Como Conseguir Bolsas Internacionals

download Como Conseguir Bolsas Internacionals

of 23

  • date post

    10-Dec-2015
  • Category

    Documents

  • view

    214
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Ebook - Como conseguir bolsas de estudos internacionais - World Grad School Tour. Por QS World University Rankings

Transcript of Como Conseguir Bolsas Internacionals

  • 1Como conseguirBolsas de EstudosInternacionais

  • 2 Para voc que quer estudar fora...

    ... pode parecer difcil at mesmo pensar no assunto, quando se considera o fator

    econmico. Isso porque, alm de ter que considerar a converso da moeda, o que j

    uma desvantagem natural para ns, brasileiros, tambm necessrio pensar sobre os

    custos com moradia, alimentao, material acadmico e, principalmente, as mensali-

    dades das universidades estrangeiras.

    Apesar de parecer impossvel, justamente para isso

    amenizar seus custos que existem as bolsas de estudo.

    Atualmente, h uma infinidade delas sendo oferecidas a

    brasileiros que querem estudar no exterior. O difcil sele-

    cionar a melhor opo qual voc deve se dedicar e iniciar

    seu processo de candidatura. Perceba que utilizo a palavra

    processo no por acaso.

    Estudar fora demanda planejamento. E este planejamento no se aplica somente sua

    escolha de curso ou de pas, mas tambm a uma agenda de atividades nas quais voc

    deve trabalhar para atingir seu objetivo de entrar em uma universidade internacional.

    Essas atividades compreendem desde o que fazer para poupar dinheiro at a sua prepa-

    rao para tornar-se um bom candidato a conseguir uma vaga na instituio escolhida e,

    preferencialmente, a uma bolsa de estudos.

    Estudar forademanda

    planejamento

    Estudar fora mudar para sempre a sua vida

  • Das coisas que aprendi vivendo fora...... e que me motivam a recrutar estudantes internacionais

    3

    Nos ltimos 6 anos, tenho trabalhado com estudantes de todo o mundo que buscam

    realizar seus estudos no exterior. Atravs dos eventos da QS, que acontecem em todos

    os continentes, tive a oportunidade de visitar os mais diversos pases e ter contato com

    estudantes de variadas culturas.

    Meu trabalho consiste em selecionar os melhores candidatos com o perfil que as esco-

    las internacionais buscam para seus programas, principalmente de MBA e de Mestrados

    especficos. Cotidianamente, analiso uma lista imensa de interessados em estudar fora,

    com seus respectivos CVs. Depois, entro em contato por telefone com aqueles que con-

    sidero mais adequados, agendando horrios para que conversem com as instituies de

    ensino durante nossos eventos.

    Dentre as maiores motivaes para desempenhar minhas atividades est justamente a

    de saber que estou lidando com sonhos e aspiraes de jovens profissionais, cuja de-

    ciso de deixar o pas (por quaisquer que sejam as razes) e se aventurar pelo mundo

    os impactar de maneira irreversvel. Muitos jamais voltaro aos seus pases de origem,

    conseguindo desenvolver sua carreira no pas onde inicialmente foram estudar. Outros

    acabam por conhecer o amor de sua vida no pas estrangeiro, casando-se e estabelecen-

    do-se no local ou em outro lugar do mundo.

    As possibilidades so imensas para aqueles que do o primeiro passo de deixar a sua

    zona de conforto e sair para estudar fora. Muito alm do desenvolvimento acadmico

    e do diploma obtido por uma instituio internacional de qualidade, outros ganhos im-

    portantes seno at mais importantes - so a experincia cultural, o estabelecimento

    de relaes com pessoas de todo o mundo e o aprendizado de um segundo ou terceiro

    idioma. So tantas as conquistas alcanadas nesse perodo de tempo, que a vida se trans-

    forma completamente, em todos os sentidos.

    As possibilidades so imensas

    para aqueles que do o primeiropasso de deixar a sua zona deconforto e sair para estudar

    fora.

  • 4Para mim, fcil me identificar com os candidatos que desejam

    estudar fora, j que eu mesmo vivi algo semelhante: aos 17

    anos, fiz meu primeiro intercmbio e, desde ento, sem-

    pre soube que no ficaria no Brasil pelo resto da minha

    vida. A experincia cultural foi to forte que, quando

    retornei ao Brasil, passei a estudar idiomas e a tra-

    balhar, com o intuito de me lanar na aventura do

    mochilo. E foi o que fiz.

    Trs anos depois, realizei meu sonho de viajar por toda

    a Europa por 6 meses, conhecendo inmeros pases, pu-

    lando de albergue em albergue. Nessa poca, fiz amigos

    verdadeiros, de diferentes pases, criados em culturas to

    diferentes da minha que, incrivelmente, enxergavam a vida da

    mesma maneira que eu. Por sorte, isso ocorreu num perodo em

    que o Brasil crescia em popularidade pelo mundo e muitos desses amigos

    acabaram por vir me visitar em terras brasileiras.

    Minha viagem trouxe mudanas at mesmo s pessoas ao meu redor, como meus pais.

    Ambos criados no interior, sem nunca terem sado do pas, comearam a tomar gosto por

    passear fora do Brasil, depois de terem recebido pessoas do mundo todo em nossa casa.

    Havia um orgulho e felicidade imensa em mostrar aos gringos a nossa cultura, nossa

    culinria, nossa cidade, dentre outros; alm da curiosidade de entender o outro, de

    saber como eram as referncias deles, as diferenas culturais, etc.

    O resultado daqueles anos que acabei vindo morar em Londres, onde resido atual-

    mente com minha esposa, que polonesa. Como consequncia disso, tambm veio a

    vontade de auxiliar outras pessoas a terem uma experincia parecida com a minha,

    atingindo seus objetivos de estudar fora.

    Muitos dos estudantes com os quais converso hoje, atravs das

    minhas atividades do trabalho, acabam por transformar-se em

    contatos, companheiros profissionais e at amigos. Acabei

    me tornando um conselheiro, tentando ajudar aqueles

    que precisam de informaes para dar continuidade ao

    projeto de estudar fora.

    Minha viagem trouxe mudanas at

    mesmo s pessoas ao meu redor.

  • 5Os eventos da QS so timas oportunidades no s para

    encontrar os representantes de admisso das melhores

    universidades do mundo, mas tambm para encontrar

    pessoas que querem a mesma coisa que voc

    Por isso, tambm me envolvi com a organizao dos eventos da QS, tanto de Mestrado

    como de MBA, onde os candidatos tm a oportunidade nica de conversar diretamente

    com diversas escolas internacionais e de encontrar pessoas que compartilham o mesmo

    objetivo. Alis, esta segunda possibilidade bastante enriquecedora, j que permite ao

    interessado criar um networking de motivao para passar pelas etapas de planejamen-

    to. Afinal, acredite ou no, nem todo mundo entende o sonho de estudar fora e muitos

    jamais pensariam em deixar o pas de origem, a famlia e os amigos.

    Entretanto, se voc est lendo este livro, porque se enquadra no grupo daqueles que

    desejam ter tal experincia e, por isso, precisa manter o seu foco. Meu conselho pra voc

    : no desista do sonho e siga em busca dele, ainda que possa parecer difcil.

  • Estudar Fora X Finanas

    Aps anos trabalhando com estudantes internacionais, posso afirmar que o principal

    fator no processo de mobilidade internacional mesmo a questo financeira, ou seja,

    como pagar por este sonho. Sabemos muito bem o quanto essa tarefa difcil para ns,

    brasileiros; mas h lugares do mundo onde a situao muito pior, e realizar esse sonho

    demanda algo como 100 anos de salrio, como o caso de alguns pases do sudeste

    asitico, por exemplo.

    A dificuldade ficou ainda mais acentuada com a crise

    econmica mundial, que se agravou e se arrasta at

    os dias de hoje. Some-se a isto a valorizao re-

    cente do dlar, que a moeda de cmbio da maior

    parte dos programas de estudo, o que dificultou

    ainda mais atingir o objetivo de estudar fora. Alm

    disso, os pases que mais atraem estudantes inter-

    nacionais, como os pases europeus, os Estados Un-

    idos, o Canad e a Australia, dentre outros, possuem

    moedas fortes, encarecendo ainda mais o financiamen-

    to dos estudos.

    Por isso, no h como evitar o tema: estudar fora demanda necessariamente pensar em

    um meio de financiar os estudos, seja economizando por alguns anos, seja emprestando

    dinheiro, ou atravs de uma bolsa. Mesmo que posteriormente voc consiga um empre-

    go no pas onde for estudar (sim, em alguns pases isto possvel), necessrio prepa-

    rar-se para a fase inicial da sua experincia internacional, j que os gastos com a mu-

    dana do Brasil no sero irrelevantes, ainda mais se voc no contar com vastas somas

    de dinheiro para investir nisso.

    6

  • As bolsas de estudo disponveis

    No toa, portanto, que as bolsas de estudo so to populares (e competitivas) entre

    os estudantes internacionais. Por sorte, inmeras empresas privadas, ONGs e institu-

    ies governamentais do mundo inteiro oferecem esses auxlios. Geralmente, as em-

    presas que fornecem bolsas, vem nelas um investimento em sua marca e reputao.

    J as ONGs as disponibilizam com o intuito de permitir que muitos jovens deixem suas

    realidades carentes para construir um futuro mais promissor, retribuindo sociedade

    posteriormente. Por fim, os governos enxergam nas bolsas a possibilidade de qualific-

    ar sua populao e permitir a troca de conhecimentos atravs da internacionalizao,

    atraindo os melhores estudantes de outros pases para contribuir com o desenvolvimen-

    to nacional.

    O fato que, atualmente, h tantas bolsas de estudo pelo mundo que estima-se que seja

    uma indstria de bilhes de dlares. Isso quer dizer que fcil conseguir uma bolsa?

    Este o ponto central deste livro e a resposta categrica obviamente NO.

    A empresa onde trabalho, a QS Quacquarelli Symonds, por exemplo, assim como in-

    meras outras empresas, possui um