAMBUCO

JORGE EDUARDO CAVALCANTE LUCENA

24288/14-54 CONSCIENTIZAÇÃO DA

COMUNIDADE REMANESCENTES

DO QUILOMBO TIMBÓ EM

GARANHUNS PARA

PRESERVAÇÃO DAS ESPÉCIES

UTILIZADAS NA MEDICINA

POPULAR

EDILMA PEREIRA GONÇALVES

24285/14-11 INTEGRAÇÃO DIGITAL

UNIVERSIDADE-TERRITÓRIOS DA

CIDADANIA EM PERNAMBUCO

VICTOR PEREIRA DE OLIVEIRA

24239/14-11 VIDA DE INSETOS:

CONHECIMENTO

CONTEXTUALIZADO E

INTERATIVO PARA OS ALUNOS

DO ENSINO FUNDAMENTAL DAS

ESCOLAS MUNICIPAIS DE

CAPOEIRAS, PERNAMBUCO.

WALLACE RODRIGUES TELINO JUNIOR

24301/14-75 CONSCIENTIZAÇÃO E

CAPACITAÇÃO DOS PRODUTORES

DE LEITE DO MINICIPIO DE

CORRENTES SOBRE MEDIDAS DE

PREVENÇÃO E CONTROLE DA

MASTITE BOVINA

AIRON APARECIDO SILVA DE MELO

Page 78: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

78

24304/14-17 INDICADORES DE QUALIDADE DO

PROGRAMA NEPSO NOS PROJETOS

DE ENSINO INTERDISCIPLINARES

ENVOVENDO PESQUISA DE

OPINIÃO NA EDUCAÇÃO BÁSICA

GLÓRIA MARIA DUARTE CAVALCANTI

24255/14-12 CONHECENDO A GENÉTICA:

ATIVIDADES PRÁTICAS PARA

ALUNOS DO TERCEIRO ANO DO

ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS DE

GARANHUNS-PE

CLÁUDIO GALVÃO DE SOUZA JÚNIOR

24284/14-76 NÚCLEO DE EXTENSÃO

TERRITORIAL DO AGRESTE

MERIDIONAL DE PERNAMBUCO

VICTOR PEREIRA DE OLIVEIRA

24298/14-90 AÇÕES PARA A MELHORIA DA

QUALIDADE DO LEITE

PRODUZIDO NO AGRESTE

MERIDIONAL DE PERNAMBUCO

BETÂNIA ARAÚJO COSME DOS SANTOS

24267/14-39 CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE OS

RISCOS ASSOCIADOS À

ADMINISTRAÇÃO DE

CONTRACEPTIVOS HORMONAIS

EM CADELAS E GATAS

GRAZIELLE ANAHY DE SOUSA ALEIXO

24271/14-05 O DIAGNÓSTICO POST-MORTEM

NA MEDICINA VETERINÁRIA

MÁRCIA BERSANE ARAÚJO DE MEDEIROS

TORRES

24286/14-65 SISTEMAS DE PRODUÇÃO DE SOJA

PARA PRODUÇÃO DE BIOMASSA E

GRÃOS NO AGRESTE MERIDIONAL

JEADSON SILVA VIANA

24268/14-83 ME REPRESENTA DALITON DA SILVA

24291/14-78 DIA DA ESCOLA NO CAMPUS ALIETE GOMES CARNEIRO ROSA

24256/14-59 É MESMO POSSIVEL VER UMA

CÉLULA? NOVAS APLICAÇÕES

PRÁTICAS NA ESCOLA

DAIANE FELBERG ANTUNES GALVÃO

24210/14-30 INCLUSÃO DIGITAL PARA A ASSUERO FONSECA XIMENES

Page 79: UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UNIDADE …santaines.ufrpe.br/uag/attachments/article/1759/Relatorio_de... · DURANTE A XV JEPEX CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UAG

79

TECEIRA IDADE

24272/14-41 CONTANDO HISTÓRIAS

REGIONAIS PARA CRIANÇAS E

JOVENS DE GARANHUNS E

REGIÃO

MARCIA FELIX DA SILVA CORTEZ

24290/14-23 HORTAS ORGÂNICAS EM

ESCOLAS PÚBLICAS DE

GARANHUNS

MÁCIO FARIAS DE MOURA

24302/14-10 ARUAGI: OBJETO DE

APRENDIZAGEM PARA LÍNGUA

LATINA

ALIETE GOMES CARNEIRO ROSA

24296/14-09 TIME JR – FOMENTANDO O

ESENVOLVIMENTO DE

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E

COMUNICAÇÃO NO AGRESTE

MERIDIONAL

BRUNO COSTA E SILVA NOGUEIRA

9. PROJETOS DE ENSINO

TÍTULO DO PROJETO

DECISÃO CTA

COORDENADOR

Encontros

Matemáticos DECISÃO CTA-UAG Nº. 512/2015

Ricardo Normando Baptista do Nascimento Neto

Grupo de Estudo

intitulado “Arranjo

Físico em indústrias

de alimentos”

DECISÃO CTA-UAG Nº. 347/2015

Maria do Carmo de Albuquerque Braga.