Avaliação dos Recursos Hídricos em quatro distritos das ...· caudal e registo de fontes...

download Avaliação dos Recursos Hídricos em quatro distritos das ...· caudal e registo de fontes operacionais

of 33

  • date post

    10-Nov-2018
  • Category

    Documents

  • view

    215
  • download

    0

Embed Size (px)

Transcript of Avaliação dos Recursos Hídricos em quatro distritos das ...· caudal e registo de fontes...

  • Avaliao dos Recursos Hdricos em quatro

    distritos das provncias de Gaza e Inhambane:

    Chigubo, Funhalouro, Mabote e Govuro

    Maio de 2017

  • Objectivo principal:

    Avaliao dos recursos hdricos e disponibilidade de

    gua, com maior enfoque para disponibilidade de

    gua subterrnea

  • Objectivos secundarios:

    Para cada distritos envolvidos (Chigubo, Funhalouro, Mabote e Govuro)

    - Avaliar os dados que influenciam a hidrogeologia dos territrios

    pesquisados (fontes presentes e suas caratersticas, geologia e

    hidrogeologia, capacidade de recarga dos aquferos etc.)

    - Realizao de mapas temticas (condutividade, Profundidade.

    Recarga do aqufero, etc.)

    - Elaborao de mas de anlise de viabilidade de explorao

    de guas subterrneas para:

    Pequeno sistema de abastecimento de agua

    Abeberamento dos animais

  • 1 rea considerada Chigubo

  • 2 rea considerada Funhalouro

  • 3 rea considerada Mabote

  • 4 rea considerada Govuro

  • Metodologia utilizada 1/3

    Etapa 1: Avaliao dos dados bibliogrficos, avaliao dos

    estudos anteriores;

    - Avaliao da bibliografia referente a hydrogeologia da zona pesquisata;

    - Avaliao da bibliografia existente sobre precipitao, cobertura Vegetal

    presente e dados climtico da zona pesquisada;

    - Avaliao de relatrios de estudos existentes, em especial os

    trabalhos realizados no mbito dos programas de abastecimento de

    guas nas zonas rurais e urbanas das reas de interesse ou a estas

    adjacentes.

    Para cada rea, o estudo foi dividido em trs etapas diferentes

  • Metodologia utilizada 2/3

    Etapa 2: Levantamento de campo;

    Nesta fase procedeu-se ao levantamento de campo seguindo estratgias que

    permitiram a recolha do maior nmero de dados possveis

    a) Levantamento de todas as fontes existentes na rea abrangida, em termos de

    qualidade de gua (medio da condutividade), profundidade dos furos, o

    caudal e registo de fontes operacionais e no operacionais;

    b) Recolha de dados para caracterizao fsica dos Distritos (demografia, tipologia de

    solo, clima, cobertura vegetal etc.);

    c) Informao sobre as condies de abastecimento e saneamento de gua da

    regio;

    d) Estudo geofsico em locais pr- selecionados e com dfice de dados:

    5 pontos em Govuro, 8 pontos em Mabote, 15 pontos em Funhalouro e 15 pontos

    em Chigubo

  • Metodologia utilizada 3/3

    Etapa 3: Anlise, processamento de dados e elaborao do relatrio final.

    Trs resultados principais atingidos

    a) Mapas temticos das zona pesquisadas (condutividade, profundidad, recarga

    etc.)

    b) Definio do potencial na disponibilidade em gua para dois diferentes

    cenrios para cada rea de estudo 1) Abastecimento para pequenos sistema e

    2)Abeberamento de gado

    c) Anlise conjunta da disponibilidade e necessidade em gua, recomendaes e

    sugestes, para cada rea de estdio avaliada.

  • ORGANIZAO DO RELATORIO

    Foram avaliados vrios aspetos que contribuem de certa forma

    para a ocorrncia de gua e ainda para a definio da

    necessidade em gua nos distritos avaliados

    Localizao e Diviso administrativa;

    Caracterizao scio-econmica;

    Demografia;

    Relevo e tipos de solos ;

    Clima (precipitao media);

    Cobertura Vegetal;

    CARACTERIZAO FSICA - 1/6

  • ORGANIZAO DO RELATORIOSITUAO ACTUAL DE ABASTECIMENTO DE GUA - 2/6

    So ilustrados os dados obtidos do levantamento de campo nos diferentes

    distritos referentes aos diferentes sistemas de abastecimento de agua nos

    distritos avaliados.

    Para o levantamento de campo a Equipa tcnica tinha o apoio da OXFAM,

    seus parceiros a nvel dos Distritos (CCM, AJOAGO, ADCR), contou ainda com o

    apoio da SDPI, chefes das localidades e ainda chefes a nvel dos bairros.

    No final foram avaliados os seguintes dados:

    Explorao de gua subterrnea (furos, poos, etc.)

    Captao de gua superficial (Lagoas, represas, rios, etc.)

    Captao da gua da chuva (recolha em caleiras e pequena reservas, etc.)

  • ORGANIZAO DO RELATORIO

    ANLISE DA OCORRNCIA DE GUA SUBTERRNEA - 3/6

    ilustrada a caracterizao geolgica e enquadramento hidrogeolgico da

    regio, bem como dados de condutividade eltrica e sua distribuio ao longo

    dos Distritos avaliados.

    Caractersticas geolgicas (avaliao da capacidade de recarga do solo);

    Caractersticas hidrogeolgicas (avaliao das capacidade do aquferos);

    Furos existentes nos distritos (com referimento a profundidade,

    condutividade, nvel esttico e dinmico)

    Estudo Geofsico (implementao dos dados onde tem Black spot);

  • ORGANIZAO DO RELATORIO

    ANALISE DA OCORRNCIA DE GUAS SUPERFICIAL 4/6

    s ilustrada a hidrografia e o potencial das aguas superficial para cada distritos

    envolvidos com evidencia de:

    Rios

    Lagoas naturais

    Barragem

  • ORGANIZAO DO RELATORIOANLISE DA VIABILIDADE DE EXPLORAO DE GUAS SUBTERRNEAS 5/6

    O resultado final de desta anlise foi obter um mapa que evidenciaria a

    potencialidade de explorao de agua nos distritos envolvidos baseando-se

    sobre diferentes critrios conectados entre eles.

  • ORGANIZAO DO RELATORIOAnlise da demanda de gua, recomendaes, sugestes e concluses 6/6

    1) Anlise da demanda de gua em relao a populao e a

    presena de gado e recursos disponveis;

    2) Recomendaes e sugestes;

    3) Concluses;

  • Metodo usado para a anlise da viabilidade de

    explorao de gua subterrnea

    Premissa:

    Existem diversas metodologias que permitem de analisar a viabilidade de explorao

    de gua subterrnea:

    Metodologia GOD (Groundwater occurrence, Overall aquifer class, Depth table of

    the groundwater)

    Metodologia SI (Susceptibility Index)

    Outras para situaes mais especficas.

    Inconvenientes:Tm parmetros bem definidos e critrios de classificao tambm definidos, no

    permitindo a sua otimizao aos locais de interveno e nem aos cenrios de

    anlise que se pretenda verificar

  • Anlise multicritrio AHP (Analitic Hierarchy Process)

    Definio:

    O mtodo analtico hierrquico (AHP) uma anlise multicritrio mais generalizada,

    podendo ser aplicado para diversas situaes e anlises.

    Este mtodo baseado sobre a definio de diferentes ordens de hierarquizao

    entre parmetros determinados, permitindo que se faa uma correlao entre os

    mesmos e assim definir-se como estes atuam de forma conjunta na caracterizao,

    neste caso, da viabilidade de explorao de gua subterrnea.

    http://www.dii.unisi.it/~mocenni/AHPdescrizione.pdf

  • Definio dos cenrios

    CHIGUBO E FUNHALOURO

    1. Pequenos Sistemas de Abastecimento de gua (PSAA), para servir nvel dos

    povoados

    2. Sistemas de Abastecimento de gua (SAA), para servir a nvel das localidades

    (Grandes sistemas de abastecimento de agua)

    3. Sistemas de Abastecimento de gua para animais de grande porte

    MABOTE E GOVURO

    1. Sistemas de Abastecimento de gua (SAA), para a populao a nvel de povoados

    dispersos;

    2. Sistemas de Abastecimento de gua para animais de grande porte

    DIFERENA ENTRE AS DUAS Provncias em termos de cenrios- Populao distribuda de forma no proporcional para este tipo de infrastrutura precisaria

    cada vez um estudo calibrado ad OK.

  • Definio dos parmetros

    Parmetros considerados:PARAMETRO

    CONDUTIVIDADE

    PROFUNDIDADE

    PRODUTIVIDADE

    RECARGA

    RECARGA

    PRECIPITACAO

    PERMEABILIDADE

    COBERTURA VEGETAL

    CLASSIFICAO DOS PARAMETROSPor forma a que os parmetros sejam correlacionados necessrio que os mesmos sejam

    relacionados a uma classificao quantitativa (desde 1 ate 10), para que de seguida sejam

    definidos valores de hierarquizao sobre os mesmos.

    Classificao da

    condutividade para

    consumo Humano

  • CLASSIFICAO DE TODOS OS PARAMETROS CONSIDERADOS

    Classes de Precipitao Chuva

    Classificao Classe Valore de precipitao media

    mensal (mm)

    Muito Bom 10 > 58

    Bom 7-9 57-52

    Moderado 5-6 54-52

    Mau 2-4 51-49

    Muito Mau 1 < 48

    Classes de cobertura vegetal do solo

    Classificao Classe Tipo de cobertura

    Muito Bom 10 Savana, pradaria, halofolia

    Bom 7-9 Pradaria magal, rios, lagos

    Moderado 5-6 Mata arbustiva mediana,

    matagal

    Mau 2-4 Matagal coberto, mata

    aberta, mata brenhosa

    Muito Mau 1 Floresta, mata fechada

    Classes de permeabilidade dos solos

    Classificao Classe Permeabilidade do solo

    Muito Bom 10 Excessiva

    Bom 7-9 Excessiva a boa

    Moderado 5-6 Boa a imperfeita

    Mau 2-4 Imperfeita a ma

    Muito Mau 1 M a muita m

    Classes de Produtividade

    Classificao Classe Q (m 3 /h)

    Muito Bom 10 > 50

    Bom 7-9

    Moderado 5-6 3 - 10

    Mau 2-4 < 5

    Muito Mau 1

    Classes de Profundidade

    Classificao Classe Prof. (m)

    Muito Bom 10 < 20

    Bom 7-9 20 - 30

    Moderado 5-6 30 - 60

    Mau 2-4 60 - 80

    Muito Mau 1 > 80

    Classes de condutividade para consumo humano

    (Cenario I)

    Classificao Classe Valores de cond.

    Muito Bom 10 < 1500

    Bom 7-9 1500-2 000

    Moderado 5-6 2 000 - 3 000

    Mau 2-4 3 000 - 5 000

    Muito Mau 1 > 5 000

    Classes de condutividade para consumo animal

    (Cenario II)

    Classificao Classe Valores de cond.

    Muito Bom 10 < 1500

    Bom 7-9 1 500 - 5 000

    Moderado 5-6 5 000 - 8 000