Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

of 23 /23
Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012

Transcript of Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Page 1: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Nívea Cordeiro

2010

Princípios do

Direito do Trabalho

Princípios do

Direito do Trabalho

Nívea Cordeiro2012

Page 2: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

UNIDADE III

PRINCÍPIOS DO

DIREITO DO

TRABALHO

Page 3: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio da Proteção

• Tem como regra que se deve proporcionar uma forma de compensar a superioridade econômica do empregador em relação ao empregado, dando a este último uma superioridade jurídica.

• Este princípio desmembra-se em três:

Page 4: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

In dúbio pro operário

(na dúvida, deve-se aplicar a regra mais favorável ao trabalhador, com observância do art. 818 da CLT);

Art. 818 - A prova das alegações incumbe à parte que as fizer.

Page 5: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

O da aplicação da norma mais favorável ao trabalhador

Quer dizer que as novas leis devem tratar de criar regras visando à melhoria da condição social do trabalhador.

Page 6: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

O da aplicação da condição mais benéfica ao trabalhador

Deve ser entendida como o fato de que vantagens já conquistadas, que são mais benéficas ao trabalhador, não podem ser modificadas para pior.

É a aplicação da regra do direito adquirido do art. 5º, XXXVI da CF).

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

XXXVI - a lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada;

Page 7: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio da Irrenunciabilidade

de Direitos

• Temos como regra que os direitos trabalhistas são irrenunciáveis pelo trabalhador.

• Não se admite, por exemplo, que o trabalhador renuncie a suas férias.

• Se tal fato ocorrer, não terá qualquer validade o ato do operário, podendo o obreiro reclama-las na Justiça do Trabalho.

• O mesmo se diz quanto ao aviso prévio (Enunc. 276 do TST).

Page 8: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio

da Irrenunciabilidade

de

Direitos

TST Enunciado nº 276 – Aviso Prévio - Pedido de

Dispensa de Cumprimento

- Pagamento

   O direito ao aviso prévio é irrenunciável

pelo empregado. O pedido de dispensa de

cumprimento não exime o empregador

de pagar o valor respectivo,

salvo comprovação de haver o

prestador dos serviços obtido novo emprego.

Page 9: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio da

Continuidade da

relação de

emprego

Presume-se que o contrato de trabalho terá validade por tempo indeterminado, ou seja, haverá a continuidade da relação de emprego.

A exceção à regra são os contratos por prazo determinado, inclusive o contrato de trabalho temporário.

Page 10: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

O Enunc. 212 do TST adota esta idéia ao dizer que

“o ônus de provar o término do contrato de

trabalho, quando negados a prestação de

serviço e o despedimento, é do empregador, pois o

princípio da continuidade da relação de emprego constitui

presunção mais favorável ao

empregado”.

TST Enunciado nº 212 - Ônus da Prova - Término do Contrato de Trabalho - Princípio da Continuidade

  O ônus de provar o término do contrato de

trabalho, quando negados a prestação de

serviço e o despedimento, é do empregador, pois o

princípio da continuidade da relação de emprego

constitui presunção favorável ao empregado.

Page 11: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio da

Primazia da

Realidade

No Direito do Trabalho os fatos são mais importantes do que os documentos.

Por exemplo, se um empregado é rotulado de autônomo pelo empregador, possuindo contrato escrito de representação comercial com o último, o que deve ser observado realmente são as condições fáticas que demonstrem a existência do contrato de trabalho.

Page 12: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Princípio da

Primazia da

Realidade

Muitas vezes o empregado assina documentos sem saber o que está assinando.

Em sua admissão, pode assinar todos os papéis possíveis, desde o contrato de trabalho até seu pedido de demissão, daí a possibilidade de serem feitas provas para contrariar os documentos apresentados, que irão evidenciar realmente os fatos ocorridos na relação entre as partes.

Page 13: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

e….. Por fim….

Page 14: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

O URSO FAMINTO

Page 15: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Certa vez, um urso faminto perambulava pela floresta em busca de alimento.

A época era de escassez, porém, seu faro aguçado sentiu o cheiro de comida e o conduziu a um acampamento de caçadores.

Page 16: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Ao chegar lá, o urso, percebendo que o acampamento estava vazio, foi até a fogueira, ardendo em brasas, e dela tirou um panelão de comida.

Quando a tina já estava fora da fogueira, o urso a abraçou com toda sua força e enfiou a cabeça dentro dela, devorando tudo. Enquanto abraçava a panela, começou a perceber algo lhe atingindo.

Page 17: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Na verdade, era o calor da tina... Ele estava sendo queimado nas patas, no peito e por onde mais a panela encostava.

O urso nunca havia experimentado aquela sensação e, então, interpretou as queimaduras pelo seu corpo como uma coisa que queria lhe tirar a comida.

Page 18: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Começou a urrar muito alto. E, quanto mais alto rugia, mais apertava a panela quente contra seu imenso corpo.

Quanto mais a tina quente lhe queimava, mais ele apertava contra o seu corpo e mais alto ainda rugia.

Page 19: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Quando os caçadores chegaram ao acampamento, encontraram o urso recostado a uma árvore próxima à fogueira, segurando a tina de comida.

O urso tinha tantas queimaduras que o fizeram grudar na panela e, seu imenso corpo, mesmo morto, ainda mantinha a expressão de estar rugindo.

Page 20: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Quando terminei de ouvir esta história de um mestre, percebi que, em nossa vida, por muitas vezes, abraçamos certas coisas que julgamos ser importantes.

Algumas delas nos fazem gemer de dor, nos queimam por fora e por dentro, e mesmo assim, ainda as julgamos importantes. Temos medo de abandoná-las e esse medo nos coloca numa situação de sofrimento, de desespero.

Page 21: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Apertamos essas coisas contra nossos corações e terminamos derrotados por algo que tanto protegemos, acreditamos e defendemos.

Para que tudo dê certo em sua vida, é necessário reconhecer, em certos momentos, que nem sempre o que parece salvação vai lhe dar condições de prosseguir.

Page 22: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

Tenha a coragem e a visão que o urso não teve.

Tire de seu caminho tudo aquilo que faz seu coração arder.

Solte a panela!

Page 23: Nívea Cordeiro 2010 Princípios do Direito do Trabalho Nívea Cordeiro 2012.

A

hhhhhhhh!!!!!!!

Não!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

• A C A B O U!!!!!!!!

• Só semana que vem!!!!