Revista Ondepedalar 02 Promo

Click here to load reader

  • date post

    28-Oct-2015
  • Category

    Documents

  • view

    26
  • download

    7

Embed Size (px)

Transcript of Revista Ondepedalar 02 Promo

  • Acesse sua loja de APP pelo tablet

    www.ondepedalar.com

    Onde Pedalar

    Para quem pedala por prazer

    Rev. OndePedalar

    Conhea as vantagens de ver a revista no tablet

    Muito mais fotos por matria

    Vdeos tutoriais nas matrias sobre mecnica

    Reportagens em vdeo sobre viagens de bike

    VEJA NOTABLET

  • 3OndePedalar

    Um morrinho Lanar um revista parece complicado a princpio, mas quase nada em

    comparao segunda edio. Na primeira, o entusiasmo faz a gente passar por

    cima de muita coisa. Na segunda vem o olhar crtico e o cruel, e agora? A cada

    edio tudo comea do zero e manter o pique da primeira torna-se o desafio. Por

    isso demoramos mais, mas saiu. Fazendo uma analogia, foi apenas um morrinho

    extra que no aparecia na planilha. Aquele que aparece depois de uma curva qu-

    ando voc acha que j tinha acabado a maior subida do dia.

    Nessa segunda edio conseguimos ampliar a quantidade de pginas. Temos mais

    fotos para que, aqueles que s tem acesso ao PDF, possam aproveitar mais e duas

    novas sees: Trilhas BR e Clubes. A primeira ser para mostrar rotas curtas para

    um pedal de fim de semana. A segunda para mostrar os clubes de ciclistas pelo

    Brasil.

    Bom pedal

    Marcelo Rudini

    EXPEDIENTERevista OndePedalar uma publicao do site Ondepedalar.com

    EditorMarcelo Rudini

    Consultoria de Design Iraisi Gehring

    ColaboraoGilson SouzaCesar StellaRafael Vicentini

    FotosMarcelo RudiniArthur SimesCesar Stella

    RevisoFernanda Zalla Sampaio

    Contatocontato@ondepedalar.comwww.ondepedalar.comRua Enio Barbato, 361 Bertioga SP

    INDEX03 editorial04 Galeria de viagem06 Pra voc usar08 Primeiro Giro10 Mecnica de bike12 Autoguiado16 Viagem22 Trilhas BR 28 Relato de leitor34 City Bike Tour38 Entrevista40 Especial44 Agenda46 Clubes48 Bike Fit

    OndePedalar editorial

    Subidinhas do litoral do Esprito Santo.

    Na prxima edio falaremos delas.

  • 4 OndePedalar

    Veloutour no Vale Europeu O Velotour um evento do Clube de Cicloturismo que acontece durante o Carnaval no Vale Europeu em Santa Cata-rina. As fotos dessa galeria foram feitas no evento de 2009.Clique no cone abaixo para ativar as fotos no seu tablet.

    Fotos Marcelo Rudini

    OndePedalar galeria do ciclista

  • 6 OndePedalar

    OndePedalar pra voc usar

    CurtloEsse modelo o nico da marca e esta h muito tempo no mercado. Tem uma grande capacidade e resitncia. No entanto fixado por tiras que para ajustar leva um tempinho. Depois que voc fica ntimo, at que vai.www.curtlo.com.br

    Deuter UNIEsse modelo foi a soluo da marca alem para pro-

    Saikoski OutSiderAlforje feito em Porto Alegre com um mate-rial impermevel e sem costuras. Isso faz dele estanque. Tem uma grande capacidade, 45 litros, e usa um sistema de encaixe.www.saikoski.com.br

    Ararauna 32 LO novo modelo da marca impermevel usando ainda cordura como tecido externo. Isso o manteve ainda resistente, marca registrada da Ararauna. A elegncia tambm melhorou. fixado com tiras em es-quema de engate rpido. No entanto, s comporta 32 litros. www.ararauna.esp.br

    duzir um alforje que custa metade do preo do modelo tradicional. Eles simplificaram o encaixe de maneira inteligente e tiraram a capa de chuva. Mas o tecido o mesmo, assim como o acabamento. Comporta 38 litros. www.deuter.com.br

  • Tudo o que voc precisa saber para viajar de bike

    http://dvd.ondepedalar.com

  • 8 OndePedalar

    Com que roupa eu vou?Com um pouco de planejamento possvel viajar leve e confortvel

    OndePedalar primeiro giro

    Esquea das roupas de algodo. Elas pesam e ocupam muito espao.

    Marcelo Rudini

  • 9OndePedalar

    Para ter uma bagagem perfeita voc ter que gastar um pouco a mais e no ter receio de levar pouco.Muitas vezes o primeiro erro ao compor a ba-gagem para uma viagem de bike escolher o maior alforje. Ter muito espao faz voc le-var coisas desnecessrias. Com a tecnologia de materiais para roupas e equipamentos de aventura que temos hoje, uma bagagem de mais de 10 kg para quem vai ficar em alber-gues ou pousadas j pode ser considerada exagero.Para viagens acima de quatro dias voc ser obrigado a lavar roupa. J que ser inevitvel, leve kits suficientes para dois dias e se programe para lavar roupa todo dia. Se algum dia isso no for possvel, voc estar coberto pelo segundo conjunto. O primeiro passo para uma escolha eficiente abolir o algodo. Ele ocupa muito volume e no seca em uma noite. Hoje a tecnologia de materiais sintticos j consegue oferecer fibras to confortveis quando a natural ocu-pando metade do espao e sem reter gua. O segundo desencanar de ter uma rou-pinha pra noite. Cicloturista j considerado um ser de outro mundo. Voc pode se vestir completamente desencontrado que eles vo creditar isso ao seu lado extico.

    CAMISASCamisas de ciclismo podem ser legais para pedalar com a turma, mas ficar com aque-le elstico na cintura noite complicado. Ento, alm de parecer um outdoor ambu-lante durante o dia, voc precisar de outra camiseta para a noite. Prefira as sintticas confortveis que voc pode usar depois de seu merecido banho, essa mesma poder ser a de pedal do dia seguinte. Com trs camisas nesse esquema e lavando a do pedal no fim do dia, voc vai longe e ocupa quase nada no bagageiro.

    Pesquise os materiais sintticos. Existem vrias composies e vrios tipos de fibras. Algumas so realmente caras com preos acima dos cem reais por pea, mas d pra achar misturas de poliamida com elastano por menos de cinquenta reais e que imitam e bem uma camiseta de algodo.

    BERMUDASEm cicloturismo, se voc ajustar bem um se-lim, daria at para dispensar os modelitos ba-ilarinas com forro. Em viagens maiores, usar o forro at legal para evitar problemas. Mas lembre-se que o tecido deve ficar grudado a pele. Modelos com pouco elstico no te-cido s agravam a situao. O problema de assaduras o atrito da pele durante o movi-mento. Usar algo agarrado tem a funo de fazer com que o atrito s ocorra entre o selim e o tecido.Uma opo para quem no gosta do es-tilo bailarina so as bermudas com o forro destacvel. Nesse caso voc pode at levar dois forros para uma s bermuda. E sem o forro ela pode ser uma a mais para usar qu-ando no est pedalando. Para essas horas a regra fazer uso das calas de montanhismo com pernas destacveis.

    CALASJeans jamais. Trocadilho a parte, nessa rea voc leva no mximo dois exemplares das calas/bermudas que mencionei acima. Elas resolvem caso voc no queria pegar um voo de bermudas e nas noites mais frias. Lojas de montanhismo tm vrias opes.

    BLUSAS DE FRIOPor segurana, leve sempre uma blusa. Mesmo no vero. Nesse caso, h opes sintticas que retm pouca gua e secam em at 12 horas. Para o frio mais intenso voc combina a blusa com um anorak no esquema mltiplas camadas. Assim o frio fica do lado de fora.Se o pedal for no inverno, voc dobra a qu-antidade de blusas sob o anorak e lava uma noite e a outra de manh quando necessrio. Ela fica bonitinha como bandeira na bike se-cando ao vento.

    ROUPAS NTIMASNo invente. Quando usar forro para pedalar no use nada. Essas bermudas especiais so desenhadas para usar sem nada. As costuras e elsticos das roupas de baixo podem mac-hucar em um pedal longo, mesmo parecendo macias. Leve somente o necessrio para usar a noite.E no caso das mulheres, se voc decidir usar calcinhas descartveis, em hiptese alguma as use para pedalar. Mesmo no tendo cos-turas elas so abrasivas. O resto voc pode imaginar.Para meias vale a mesma recomendao das camisetas: evite o algodo. Se secar camise-ta desse material numa viagem j compli-cado, meia ento quase impossvel.

    Fotos: Marcelo Rudini

    primeiro giroOndePedalar

  • 10 OndePedalar

    A maioria dos ciclistas antes de sair em viagem leva a bike para uma reviso numa bicicletaria. Ela vem bo-nitinha depois de uma lavada, mas ser que foi realmente revisada? Muita gente confunde lavar a bike com reviso. Um check up de verdade consiste em che-car folgas nos componentes. Para isso, necessrio desmontar os componen-tes e checar um a um. Traduzindo em valores, uma lavagem de 20 reais no equivale a uma reviso.

    Nesse servio, o que o bicicleteiro pode fazer uma checagem. Coisa que voc tambm poderia fazer a qualquer momento. A questo toda : ser que na lavagem o mecnico checou se h folgas no cubo, pedivela ou corrente?

    Pelo sim, pelo no, segue uma lista do que voc deve olha na magrela an-tes de sair para uma trilha ou viagem. do que voc precisa saber:

    1 Folgas nos cubosOs cubos devem ser relubrificados regu-

    larmente de acordo com a quilometragem

    rodada e condies dessa rodagem. No h tempo definido. Voc pode checar com seis meses de uso e ver as condies da graxa, se j estiver escura, tem que limpar e trocar. Se ainda tiver com a cor original, da prxima vez voc pode alongar mais o tempo para abrir novamente. Mas uma vez aberto, melhor revisar tudo.

    Outra maneira de verificar se h folga sem abrir tudo a seguinte: Tendo certeza de que a roda est bem presa no quadro, levante-a do cho, segure no pneu e tente balanar lateralmente. Se sentir algo mexer, tem que abrir. Para fazer esse procedimen-to na roda traseira, deixe a corrente na co-roa menor no cassete e tire do pedivela. A presso da transmisso pode mascarar uma folga leve.

    2 Folga no pedivelaO movimento central tambm pode abrir

    folga. Quando isso acontece tem que trocar. O primeiro sinal de que tem algo errado com ele sentir algum atrito interno ao girar. Para fazer isso, o ideal seria tirar o pedivela e mo-ver o eixo com os dedos. Se no estiver liso, sinal de que est se deteriorando.

    Nesse caso, se sua viagem for longa, maior que um final de semana, melhor trocar. Se as sadas forem curtas, voc pode ir monitorando a deteriorao at h