Digital Age Networking nas Empresas Digital Age Networking nas Empresas 7 Resumo A Digital Age...

download Digital Age Networking nas Empresas Digital Age Networking nas Empresas 7 Resumo A Digital Age Networking

of 8

  • date post

    19-Jul-2020
  • Category

    Documents

  • view

    7
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Digital Age Networking nas Empresas Digital Age Networking nas Empresas 7 Resumo A Digital Age...

  • Folheto

    Digital Age Networking nas Empresas

  • Folheto Digital Age Networking nas Empresas 2

    As tecnologias da era digital que ajudam a melhorar a eficiência estão sendo adotadas pelo mundo dos negócios a um ritmo crescente. Para permanecerem competitivas, as empresas precisam integrar as mais recentes inovações em mobilidade, análise de dados, nuvem e IoT em suas operações, processos e sistemas de computação. Essa tendência, conhecida como transformação digital, permite às organizações criar processos mais eficientes, diferenciar produtos e serviços e satisfazer melhor as necessidades de clientes e funcionários, aumentando as receitas e reduzindo os custos.

    No passado, eram necessários dias para provisionar um serviço na rede e configurá- lo. Hoje, bastam apenas alguns segundos para programá-lo, usando automação sem erros com a Digital Age Networking da Alcatel-Lucent Enterprise. Nesse novo paradigma, a rede evolui de uma infraestrutura subjacente complexa e dispendiosa para um gerador de novos fluxos de receita com os menores custos operacionais.

    A Digital Age Networking permite que empresas e organizações entrem na era da transformação digital. Sua base é uma Rede Definida por Serviço de alto desempenho, que provisiona automaticamente os serviços de rede que garantem ao usuário a Qualidade de Experiência (QoE) e assegura a integração de IoT. Ela pode integrar, incorporar e conectar o número massivo de dispositivos IoT que são a base dos novos processos de negócios digitais corporativos.

    A Digital Age Networking baseia-se em 4 pilares:

    Conectividade IoT Inteligência aumentada

    Economia da nuvem

    Rede definida por serviço

    Negócios digitais IoT

    Análises proativas

    TI como motor de negócios

    Conectar pessoas e dispositivos com facilidade e segurança

    Gerar novos resultados a partir de milhões de coisas

    Usar análise de dados e IA para permitir processos de negócios digitais diferenciados

    A TI permite aprimoramento da produtividade dos negócios e geração de receita

  • Folheto Digital Age Networking nas Empresas 3

    Conectividade A infraestrutura de TI evoluiu nos últimos 20 anos para onde está agora, totalmente automatizada. As redes, infelizmente, não acompanharam. Embora leve alguns minutos para implantar um novo aplicativo, pode levar dias ou até semanas para configurar manualmente a rede corporativa, elemento por elemento. Isso agora está mudando. Os líderes de TI estão voltando o foco para as transações comerciais, em vez de criar e gerenciar a infraestrutura, como era necessário anteriormente.

    A Rede Definida por Serviço da ALE permite a conexão segura de um usuário ou objeto a um aplicativo autorizado, automaticamente. A tecnologia Intelligent Fabric (iFab) automatiza a implantação da rede e simplifica as movimentações, adições e alterações, reduzindo o tempo e o esforço necessários para manter e operar uma rede.

    A Rede Definida por Serviço da ALE fornece uma experiência conectada contínua com a Local Area Network (LAN) e a Wireless Local Area Network (WLAN) totalmente integradas. O Wi-Fi corporativo de nova geração com controle WLAN incorporado nos Access Points elimina a necessidade de controladores centralizados físicos. Essa arquitetura distribuída oferece o melhor desempenho e escalabilidade e garante alta disponibilidade, com simplicidade operacional e baixo custo total de propriedade (TCO). A solução WLAN é acoplada a uma LAN com fio abrangente que suporta requisitos de implantação que variam de acesso, núcleo e data center. Tudo isso é suportado até nos ambientes mais extremos e severos.Um Sistema de Gerenciamento de Rede (NMS) único fornece um nível adicional de integração entre redes com e sem fio. Isso reduz carga de trabalho do gerente de TI, pois ele não precisa mais lidar com dois sistemas de gerenciamento e dois conjuntos de políticas e regras de configuração (uma para a LAN e outra para a WLAN). O NMS da ALE fornece gerenciamento unificado de serviços e visibilidade em toda a rede, que podem melhorar a eficiência de TI e a agilidade comercial.

    Um serviço de rede é uma ligação segura de um usuário ou objeto a aplicação (aplicações) autorizadas.

    iFab

       

    https://www.al-enterprise.com/en/perspectives/technologies/intelligent-fabric?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link https://www.al-enterprise.com/en/products/switches?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link https://www.al-enterprise.com/en/stellar?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link https://www.al-enterprise.com/en/products/network-management-security?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link https://www.al-enterprise.com/en/products/network-management-security?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link

  • Folheto Digital Age Networking nas Empresas 4

    Internet das Coisas (IoT) Bilhões de dispositivos conectados já estão implantados, e esse aumento na IoT não vai diminuir tão cedo. A IoT está mudando nossas vidas, o mundo em que vivemos e a maneira como fazemos negócios. Ela está se tornando cada vez mais a base crítica e facilitadora dos processos de negócios digitais.

    Entretanto, o poder de processamento limitado dos objetos conectados impede que os dispositivos tenham recursos de segurança sofisticados incorporados. Isso cria dois grandes problemas; os dispositivos são difíceis de configurar e são fáceis de invadir. O maior risco de segurança não está nos próprios objetos, mas nas portas que eles abrem para outros segmentos da rede. Uma vez que o objeto é comprometido e invadido, toda a rede corporativa fica vulnerável a vetores de ataque, como um cavalo de troia ou outro vírus. Quando você considera o fato de que as empresas conectam milhares, se não milhões, desses objetos, o desafio torna-se evidente; a configuração e o gerenciamento de dispositivos individuais é totalmente irrealista e os riscos de segurança são enormes.

    A solução de contenção de IoT da ALE foi concebida para fornecer uma solução automatizada para dispositivos IoT integrados com segurança e, ao mesmo tempo, proteger a rede.

    Três etapas principais para conectar, gerenciar e controlar adequadamente qualquer dispositivo de IoT devem ser seguidas: descobrir, segmentar e monitorar.

    • Cada objeto conectado à rede deve ser conhecido e classificado. A Digital Age Network da ALE fornece a capacidade de acessar a um grande banco de dados de dispositivos (17 milhões) para identificar imediatamente o objeto conectado à rede e provisionar automaticamente a configuração associada a um dispositivo específico.

    • É fundamental segmentar uma única infraestrutura de rede física em redes virtuais ou contêineres separados, para garantir que cada serviço ou aplicativo tenha seu próprio segmento dedicado, garantindo o funcionamento adequado e operações seguras.

    • A rede monitora o comportamento para garantir que os dispositivos e aplicativos da IoT estejam funcionando conforme desejado. Cada objeto autorizado é armazenado em um inventário. Isso permite que a TI saiba de forma exata e instantânea quantos dispositivos estão conectados na rede.

    É importante monitorar continuamente um objeto conectado na rede, para executar ações imediatas no caso de um desvio do comportamento usual. No caso de atividade incomum, a rede pode executar ações como desconectar o dispositivo com defeito, enviar uma notificação ao administrador da rede ou alterar o destino do contêiner dedicado para verificação adicional.

    Descobrir e classi�car

    Segmentação virtual

    Monitoramento contínuo

    https://www.al-enterprise.com/en/perspectives/strategies/iot-containment-security?utm_source=digital-asset&utm_medium=pdf&utm_campaign=doc-link

  • Folheto Digital Age Networking nas Empresas 5

    Inteligência Aumentada Inteligência artificial, análise de dados e aprendizado de máquina permitem melhor correlação entre eventos na rede, comportamento do usuário e do dispositivo. Isso é chamado de análise proativa, pois esses elementos também fornecem uma correlação mais profunda entre os fatores, para proporcionar uma melhor compreensão dos fatos, evitar problemas em potencial e permitir processos de negócios digitais.

    A Digital Age Network da ALE reconhece a QoE de seus usuários e pode identificar problemas rapidamente. Por exemplo, se um dispositivo demorar muito para se conectar à WLAN, a rede poderá identificar rapidamente o problema. Em seguida, serão executadas ações de correção para resolver o problema. A rede então enviará uma notificação ao administrador para indicar se o problema pode ser corrigido automaticamente.

    Com relação aos objetos conectados, a Digital Age Network desconecta ou coloca em quarentena automaticamente os dispositivos que atuam fora de um limite “razoável”. Esta função é automatizada para garantir o tempo de resposta mais rápido possível.

    Como parte da visão estratégica da ALE, o sistema de gerenciamento de rede será aprimorado com o aprendizado de máquina, para analisar configurações da rede, medições de QoE e problemas conhecidos, correlacionados com informações das versões de software e hardware da rede. A rede poderá sugerir ao administrador mudanças na configuração e atualizações. Depois de aprovadas p