bola em jogo - Amazon Web Services ... 5 Foco no cliEntE DE OLhO nO fUtUrO A Tintas Dacar manterأ،...

download bola em jogo - Amazon Web Services ... 5 Foco no cliEntE DE OLhO nO fUtUrO A Tintas Dacar manterأ، sua

If you can't read please download the document

  • date post

    08-Jun-2020
  • Category

    Documents

  • view

    0
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of bola em jogo - Amazon Web Services ... 5 Foco no cliEntE DE OLhO nO fUtUrO A Tintas Dacar manterأ،...

  • Economia E mErcado

    Crescimento de diversos setores mostra a diversidade econômica das regiões do Estado

    Págs. 3 e 4

    novembro/dezembro 2013 | número 25

    rpctv.com.br/comercial

    bola em jogo Anunciantes já começam a planejar e investir

    visando 2014, atraídos pelos bons indicadores econômicos do Estado. Págs. 8 e 9

    audiência E Programação

    Bom Dia Paraná: o telejornal preferido das manhãs dos paranaenses

    Pág. 7

  • A RPC TV encerra 2013 com chave de ouro. Os telejornais Bom Dia Paraná, Paraná TV – 1ª e 2ª Edições e o Globo Esporte, em Curitiba, agora são transmitidos em HD. Isso significa uma qualidade de imagem quatro vezes maior, com mais nitidez, definição e cor, mudanças que agradam os telespectadores, atraindo-os e fixando-os à programação da emissora.

    “Passar a operar o jornalismo em HD nada mais é que do que entregar para o telespectador nosso produto com uma embalagem melhor”, explica Wilson Serra, diretor de Jornalismo. Para ele, o conteúdo do jornalismo, que sempre teve excelente qualidade e segue uma linha de respeito e transparência, agora passa a ter também mais qualidade de imagem, transmitida com tecnologia de ponta. A nitidez em detalhes exigiu mudanças na iluminação do estúdio, na maquiagem dos apresentadores e repórteres, nas câmeras, servidores e no sistema de edição.

    CICLO DE QUALIDADE

    novidadEs no ar

    Editorial ÍndicE

    Chegamos à última edição do BTV deste ano com um olhar para o futuro. Trazemos neste número as percepções e perspectivas de empresas, empresários e executivos de vários setores para o ano de 2014. Um ano único para a economia do país que sediará a Copa do Mundo e terá eleições. O que esperar de 2014? Como se planejar e se preparar para este ano? Na matéria de CAPA do BTV você vai conhecer os números do Paraná que comprovam que o Estado é uma excelente opção de investimento. Em um ano em que as expectativas para o aquecimento da economia do país são enormes, nada como conhecer a realidade do mercado local e o perfil dos paranaenses para decidir pela estratégia correta de divulgação e colocar sua empresa em evidência em 2014. O estudo realizado pela RPC TV mostra que o Estado é o quinto maior PIB do país e tem a concentração mais expressiva da elite econômica. Ou seja, temos uma população com alto poder aquisitivo, ávida para consumir. Além disso, você vai ver nas páginas de Economia e Mercado que várias regiões do Paraná têm despertado suas vocações e se despontado no cenário nacional em suas áreas de atuação. Esse é o caso da tecnologia, em Pato Branco, e do Vestuário, em Cianorte. Mantenha essas informações, planeje sua estratégia, divulgue sua empresa e prepare-se para decolar em 2014!

    Boa leitura!

    Para garantir a qualidade da imagem dos telejornais foram necessárias mudanças na iluminação do estúdio e na maquiagem dos apresentadores e repórteres.

    Boletim de informação publicitária das emissoras da RPC TV, empresa do Grupo Paranaense de Comunicação - GRPCOM. Publicação bimestral. Presidente Executivo: Guilherme Döring Cunha Pereira. Presidente do Conselho Administrativo: Mariano Lemanski. Diretor Geral da RPC TV: Eduardo Boschetti. Diretor de Marketing da RPC TV: Marcos Franco. Diretor Comercial da RPC TV: Fernando Martos. Gerente de OPEC: Adriana Ambiel. Gerente Comercial da RPC TV em Curitiba: Rosaly Salazar. Gerências Gerais da RPC TV: Londrina - Silvana Postiglioni. Maringá - Ribamar Rodrigues. Foz do Iguaçu - Daniel Michelazzo. Cascavel - João Augusto Grande. Ponta Grossa - Cristina da Silva. Guarapuava - Rodrigo Libório. RPC TV Noroeste - Edwaldo Formentão Júnior. Edição: Interact Comunicação Empresarial. Jornalista: Carmem Murara DRT-PR 3063. Redação: Vanda Ramos. Projeto gráfico e diagramação: Id Comunicação. Gráfica: Corgraf. Tiragem: 1.200 exemplares. | Central RPC TV de Comercialização: Curitiba: 41 3340-7549. Londrina: 43 3377-3400. Maringá: 44 3218-6422. Foz do Iguaçu: 45 3520-4500. Cascavel: 45 3219-8000. Ponta Grossa: 42 3219-6500. Guarapuava: 42 3621-3900. Paranavaí: 44 3421-2721.

    ExPEdiEntE

    Economia & Mercado ................... 3/4

    Foco no Cliente .................................. 5

    Web ........................................................ 6

    Audiência e Programação .............. 7

    Capa ................................................... 8/9

    Opinião ...............................................10

    Cases de Sucesso ................11/12/13

    Desenvolvimento de Mercado ...14

    Relacionamento ..............................15

    Resultado que Você Vê ..................16

    Até o final do ano, a RPC TV em Londrina também contará com a nova tecnologia em seus telejornais. A expectativa é de que até a Copa de 2014 todas as emissoras da RPC TV no Estado já estejam operando com o jornalismo em HD. Para tanto, serão investidos mais R$ 17 milhões na aquisição de equipamentos e treinamento das equipes. A RPC TV não poupa esforços para entregar aos seus telespectadores produtos com qualidade cada vez maior. E, comprovadamente, esses investimentos trazem resultados, tanto para a emissora quanto para seus clientes. Veja na matéria da página 7 – Audiência e Programação – como as novidades e mudanças da emissora refletem positivamente na audiência dos nossos produtos e podem agregar valor à marca e aos negócios de nossos anunciantes.

  • 3

    A inovação está em alta na região de Pato Branco e Foz do Iguaçu, no oeste paranaense. A área, que abrange 42 municípios e conta com uma população de quase meio milhão de pessoas, tem forte origem na agricultura familiar, pecuária e soja, mas cresce agora em outra atividade: a produção tecnológica.

    De acordo com o secretário municipal de Ciência e Tecnologia de Pato Branco, Aldair Tarcísio Rizzi, todo esse desenvolvimento só é possível graças a uma mudança de visão estratégica, que alia poder público e empresas e cria um ambiente propício para o desenvolvimento criativo usando tecnologia de ponta. Um desses espaços é o Parque Tecnológico Binacional, idealizado entre o município brasileiro e a cidade de Posadas, capital da Província de Misiones, na Argentina.

    Além desse espaço crescente, a região conta com três instituições de ensino superior, entre elas a

    Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTFPR), que juntas somam oito mil alunos, jovens naturalmente conectados com as novas linguagens e tecnologias. A estratégia que presa pelo ambiente e oferta de mão de obra qualificada, tem dados bons frutos e já reúne no contexto do Arranjo Produtivo Local (APL) 70 empresas de base tecnológica.

    Outro exemplo do crescimento do setor é a realização em Pato Branco, no início de novembro, da I Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação, a Inventum. De acordo com as estimativas iniciais, visitaram o município em função da feira cerca de 20 mil pessoas. “Nossa ideia é criar esse espaço também com a construção de novos Centros de Pesquisa, incubadoras e aparelhos que possam fomentar o desenvolvimento tecnológico. Outro ponto importante que pretendemos desenvolver na cidade é exatamente o turismo ligado à área de tecnologia, aproveitando esse potencial”, comentou o secretário.

    ÍndicE Economia & mErcado

    “É EssEnCIAL A DIvULgAçãO sObrE Os bEnEfíCIOs trAzIDOs pELA tECnOLOgIA E A ImpOrtânCIA DEssEs InvEstImEntOs, QUE mELhOrAm A vIDA DE tODOs. É prECIsO DEsmIstIfICAr A IDEIA DE QUE A tECnOLOgIA Está DIstAntE DE tODOs.”

    Aldair tarcísio rizzi, secretário municipal de Ciência e Tecnologia de Pato Branco

    projeto do parque tecnológico binacional

    Pato branco e região:

    COnECt@DAs com a tecnologia

  • 4

    O setor atacadista do vestuário cresce exponencialmente na região de Cianorte, noroeste paranaense. Segundo estimativas da Asconveste, entidade que representa os atacadistas de roupa, o setor conta com 490 marcas em 300 lojas, movimentando cerca de 6 milhões de peças ao mês. Movimento este que aumenta durante a Expovest, feira realizada três vezes no ano e que chega a levar à cidade 15 mil pessoas, em sua maioria pessoas especializadas em venda de roupas e que tem um objetivo bem definido: comprar.

    “O setor cresce a olhos vistos e já gera 45 mil empregos diretos. As marcas da cidade são conhecidas pela qualidade e atraem público de várias regiões”, comenta Aline Magron, chefe da divisão de vestuário da Asconveste. Um dos diferenciais que alimenta o crescimento é o trabalho realizado pelos agentes de moda, ou guias, como são conhecidos. De acordo com Luiz Carlos Felipe, diretor executivo da Asamoda Shopping, em momentos não tão favoráveis economicamente, o trabalho de sair em busca de cliente é essencial.

    ConquisTar ClienTes nUnCA sAI DE mODA

    Os agentes atuam em diversas regiões, visitando os lojistas e convidando para vir até a cidade comprar. Felipe explica que esse trabalho é apoiado pela estrutura oferecida pelos cinco shoppings da região. Além de refeições e translado, esses espaços também contam com hotéis para que os visitantes possam realizar as compras com mais comodidade.

    Alessandro Sandaniel, gestor administrativo do Master Shopping, também acredita que o trabalho de relacionamento com o cliente, valorizando os serviços oferecidos, é um dos diferenciais