Pter5empp Gp

download Pter5empp Gp

If you can't read please download the document

  • date post

    08-Aug-2015
  • Category

    Documents

  • view

    127
  • download

    39

Embed Size (px)

Transcript of Pter5empp Gp

GUIA

DO

P ROFES S OR

G U I A

DO

PROFES S OR

O projecto Pginas da Terra foi concebido e elaborado considerando: o aluno como a principal coordenada no processo de ensino-aprendizagem; a organizao e a gesto do currculo nacional, tendo em conta as competncias gerais do Ensino Bsico; a articulao dos diferentes componentes fundamentais do desenvolvimento programtico, nomeadamente, competncias, temas organizadores, contedos, orientao metodolgica e avaliao. A organizao do ensino das Cincias da Natureza no 5. ano desenvolve-se, principalmente, em torno de trs temas organizadores: Terra no Espao; Terra em transformao; Sustentabilidade na Terra. Com estes temas pretende-se: que os alunos compreendam conceitos relacionados com a estrutura e o funcionamento do Sistema Terra; que sejam capazes de os aplicar na resoluo de problemas resultantes da interveno humana na Terra, visando a sua sustentabilidade.

Ruth Pereira doutorada em Biologia pela Universidade de Aveiro. , desde 2007, investigadora auxiliar do Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM) da Universidade de Aveiro.

2

GUIA

DO

P ROFES S OR

O Livro do Professor um manual integrado constitudo pelo manual do aluno e pelo Guia do Professor. O Guia do Professor, localizado nas faixas laterais, permite a consulta mais directa e acessvel de: competncias especficas do 5. ano de Cincias da Natureza; sugestes bibliogrficas; sugestes metodolgicas; sugestes de lugares a visitar; informao complementar, de onde podem ser retirados elementos para enriquecimento da aprendizagem, sempre que as caractersticas dos alunos o justifiquem; propostas de soluo para actividades investigativas, exerccios de aplicao e avaliao formativa.

Explorao da imagem da capa O peixe-palhao ou peixe-anmona (Amphiprion bicinctus) vive em simbiose com a anmona-do-mar. Este peixe tem a pele revestida por um muco que o protege dos rgos urticantes existentes nos tentculos da anmona. Isto permite-lhe abrigar-se dos predadores sem ser atacado e comido pela prpria anmona. Na presena de um potencial predador, o peixe-palhao sai da anmona e tenta atra-lo em direco aos seus tentculos. Deste modo, o peixe-palhao proporciona anmona-do-mar uma oportunidade de se alimentar.

3

G U I A

DO

PROFES S OR

A organizao do manual Pginas da Terra respeita as instrues pedaggicas oficiais do Programa de Cincias da Natureza Plano de Organizao do Ensino-Aprendizagem de 1991. Dele fazem parte uma introduo e quatro partes correspondentes aos temas programticos.PROPOSTA DO MANUAL PGINAS DA TERRA

TEMAS PROGRAMTICOS

INTRODUO Onde existe vida? INTRODUO Primeira aborda- Onde existe vida? A biosfera gem ao conceito de biosfera PARTE I Diversidade de aniDIVERSIDADE mais e suas interacDOS SERES VIVOS es com o meio E SUAS INTERACES COM O MEIO PARTE II Nos animais Diversidade de plan Nas plantas tas e suas interaces com o meio UNIDADE NA PARTE III DIVERSIDADE DOS Unidade na diversidade dos seres vivos SERES VIVOS A GUA, O AR, AS PARTE IV ROCHAS E O SOLO MATERIAIS Materiais terrestres suportes de vida TERRESTRES. SUPORTES DE VIDA

4

GUIA

DO

P ROFES S OR

SUGESTES METODOLGICAS Para os alunos poderem utilizar o manual de uma forma eficaz, precisam de conhec-lo bem. , por isso, essencial: saber consultar o ndice; conhecer a sua organizao; recorrer a todas as formas pelas quais a informao transmitida; relacionar os dados colhidos em cada fonte (ttulos, textos, figuras, quadros, grficos, etc.).

AVALIAO DIAGNSTICA A realizao da avaliao diagnstica permite detectar aprendizagens adquiridas no 1. ciclo e definir futuras situaes de aprendizagem a partir dos dados obtidos. No Caderno do Professor (pgs. 42 a 48) apresentamos fichas de avaliao diagnstica referentes aos contedos programticos a serem utilizadas nos momentos oportunos.

5

G U I A

DO

PROFES S OR

ESTRUTURA GERAL DO MANUAL O manual apresenta os seguintes espaos:

Observa Questes a resolver Retm o essencial Verifica se sabes Pgina Verde Aprende mais Descobre e comunica Experimenta

Saberes

Avalia a tua aprendizagem

6

GUIA

DO

P ROFES S OR

CADERNO DE ACTIVIDADES Est articulado com o manual e organizado em quatro partes, incluindo cada uma delas: Fichas de actividades

Vou experimentar O que aprendi Como aprender

Estas fichas de actividades podem ser utilizadas nas aulas de Cincias da Natureza, de Estudo Acompanhado e de substituio e como trabalhos de casa.

7

G U IA

DO

PROFESSOR

PARA CONSULTA Livros ALMEIDA, Joo F., Os Portugueses e o Ambiente, Celta. COSTA, M. Jos, O Esturio do Tejo, Edio Livros Cotovia. FERREIRA, Quim, Planeta Frgil Uma Aventura na Terra, Ed. Instituto de Promoo Ambiental. MORGADO, F. e outros, Para um Ensino Interdisciplinar e Experimental de Educao Ambiental, Educao Ambiental. Pltano Edies Tcnicas. Portugal P ante P Guia de Percursos Naturais, Livros Forum Ambiente, Bertrand Editora. SENDIN, Jos C., Guia Ambiental do Cidado, Publicaes Dom Quixote/CIDAMB. SOUSA, H. e VASCONCELOS, H., Entre Extremos, Instituto de Conservao da Natureza. Internet http://www.biorede.pt (Biorede Universidade de Aveiro) http://www.apambiente.pt (Agncia Portuguesa do Ambiente) http://portal.icnb.pt (Instituto da Conservao da Natureza e Biodiversidade)

8

GUIA

DO

P ROFES S OR

COMPETNCIAS ESPECFICAS Compreenso da diversidade de ambientes e de seres vivos existentes na biosfera e das relaes entre estes e o meio. Manifestao de atitudes responsveis face proteco da Natureza. Uso de vocabulrio especfico da disciplina. Utilizao da metodologia investigativa TERMOS/CONCEITOS Biosfera Ambiente Habitat Materiais terrestres Biodiversidade Biologia Ecologia PARA VISITAR SUGESTES Ambientes naturais da regio Parques ou jardins locais SUGESTES METODOLGICAS > Avaliao diagnstica (Caderno do Professor, pgs. 42 e 43 ou 44). > Realizao de uma actividade de campo em terrenos que circundem a escola ou numa zona mais afastada. A Tcnica de Trabalho 1 (pg. 216) apoia a realizao dessa actividade. > Elaborao do relatrio da sada de campo. > Observao das imagens e interpretao das respectivas legendas (pgs. 9 e 10) para responder ao DESCOBRE E COMUNICA.

9

G U I A

DO

PROFES S OR

DESCOBRE E COMUNICA Este espao tem como objectivos: a construo do conhecimento a partir da pesquisa; o desenvolvimento da autonomia; a utilizao de linguagem especfica da disciplina; o uso correcto da lngua portuguesa. Prope questes para o aluno responder a partir: da observao das imagens apresentadas; da interpretao das respectivas legendas; da consulta dos textos informativos. A Tcnica de Trabalho 3 (pg. 218) auxilia os alunos na interpretao de documentos fotogrficos.

10

GUIA

DO

P ROFES S OR

SUGESTES METODOLGICAS > Observao de ambientes naturais e/ou filmes. > Explorao da transparncia 1 (2004).MAGIA DA TERRACincias da Natureza 5. ano

AMBIENTES E HABITATS

ACETATO 1 n

90457

1

Ambiente terrestre (floresta).

2

Ambiente aqutico (marinho).

> Resoluo do DESCOBRE E COMUNICA com base na observao das imagens e interpretao das respectivas legendas (pgs. 11, 12 e 13).

11

G U I A

DO

PROFES S OR

INFORMAO COMPLEMENTAR A cincia que se ocupa da biosfera, ou seja, do patrimnio natural da Terra, denomina-se Ecologia. O princpio mais importante da Ecologia que nenhum ser vivo independente dos outros seres vivos nem do meio fsico onde vive.Ernest Haeckel (1866), zologo alemo

Os princpios de Ecologia moderna surgiram apenas a partir de 1930. A Ecologia abrange vrios ramos do conhecimento. Alm da Biologia, da Fsica e da Qumica, tambm as Cincias Econmicas e Sociais fazem parte desta cincia, para que se possa entender as relaes existentes entre o ser humano, os seres vivos e o meio ambiente. O que um ser vivo? A noo de ser vivo ainda no est totalmente ao alcance dos alunos do 5. ano. Interessa que identifiquem no ser vivo algumas caractersticas, como, por exemplo, a nutrio, a reproduo e a relao com o meio.

12

GUIA

DO

P ROFES S OR

ALGUNS CONCEITOS ECOLGICOS

Indivduo Ser vivo pertencente a uma determinada espcie. Populao Conjunto de indivduos da mesma espcie que vivem num determinado lugar. Comunidade ou biocenose Conjunto de populaes a que pertencem os diferentes organismos que vivem num mesmo lugar e que mantm relaes entre si. A comunidade de uma floresta compe-se, por exemplo, de populaes de arbustos, rvores, pssaros, minhocas, microrganismos, etc., que se relacionam entre si. Bitipo o local onde vive a comunidade. No exemplo da floresta, o bitipo a rea que contm o solo e a atmosfera. Ecossistema Conjunto formado por uma comunidade e pelo bitipo. Pode ser um rio, uma floresta, uma ilha. Biosfera Poro da Terra onde, nos diferentes ambientes e dependentes uns dos outros, vivem todos os seres vivos.

13

G U I A

DO

PROFES S OR

O Projecto Biosfera 2 No deserto do Arizona, cientistas construram uma biosfera artificial para efectuarem experincias com ecossistemas auto-sustentados. A biosfera 2 contm os biomas naturais mais importantes floresta tropical, savana, deserto, oceano , assim como dois sistemas artificiais, agrcola e urbano. Os biomas contm cerca de 3800 espcies de plantas e animais. A primeira equipa, de oito cientistas, passou dois anos no interior da estrutura hermeticamente fechada e conseguiu produzir 85% da sua alimentao.

14

GUIA

DO

P ROFES S OR

VERIFICA SE SABES consti